Jenny Shiltz – Jornada das Mil Mortes – Deixa ir – 16.03.2017

Jenny Shiltz – Jornada das Mil Mortes – Deixa ir – 16.03.2017

Por Jenny Shiltz – 16 de março de 2017

Foi dito antes que é como se nós morrêssemos mil mortes nesta jornada. Esta é uma das coisas mais verdadeiras que já ouvi. Não importa onde você está neste caminho, porque uma vez que você pisar nele conscientemente ou inconscientemente, partes de você começam a morrer. Deixamos para trás todos os pedaços de quem pensávamos que éramos, as identidades que assumimos ou foram colocadas sobre nós, as partes de nós e as pessoas que não ressoam com quem estamos nos tornando. Isso tudo solta-se em camadas, porque eu não estou certa que nós poderíamos sustentar a verdade de nosso ser de uma só vez. Às vezes, o Deixar Ir é feito com força como se o Universo (você) estivesse conspirando contra você, e outras vezes a camada é tão profunda que sua plena participação é necessária. Tem de ser consciente no Deixar Ir, ponderar, e entrar no novo.

Agora mais do que nunca estamos sendo convidados a não apenas Deixar Ir, mas para realmente ver o impacto que esses “eus falsos” tiveram em nossas vidas. Onde esses eus tinham medo, falta e, ao mesmo tempo, como eles forneceram a tela perfeita para que experimentássemos exatamente o que precisávamos para nosso crescimento. Nós estamos sendo apresentados para nossa disfunção e como profundamente nada disto pode estar na Luz mais elevada. É a resistência a este Deixar Ir que cria tal sofrimento em nossas vidas.

Eu sabia que eu tinha batido/perfurado em uma nova camada do eu que precisava ir. Eu tinha trabalhado com ela por alguns dias, sentindo-a, compreendendo sua voz e papel. Alguns dias atrás eu estava indo para as fontes termais porque eu precisava absorver a cura. Eu comecei de novo, batendo nesta camada, sentindo realmente a resistência que estava lá e embaixo dela encontrei medo. Esta camada estava com medo de ir e estava realmente causando estragos no meu corpo emocional. Eu estava ansiosa, irritada, insegura … entulhada. O ritmo da estrada e o som do rádio me proporcionaram a fuga perfeita para explorar e realmente ouvir e sentir o que estava sendo expresso. Eu estava grata pelas acentuadas estradas da montanha que exigiam a atenção do meu marido, porque se ele tivesse olhado e visto lágrimas escorrendo pelo meu rosto, eu teria que confessar a crise existencial que eu estava tendo.

Comecei então um diálogo sincero, ativo dentro de mim.

Eu: Eu preciso que você vá, esta necessidade de ser insignificante, e tornar-me pequena para o conforto de outro, o medo de me colocar lá fora …. Não me serve mais.

Camada: E se eu deixar você morrer também? Você tem filhos e um marido.

Eu: Então era para ser. Seu maior bem seria servido também. Eu confio nisso.

Camada: E se você mudar tanto que seu marido não vai querer estar com você?

Eu: Isso me deu uma pausa e então eu ouvi o meu Eu Superior dizer – ele tem estado com você a cada mudança e tem amado vê-la – você que sempre soube sair das sombras.

Camada: Tenho medo.

Eu: Eu sei, mas você vai ficar bem. Obrigada por tudo que você me ensinou. Estou avançando agora.

Com isso, eu literalmente senti algo sair do meu corpo. Foi uma mudança enorme e uma liberação como nada que eu já experimentei. Então eu senti paz, a bela e abençoada paz. A próxima vez que eu capturei o olho do meu marido, eu reluzi um sorriso. Eu estava indo para ficar bem, estávamos indo para ficar bem e eu senti tanta alegria e emoção para o que está aparecendo do novo na minha vida agora que eu liberei o velho.

Conforme essa conversa era tão esclarecedora, comecei a me lembrar das mais sutis que tive ao longo dos anos. E se eu perder todos nesta viagem? E se eles pensassem que eu era louca? E se eu for louca? Eu me lembro dos medos despojando camada por camada.

Algumas camadas ficaram ao redor me causando sofrimento por meses antes que eu finalmente fui capaz de CONFIAR E DEIXAR IR. A liberação é mais rápida agora, porque minha confiança é maior e, em vez de lutar contra a liberação, expresso gratidão por seu papel e conscientemente passo para o novo.

Ser clara no meu diálogo interior, que todos nós temos, realmente ajudou. Retarde seus pensamentos, ouça-os realmente e não hesite em falar a sua verdade para esses pensamentos.

Descobri que há uma crença equivocada dentro da espiritualidade de que falar seus medos, nomeá-los, dá-lhes poder ou manifesta-os. Eu chamo o “touro”! Acho que nomear meus medos me ajuda a realmente vê-los e eu mostro a eles compaixão. Não é isso que todos nós queremos quando estamos com medo? Compaixão e compreensão.

Partes de nós sentem que estão morrendo e que o mundo ao nosso redor se desintegrará enquanto encarnamos mais e mais quem realmente somos. A única maneira que isso pode ser feito graciosamente é com Intenção Consciente e Amor Profundo.

***

À medida que nos aproximamos de um Equinócio extremamente poderoso, você vai descobrir a necessidade de deixar que tudo o que é velho dentro de você se vá. Isso também está sendo espelhado no mundo exterior com descompressão, mudanças de emprego, mudanças de relacionamento e até mesmo mortes. Alguns de nossos companheiros animais também estão fazendo a transição porque seus papéis estão completos … eles o ajudaram, mostrando-lhe verdadeiro Amor Incondicional.

Agora é hora de mostrar o amor a si mesmo. Devido às mudanças vastas que nós todos sentimos, mesmo aqueles não sensíveis da energia, eu estou observando que os medos exteriores estão em ascensão.

Pare, fique quieto, e veja se você está temendo algo à sua frente, ou distante. Muitos estão se desligando das redes sociais e da mídia por essas razões.

A verdade pode ser difícil de discernir, mas o que não é, é como seu corpo reage quando você se concentra nessas coisas.

Você se sente ansioso, assustado, cansado e oprimido? Não se engane, nós alimentamos coisas com nossa energia; podemos alimentar o Amor e a Alegria ou podemos alimentar o medo e a dualidade.

A separação das frequências está se tornando mais distinta, isso tem que acontecer para que possamos facilmente ver e sentir as diferenças. O Equinócio marca o início do tempo quando as frequências não são apenas distintas, mas começam a se afastar umas das outras. É por isso que há um grande impulso neste momento para todos nós sermos muito conscientes de nossos pensamentos e emoções.

Temos que escolher o que queremos que continue em nossas vidas. Escolha e conscientemente substitua a programação antiga, afirmando a sua verdade. Profundamente arraigada a programação necessitará esforço consistente, mas vale a pena.

É hora de nós possuirmos exatamente quem somos sem desculpas.

À medida que reescrevemos a programação, a densidade deixa nossa forma de maneiras às vezes desagradáveis e explosivas. Dores de cabeça também podem ser comuns. Durante o processo de remoção da Grade, (mais uma explicação aqui: http://jennyschiltz.com/connecting-to-the-new-grid/), sensação de tonturas, náuseas e falta de ancoramento é comum.

Também com as Linhas de Tempo que dissolvem e que deslocam podem dar a sensação como se estivéssemos perdendo nossas mentes. As coisas desaparecem e surgem em outro lugar. Tudo o que podemos fazer é rir e balançar nossas cabeças. Com toda essa atividade, você pode perceber que sua própria intuição e habilidades estão aumentando. É muito emocionante. Estamos entrando em um novo mundo de possibilidades, porque fazemos as frequências mais altas dominarem a nossa forma.

Não há nenhum véu na Nova Terra, os únicos véus que permanecem estão dentro de cada um de nós e são determinados pelo que podemos lidar e quais as experiências que escolhemos para o nosso crescimento contínuo. Agora é um grande momento para o registro diário, para que você possa olhar para trás e se surpreender com o quanto mudou e quanto tem se mostrado a você.

Espero que cada um de vocês esteja encontrando alguma Paz dentro do caos.

Como um curandeiro com quem trabalhei, disse: “Que todas as coisas aconteçam com Facilidade e Graça, Facilidade e Graça.”

Enviando-lhe todo Amor e Força.

Jenny

Fonte – http://jennyschiltz.com/

Tradução – Vilma Capuano – vilmacapuano@yahoo.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s