O mundo em transição – entrada no novo ano astrológico… – 19.03.2017

O mundo em transição – entrada no novo ano astrológico… – 19.03.2017

Todo ano, quando o Sol ingressa no Signo de Áries, começa um novo ano astrológico. Na natureza, acontece um equinócio e uma nova estação tem início. Quando o equinócio de março acontece, aparentemente o Sol cruza a linha do equador para o norte e, por isso, no hemisfério norte começa a primavera. Para nós, no hemisfério sul, começa o outono.

Mas voltando ao início do ano, podemos sentir intensificar algo que já está acontecendo. Estamos notando que está tudo caminhando para seus extremos, para os polos. O que está funcionando está ganhando estrutura e resultados. Estamos assistindo grande quantidade de pessoas se encontrando, seguindo seu verdadeiro caminho. Por outro lado, estamos vendo muita coisa desabar. As falsas verdades e as estruturas sem base estão desmoronando, porque neste momento apenas fica o que é de verdade.

O ano novo astrológico começa oferecendo uma dose extra de energia e coragem para transformarmos aquilo que for necessário. Mas é preciso lutar, fazer um esforço, porque nada cai assim do céu. Mas, com certeza, se agirmos certo teremos bons resultados.

Vale lembrar que Saturno é o regente do ano e que ele está em Escorpião e, no mapa de ingresso, retrógrado, nos levando para o mais profundo de nós mesmos e de nossas vidas. Estamos vivendo uma espécie de “auditoria”, individual e coletivamente. Estamos sendo obrigados a encarar nossos maiores medos e enxergar todas as nossas sombras. Como se ele apontasse sua lanterna para aqueles nossos cantos mais escuros, que precisam de limpeza e transformação.

Mas também estamos resgatando nossos tesouros e conseguindo enxergar nossos recursos para superar o que for preciso e conquistar o que mais desejamos. Porque Saturno dá trabalho, mas recompensa. Saturno oferece resultados na medida de nossos esforços, porque apesar de desafiador, é muito justo. Saturno também nos ensina que existe um tempo para cada coisa e que temos que respeitar não apenas esse tempo, mas todos os limites que nos são impostos, sejam nossos, dos outros, da vida.

Este também é um ano que permitirá a transformação de sonhos em realidade. Mas para isso é preciso estar sintonizado com a alma, com a essência. É preciso limpar nossos porões, jogar fora nossos lixos. Ou melhor, reciclá-los, transformá-los. E, porque não, é preciso transformarmos a nós mesmos, porque se queremos um mundo melhor, temos que melhorar o que somos, temos que nos transformar em quem somos de verdade, sem máscaras.

Esse é o ano da justiça, da verdade, da coragem e da superação. É verdade que pode também ser um ano de perdas, de transformações e desafios. Mas certamente é um ano de grandes acontecimentos, com possibilidades infinitas de conquistas para quem tiver a coragem de viver a vida por inteiro, com verdade e profundidade.

— Equinócio representa época de grande poder

Mas vale lembrar que a ocasião também marca o início do Equinócio – que ocorre no primeiro dia da primavera no hemisfério norte, bem como no primeiro dia de outono no hemisfério sul. Nesta data, os dias e as noites têm exatamente a mesma duração. Astronomicamente, isto ocorre quando o Sol cruza a linha do equador, ficando exatamente na metade entre o hemisfério sul e norte.

Além do peso na Astrologia, os Equinócios também são eventos importantes em muitas culturas antigas, como a nórdica e a celta. Segundo a teoria  do Sagrado Feminino, esses dias faziam parte do “calendário”, que assinalava as oito épocas do ano nas quais ocorriam momentos de maior poder – dentre elas os Equinócios de Outono e Primavera.

A cultura celta foi uma das que adicionou os Equinócios em suas celebrações anuais; existiam festivais de comemoração, trabalhos energéticos e de honra à natureza, chamados “Sabbats”. Essas datas, comemoradas por alguns até hoje, representam o convite para que as pessoas entrem em conexão com a natureza, se renovem e floresçam. Dentre os oito “Sabbats” existentes, quatro deles eram os mais importantes: Solstício de Verão, Solstício de Inverno, Equinócio de Outono e Equinócio de Primavera.

Para os celtas, o Equinócio de Outono assinalava o final de um ciclo e o começo de outro. Era o momento de olhar para trás, descobrir quais foram os erros e os acertos, e planejar os próximos passos.

— 2017 é o Ano do Galo

. Em algumas partes da China, o Ano Novo pode levar até um mês de comemoração. Mesmo Hong Kong costuma parar por três dias para dar lugar à festa. É uma ocasião para as pessoas relaxarem e passarem um tempo celebrando com as suas famílias;

. 1933, 1945, 1957, 1969, 1981, 1993, 2005 são os últimos anos recentes que foram regidos pelo galo – o próximo será só em 2029;

. Na astrologia chinesa, cada ano é também associado a um dos cinco elementos da natureza: metal, madeira, água, fogo ou terra. 2017 não só é simbolizado do galo, como também é do fogo. O último ano assim foi 1957!

. Segundo Zhao Li, diretora do China Culture Centre na Austrália, há muitas expectativas para o Ano do Galo. Ao The Sydney Morning Herald, ela disse: “um galo brilhante e entusiasmado combinado com as proeminentes características do fogo anuncia um ano empreendedor e frutífero; um ano de resultados e conquistas. (Em 2017), podemos realizar todos os nossos sonhos”

Visão pessoal…

Podemos dizer que a Astrologia é uma linguagem e o astrólogo é um intérprete. A Astrologia se fundamenta em um paradigma que afirma que todas as coisas que existem no Universo estão inter-relacionadas. Se todas as coisas estão conectadas entre si, a posição dos planetas num determinado momento de nascimento falará sobre essa vida, revelando seu propósito, seus talentos, suas motivações. A Astrologia não determina nada. A única coisa que pode determinar algo em sua vida é você mesmo, pois cada pessoa é o sujeito criador de sua própria existência. O Mapa Astral pode revelar em quais sentidos você tende a sentir-se mais realizado, assim como em quais sentidos você se sentiria desconectado de si mesmo. Cada mapa é um projeto pessoal e funciona como um relógio que revela o tempo certo de cada um e a qualidade deste tempo interno. Assim sendo, o que vai acontecer em sua vida pode ser determinado apenas por você, que determina o rumo que as coisas irão tomar. O mapa é só um “roteiro para seu personagem”. Como você interpretará este personagem é um mérito seu e dependerá, dentre outras coisas, da educação que você recebeu, do ambiente e das oportunidades sociais. Utilize seu mapa como um ponto de partida para a maior de todas as viagens, que é em busca de si mesmo. E lembre-se: você é mais do que apenas um mapa. Não o utilize para justificar seus problemas e seus defeitos. Veja-o como uma porta para a consciência….

Inspiração…

Guia Pratico de Astrologia Chinesa – PDF

Livro Astrologia Chinesa das Nove Constelações – Gerard Edde – PDF

Os Solstícios e os Equinócios – Fraternidade Rosacruz

Recomendo…

Fonte – Monicavox

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s