O Conselho Arcturiano da 9ª D – A dor é sua amiga – Janeiro / 2017

O Conselho Arcturiano da 9ª D – A dor é sua amiga – Janeiro / 2017

Por Daniel Scranton – Janeiro / 2017

“Saudações. Nós somos o Conselho Arcturiano. Temos o prazer de nos conectar com todos vocês.

Arcturus-Post-22.11.2015-15É hora de todos vocês reconhecerem o valor que a dor traz para suas vidas. É hora de todos vocês abandonarem a resistência à dor em todas as suas formas. A dor não é o inimigo. A dor é sua amiga. Se não fosse pela dor, você manteria sua mão sobre o objeto quente que queimaria sua pele.

Então observe, sempre há exemplos no físico como para o etéreo, para o metafísico, o esotérico. A dor que você experimenta emocionalmente e psicologicamente também está lá para lhe dar a dádiva de demonstrar a você o que não lhe serve. Está lá para alertá-lo de que é hora de você se afastar de algo ou de alguém.

A dor também tem a capacidade de exauri-lo. Você pode começar a se identificar com ela, a vê-la como aquilo que o define. No entanto, há um meio saudável que todos vocês têm agora a oportunidade de chegar. A forma feliz que você procura chegar é aquela em que você reconhece o valor da dor, mas também não a usa como uma ferramenta. Você compreende, você pode reconhecer a dor para além de onde ela serve, numa variedade de razões, a mais óbvia dessas razões é a simpatia e a atenção dos outros.

Quando você percebe a dor para o que ela é, e você chega a um acordo com ela, você tem um relacionamento saudável com ela, então você não precisa apegar-se a ela por mais tempo do que realmente serve para experimentá-la. Você pode se mover através da dor e ter uma experiência muito mais agradável em muito pouco tempo. Um dos motivos em que você fica preso em um ciclo de dor é por não aceitar as circunstâncias, e outro é proporcionando-se um momento difícil para sempre encontrar a dor em primeiro lugar.

A dor é inevitável. É parte da experiência humana, e é o que você faz com ela que realmente importa. Você pode usá-la para inspirá-lo. Você pode usá-la para criar algo novo. Você pode usá-la para impulsioná-lo para o que você quer e, quando você faz isso, você vê a dor como sua amiga. E então, quando surge, você não tem que temê-la, você não tem que fugir dela e você não tem que fazer qualquer coisa para evitá-la custe o que custar.

Há liberdade em aceitar a dor, e há poder em demonstrar a si mesmo que você é maior do que a dor. Por isso, recomendamos que a utilize e que a deixe servir/auxiliar.

Nós somos o Conselho de Arcturiano e nós apreciamos nos conectar com você.”

Fonte – http://danielscranton.com/

Tradução Vilma Capuano – vilmacapuano@yahoo.com.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s