O Plêiades 1 – Informações e Glossário específico – 02.10.2016

O Plêiades 1 – Informações e Glossário específico – 02.10.2016

Recentemente, por canalização, comecei a receber de um setor das Plêiades mensagens de um grupo de consciências chamado “Plêiades 1”. Trata-se de um grupo de seres que não tem forma física, como já foi informado anteriormente no link ou Aqui. Eu os vi em algumas oportunidades e mais parecem lindos sóis azuis brilhantes, em ebulição. Lindos seres de pura energia! Em outra canalização recente, no dia 06.10.2016, recebi deles uma mensagem complementar. Siga o link ou  Aqui .

Vide abaixo imagem aproximada do Plêiades 1

Plêiades 1 são seres que trabalham em cima de potenciais e cálculos precisos. Há que se ter a mente e coração abertos para receber essas informações, considerando que, primeiramente o coração precisa estar livre de medos e preconceitos, já que a mensagem, como também informado anteriormente, (vide link 1 acima), é para o EU mais elevado. 

Há também necessidade de se abandonar a racionalização das informações para não cair em estresse mental, já que só se conseguirá decodificar a mensagem, se estiver mentalmente tranquilo. As informações são, em sua maioria, codificadas e direcionadas aos despertos na superfície e nos planos etéreos. Quando centrados no coração, conseguirão entender a energia das NOTAS. Mesmo que a mente racional/linear não consiga compreender o significado de alguns termos usados, (esses exemplificados no glossário), conseguirá, a nível Superior, compreender a energia.

Há que se entender também que as codificações serão compreendidas de acordo com o nível de consciência. Quanto mais o nível é elevado, mais preciso será o entendimento. E aqui não há julgamento no sentido de, “se não compreendeu é porque não está elevado”. NÃO! Não é isso que quero dizer! Mas se assim o for, se à primeira vista não compreenderem, convido-os a saírem da racionalidade/linear e irem para o coração. Todos podem compreender, desde que deixem o coração ouvir. Não compreender à primeira vista, não quer dizer que não possam. Apenas precisam acalmar a mente e ir para o coração.

Há muitos grupos como esse trabalhando simultaneamente e trazendo informações semelhantes para os seus agrupamentos em Terra. A exemplo, temos os códigos fornecidos pelo COBRA, (vide COBRA em: http://www.sementesdasestrelas.com.br), um dos representantes do Movimento da Resistência na superfície que, entre uma atualização textual e outra, publica códigos específicos, como esses por exemplo: “Systems/Isidic red alert at 504” e/ou “EXMOSS clear matter sequence in progress”, que para muitas pessoas podem parecer sem significado, mas que, de fato, há um grande sentido. O COBRA está trocando e liberando informações codificadas para integrantes da sua equipe, assim como recebendo essas informações diretamente do Movimento da Resistência (vide sobre MR aqui, http://www.sementesdasestrelas.com.br/) e repassando. 

Temos também o Grupo ÉirePort/Gaia Portal que traz mensagens codificadas, ou como eles mesmos dizem: “O nosso lugar neste reino tem sido para comunicar mensagens de Gaia para aqueles que podem ser chamados de “Companheiros da Consciência de Gaia” e “Viajantes de Gaia”… Este grupo é composto por Portadores de Luz, mais precisamente, “Portadores de Frequências”, de vários níveis; cada um, ajudando em seus próprios reinos, (alguns abrangendo várias arenas vibracionais). Nossa função, como o Grupo ÉirePort, é comunicar-se com aqueles com olhos para ver, ouvidos para ouvir e coração para compreender a amplitude e plenitude de nossas mensagens.” Vide mais sobre ÉirePort/Gaia Portal aqui: http://www.sementesdasestrelas.com.br/.

O Plêiades 1, com a liberdade que tenho de informar, digo que é um Grupo trazendo informação, não só para as Sementes das Estrelas, Guerreiros e Trabalhadores da Luz, mas para o Globo em si, em todos os planos que compõem essa experiência. Trazem informações precisas acerca do que tem acontecido na superfície, nos planos etérico e galáctico superior. Informações sobre potenciais precisos e avanços das forças da Luz em todas as áreas, além de, por detrás das linhas escritas e lineares, trazerem códigos cristalinos em formato de Geometria Sagrada. Estas entram pelos olhos e promovem transformações interiores, possibilitando a expansão de consciência, para que cada Trabalhador da Luz se reconheça como tal. Assim, podem ajudar neste grande processo de libertação planetária das forças escuras e a nossa reintegração na comunidade galáctica. (Sair da quarentena galáctica).

Novamente, reitero a necessidade de deixar o coração ouvir a informação e, assim, integrando-a em si mesmo. Dessa forma, tornar-se mais um Aliado em Terra capaz de receber, decodificar e distribuir a informação/Luz que chega constantemente. Elas chegam por meio do Plêiades 1, COBRA, ÉirePort ou qualquer outro Grupo com missão de trazer informações precisas e códigos de Luz.

Concluindo, deixo aqui alguns termos usados para que possamos também compreender equilibradamente, no mental, alguns conceitos. E, à medida que as informações forem chegando, espero poder contribuir trazendo as explicações da melhor maneira, caso sejam necessárias, e me seja autorizado. 

Lembrem-se sempre: Eu, Gabriel Raio Lunar, não sou o senhor da verdade absoluta, mas apenas mais um que está de coração aberto a servir, colocando-me a inteira disposição das Forças da Luz. Leia e, em seu coração, sinta a avalie as informações trazidas. Apenas sinta. Se ressoar, seja bem-vindo, senão, siga seu caminho em Paz, ciente que eu não estou certo e nem você errado, nem você certo e eu errado. Estamos apenas experienciando de acordo com nossos níveis de consciência.

Glossário: Termos e expressões utilizadas até o momento pelo Grupo de Consciências Esféricas de Luz Azul Brilhante – Plêiades 1

***

444-Local = Setores de Comunicação Midiática controlados por MiD e “ar”.

4DT*S&I = Quarta Dimensão Terrana, Superior e Inferior.

A-D-M-P-V-S-E INTEGRADO = Código secreto, ainda não pode ser informado.

ABERTURA DA SÉTIMA CAMADA (OU OUTRAS CAMADAS DESSA ORDEM) Camadas do véu negativo = Camadas de plasma negativo que impedem/ou tentam impedir a entrada mais pura da luz solar e/ou da Luz das forças da Luz. Ou mesmo de pensamentos telepáticos de mentores da Luz das esferas Superiores. É uma energia negativa que impede a interação, ou pelo menos tenta impedir que os seres humanos despertem. Quando as Camadas de Plasma negativo (o véu) forem removidas, a consciência das pessoas expandirá e o Nêutron Iniciático poderá se dissolver e a interação entre as demais realidades ocorrerá naturalmente. 

ADHAMANTINOS (PRONUNCIA-SE ADAMANTINOS) = São seres de um Sistema Cristalino localizado noutro universo. Entraram nesse universo através de um Portal Interestelar localizado na Galáxia de Andrômeda. São seres muito amorosos e carregam a Energia Rosa do Amor Universal e Primordial da Fonte Criadora dos Multiversos.

Chegaram a esse sistema a chamado da força conhecida como Plêiades 1 e dos Seres Magnéticos do Universo Magnético chamado Vitrol-X e Quadril 5 – a Força Magnética do Universo de onde vieram seres conhecidos como Zero i (0i) e IUD-IL também são os atratores desses Seres Cristalinos a esse Quadrante.

Eles são seres puramente com aparência de cristal. Quem olha para eles os vê, realmente, como cristais “andantes”. Têm a cabeça triangular como se fosse uma pirâmide invertida, de cabeça para baixo, corpos magros, medem, em média, dois metros e vinte centímetros de altura. No centro das suas cabeças, ou melhor, na altura do terceiro olho, eles têm uma forma geométrica de luz, que mais parece uma estrela. Na verdade, parecem duas estrelas, cada uma de cinco (5) pontas, sendo que elas se sobrepõem. São de energia rosa brilhante. No centro do seus peitos, vê-se também seus corações, que mais parecem dois sois rosas. Pelo fato de serem seres de cristal transparente, pode-se vê-los claramente. (Imagem: https://senhoradesirius.files.wordpress.com/2016/10/cb696-adhamantinos.jpg) Algumas pessoas podem perguntar: “E os outros órgãos?”, Claro, não vejo órgãos. Eles são de cristal transparente, mas pura energia. Apenas no centro do peito, têm uma luz que parece um coração, um sol rosa pulsante e brilhante. As demais partes do corpo, apenas energia brilhante, como se todo o “interior” do corpo fosse de energia cristalina, entre o branco e o azul cristalino suave.

Chegaram ao Sistema Terrano para ajudarem no processo de purificação, especialmente, dos chacras cardíacos masculinos danificados ao longo das eras, assim como os chacras femininos, especialmente, o básico das mulheres. Vieram para ajudar no desbloqueio e equilíbrio desses chacras. Eles formaram uma Grade Cristalina rosada em todo planeta, para ajudar nesse trabalho de purificação dos chacras danificados de todos os seres da Terra. O seu último contato direto com os Terranos foi no período da segunda grande guerra, quando tentaram contatar aquele conhecido como Hitler, e ajudá-lo a transformar o seu chacra cardíaco, a fim de evitar o que todos já sabem… o que, infelizmente, eles não tiveram abertura suficiente daquele ser para fazer isso.

Agora voltam com toda força num exército de cerca de, acreditem, 300 (trezentos) bilhões de Consciências Cristalinas para formar, não somente no plano terrano, mas também em toda Galáxia, a Grade Rosa do Amor Universal, para envolver todos os seres dessa Galáxia. Eles são seres da 15ª Dimensão e são extremamente respeitados em todos os universos conhecidos. Eles solicitaram às forças celestes responsáveis por esse quadrante permissão para, por um período, dar tonalidade Rosada ao Sol Local, a fim de usarem-no como retransmissor das suas energias. Aqueles mais sensíveis poderão perceber essas energias no Sol, quando eles estiverem completamente ancorados neste universo. É uma força extremamente amorosa, e não há nenhuma barreira que os impeça de agir.

Há mais vindo, muito mais. Para algumas pessoas, essas informações, mesmo que possam parecer utópicas e sem sentido, eu, Gabriel, acredito em 100% das informações que recebo, e sempre gosto de enfatizar: Jurei pela verdade, entregando todos os meus sentidos a Jesus e Hostes Celestes, e que não faltaria com a verdade, de forma alguma. Eu seria apenas o transmissor de tudo o que me fosse informado e que se algum dia faltasse com ela, por vaidade ou qualquer coisa do tipo, eu fosse barrado. Graças a Deus, até o momento tenho tido autorização de trazer essas informações para aqueles que acreditam, ou mesmo àqueles que não acreditam. Eu sou apenas um carteiro. Entrego cartas. O que os seres humanos vão fazer com elas é do livre-arbítrio de cada um.

Agradeço imensamente a esses Seres de Amor Rosado chamados Adhamantinos, pela oportunidade de transmitir o recado deles.

E, por fim, eles são muito afinados com as sinfonias de Mozart, e indicam-nas para entrarem em sintonia com eles, já que o próprio, em suas expressões mais elevadas, faz parte deste agrupamento.

Foi até onde Jesus me permitiu ver e transmitir.

AKASH-LOTUS = Integrante da Equipe Sementes das Estrelas. Não tenho autorização para mencionar seu nome linear. É um ser guardião dos inúmeros guardiões dos registros akáshicos. Originalmente, veio de um Sistema Estelar conhecido pelos Terranos como Touro. Passou em vários outros sistemas estelares, incluindo Sírius, Vega, Andrômeda, Plêiades e outros sistemas ainda não conhecidos pelos terranos. Habitualmente, tem se deslocado para todos esses sistemas durante o repouso do corpo físico onde atualmente habita. É chamado constantemente nesses locais para ajudar seres em seus desenvolvimentos e a ensiná-los a ter mestria sobre tudo que ouvem e veem. Ensinando-os a não falar o que não pode ser falado e falar o que precisa ser falado, ensinando, assim, o equilíbrio nessas questões. Encarnou na época do Cristo no Plano Terrano e foi um dos seus evangelistas. Esteve também ao lado de Moisés durante a grande travessia do Mar Vermelho. Orientou e guiou o povo hebreu para fora do Egito. Seu símbolo é a Flor de Lótus onde, ao conectar-se, entra em estado profundo de meditação e contemplação. Está sendo chamada pelo Plêiades 1 a ir aos planos do astral inferior terrano para “Plantar Flor de Lótus” e orientar com muito Amor aqueles que ali estão. Quando em seu estado mais harmônico, anda e deixa um rastro de Lótus e o seu perfume. Tem forte conexão com Apolônio de Tiana… Também forte ligação com o senhor Xangô, podendo conectar-se com ele a qualquer momento. Devido a sua ética única, é muitas vezes chamada para fazer parte de grandes cortes onde ali, discutem destinos de planetas e até sistemas inteiros – o que deve ser feito, como deve ser feito e em que tempo. Tem facilidade de mostrar, em assembleias, onde estão os pontos a seres vistos e trabalhados com precisão. É muito respeitada por onde vai. Também tem forte conexão com o ser que foi conhecido como Paulo de Tarso (São Paulo).

AKASHSSA = Integrante da Equipe Sementes das Estrelas. Não tenho autorização para mencionar seu nome linear. Um belo ser de natureza suave como o Prana. Tem forte ligação com Andrômeda, Poseidon e Constelação Delphinus. Durante suas muitas vidas, teve a oportunidade de dividir sua magia e encantamento por onde passava. Tem a habilidade telepática com os cetáceos, já que essa também é uma das suas origens. Comunica-se facilmente com os príncipes e sereias dos grandes oceanos, tanto Terrano quanto em outros sistemas de mundos aquáticos. Ligação muito intensa com as Baleias dos grandes oceanos do sistema de Delphinus e demais mundos aquáticos. Tem didática com os seres mais novos (crianças) e a sua magia em expressar-se, encanta. Tem uma nave especial com capacidade para três tripulantes. Um deles já está ao seu lado, na atual encarnação – Lá eles têm uma altura de mais ou menos um metro e oitenta a dois metros e vinte. É um ser místico e tem a habilidade de tomar forma humanoide. E, quando em mundos aquáticos, torna-se uma linda sereia radiante. Tem um dos seus complementos de alma atualmente vivendo em um mundo aquático em Delphinus, atualmente em forma de Golfinho. Está sendo chamada pelo Plêiades 1 a focar nos grandes oceanos e, por telepatia, chamar a sua família oceânica de cetáceos e trocar informações necessárias para ajudá-los na implantação da Grade Cristalina no planeta. Eles, os cetáceos, são ancoras das energias cristalinas e desenvolvedores magnéticos. Também está sendo chamada e ajudar os grandes cetáceos a assegurar a proteção dos grandes registros armazenados em seus campos, e impedir que forças malévolas venham a tomar posse deles. Sendo chamada também para, com seu encanto e vibração vocal, atrair entidades negativas para serem capturadas e levadas para as naves de recuperação. (Tais entidades ficam “hipnotizadas com o seu encanto” e caem na armadilha montada pelas forças da Luz. Esse ser abençoado age como uma “isca de Luz”). Também é uma das responsáveis pelo ancoramento da energia da Deusa no planeta local, onde reside atualmente. E a Deusa está a escutá-la em todos os chamados.

AKUN-BI-AVIL = Informações no link.

ALFEUS = Integrante da Equipe Sementes das Estrelas. Não tenho autorização para mencionar seu nome linear. Um ser angélico, raio de Mikhael e Gabriel (Arcanjo). É a interação perfeita entre as duas energias. É um ser misto de guerreiro com anunciador. Tem lindas asas brancas com tons azuis celeste. Alto, lindos olhos que mais parecem duas galáxias com seus trilhões de estrelas. Às vezes, em algumas ocasiões, torna-se como um pássaro falcão.

É um ser anunciador, pertencente à grande legião de Mikhael e Gabriel e trabalha nas duas legiões, simultaneamente. Em sua roupagem galáctica, é integrante da equipe do Comando Ashtar, também com a função de anunciar as novas diretrizes. Recebe as instruções amorosamente e as repassa. É um ser por natureza apaziguador e, assim, quando necessário age como um psicólogo nas naves mãe de recuperação, onde encontram-se aqueles em transtorno mental retirados das zonas negativas. Sua presença amorosa os acalma. Ele tem o seu coração como um imenso vulcão em erupção, ejetando chamas na cor azul, branco e rosa. Essas chamas direcionadas por ele atingem o outro ser em cheio, fazendo-os refletir sobre o real sentido da vida, sobre a necessidade de manterem a Fé, o Amor e sempre estarem dispostos a servir com gestos de bondade.

É, por natureza, um condutor energético, servindo de “fio” para levar as energias de Mikhael e Gabriel para onde vai. É também guardião de portais interdimensionais, sendo que, com suas lindas asas, fecha as entradas para seres mal-intencionados. Ele, também, por natureza, tem um olhar tão penetrante que nenhuma entidade negativa consegue fitá-lo nos olhos, sentindo-se incomodadas com tanta Luz. Em muitas ocasiões, forças negativas tentaram burlar a segurança de determinadas regiões astrais, quando Alfeus chegou rapidamente neste lugar, e os irmãos das trevas saíram em debandada, temendo, apenas, o seu olhar. Quando ele vai em zonas infernais, enquanto desce, vai de olhos fechados e batendo suas asas suavemente, e quando chega, as abre completamente e abre os lindos grandes olhos, estende as palmas das mãos e, de cada uma delas, sai um raio de Luz, Azul e Branco. Quando abre seus olhos, é como se uma tempestade de Luz caísse ali. Ele sempre diz: “EU SOU ALFEUS, E HONRO A QUEM SIRVO.” E, imediatamente, é ouvido por Mikhael e Gabriel.

Está sendo chamado pelo Plêiades 1 a ancorar completamente sua energia no plano físico e astral Terrano, a fim de, como uma trombeta, anunciar o tempo chegado e dizer que o tempo urge para aqueles que ainda insistem em resistir à Luz. Anuncia que a justiça divina não falha e está a caminho. Bate suas asas no fogo etérico a fazer com que ele inflame e alcance o maior número de almas possível, transmutando todas as forças negativas de todas as zonas astrais e físicas Terranas. Toda vez que chegar a um lugar físico, onde ali houver alguma energia negativa, se dizer mentalmente ou verbalmente “EU SOU ALFEUS, E HONRO A QUEM SIRVO”, imediatamente, incorporará seu EU mais elevado.

ALIADOS LOCAIS E/OU ALIADOS SISTÊMICOS = “Locais” indica um agrupamento local (de uma região específica) de seres de confiança das Forças da Luz, capazes de receber autorização para entrarem em reuniões de alto nível, onde geralmente se é discutido a situação da Terra e Galáxia. Seres extremamente éticos e voltados para Luz, invioláveis, determinados a servirem à Luz, custe o que custar, incorruptíveis. “Aliados Sistêmicos” seria a mesma coisa, sendo que, estes seriam inspirados pelos Aliados Locais. Digamos que os Aliados Locais fossem os primeiros a receber a projeção e credenciais para entrarem em determinados espaços de reuniões e/ou autoridade diante de algumas situações, inspirando os Sistêmicos, como se estivessem espalhando um “Vírus” de Luz a todos, como se ao receberem uma oportunidade divina de servir às Forças da Luz através da incorruptibilidade. Quando o P1 diz algo como “Atenção Aliados Locais, reverberação em Aliados Sistêmicos” seria algo como “Atenção vocês que já são credenciados, inspirem através de comportamentos Crísticos todos em volta de vocês, para que também eles recebam suas credenciais de Luz e possam entrar em determinados espaços para colaborarem também com o desenrolar das atividades, a fim de levar a Terra e todo o Sistema às altas esferas de Luz.

Naturalmente, os Aliados Locais assim como Aliados Sistêmicos, ao serem credenciados passarão a ser representantes da Superfície Planetária nos altos conselhos/reuniões nos planos astrais e, de acordo com a necessidade e momento, até mesmo no plano físico. Ser um representante das Forças da Luz na superfície e no astral é muito sério e honroso. Imagine você que, onde você for, as forças das trevas o respeitarão. É como se você tivesse um SELO SAGRADO sobre você inscrito “INTOCÁVEL” e, por mais que eles não gostem de você, não poderão tocá-lo. Isso também faz parte de acordos feitos em vários desses Conselhos, onde algumas forças das trevas (representantes das forças das trevas) fazem parte. Podem se aprofundar mais nesse assunto de conselhos, discussões, etc., nos artigos e vídeos do Corey Goode, (vide aba “INFORMANTES” no canto superior esquerdo do blog), onde ele relata várias vezes as reuniões que participou, estando nelas irmãos benévolos e malévolos de outros planetas onde se discutiam algumas coisas. Uma delas era sobre a DIVULGAÇÃO TOTAL, e que as Forças da Luz não aceitam, de forma alguma, a divulgação parcial. (Sugestão das forças das trevas, estas alegando que a humanidade não estaria preparada para DIVULGAÇÃO TOTAL. Eles estão tentando a divulgação parcial para dar tempo de escaparem para fora do Sistema Solar antes que a Humanidade Terrestre saiba de tudo que eles fizeram. As forças da Luz não irão permitir isso de forma alguma.)

Pode parecer estranho para algumas pessoas uma reunião civilizada, onde estejam presentes extraterrestres negativos, mas sim, existem, e eles na maioria das vezes, respeitam o ambiente onde está havendo a reunião. As Forças da Luz sempre estão em Maior Número e, ao contrário dos que alguns seres humanos poderiam pensar, NÃO, – as Forças da Luz não avançariam sobre eles pegando-os pelo pescoço e acusando-os de crimes. Os representantes das Forças da Luz são educados e pacíficos, o que não quer dizer que sejam bobos e manipuláveis. Mostram a todo momento que as trevas não têm para onde correr, que o ciclo está fechando e suas atuações neste Sistema chegaram ao fim. Eu, Gabriel, estive algumas vezes em algumas dessas reuniões no plano Astral, e posso dizer que há muita ordem. Apesar de alguns seres negativos serem realmente assustadores para realidade da Terra, eles se mantêm educadamente. Há sempre, às vezes, alguns picos de exaltação por parte dos das trevas, que são sempre repreendidos pelos Anciões que presidem as reuniões.

Por fim, claro, a maioria das reuniões em que os Aliados da Luz participam são somente com seres benevolentes, a fim de discutirem soluções para ajudar o Planeta e o Sistema. Nessas, há vários representantes de várias raças positivas que interagem amorosa e pacificamente, trocando ideias e Luz.

ALKINA, A FLOR DO TEMPO = Alkina, A Flor do Tempo é um lindo ser de energia dévica, vindo de um reino na Galáxia de Andrômeda. Recentemente, incorporou as energias Pleiadianas, Sirianas e Arcturianas em seu ser, de forma que ela pode usar roupagens dentro desses agrupamentos, como e quando quiser. Por falar nisso, ela tem uma roupagem de cura muito especial dentro da frota siriana. Trabalha canalizando as energias da Natureza e transformando-as em poções de cura. Tem também forte conexão com as energias de Vanula, A Fonte de Poções e Cinti, a Fada Contadora de Histórias.

Alkina, A Flor do Tempo, é uma energia multidimensional e em todas as dimensões onde se manifesta, tem a aparência de uma linda flor com sete pétalas, sendo que cada uma delas está conectada a sete pontos específicos: Sirius, Plêiades, Andrômeda, Fonte de Poções, Cintilante, Reino Dévico e toda a magia do Antigo Egito. É uma linda flor de luz branca cristal, (com mais dois tons…), com as sete pétalas, irradiando energias de todos esses pontos.

Em suas muitas encarnações no plano físico terrano, trabalhou, na grande maioria, com as energias da natureza. Esteve no Antigo Egito quando era Integrante Feminina das Energias de Nefertiti. Na Grande Atlântida, esteve como sacerdotisa de grande conexão com os Cetáceos da época. Esteve também na velha Lemúria, onde foi muito próxima daquele ali conhecido como Numu e, posteriormente, como Juno. Em muitas das outras encarnações foi protetora de segredos místicos, afastando-os dos magos negros mal intencionados, o que, infelizmente, levou-a várias vezes à morte por perseguição destes magos.

Ser de um coração puro e benevolente, toda vez que desencarnava nas mãos de magos negros violentos, ela os olhava nos olhos, profundamente, com tanto amor que, após aquele momento, estes magos negros se convertiam à Luz. Nenhum deles, nenhum ser que a tenha feito mal em alguma vida, conseguiu continuar neste caminho quando teve contato com Alkina, A Flor do Tempo. Alkina é um nome proveniente da Galáxia de Andrômeda, do seu reino de essência. Significa “As sete pétalas que viajam pelo tempo”. Isso, porque, ela também pode se manter viajando entre as dimensões e manter-se consciente e, simultaneamente em, pelo menos, sete dessas dimensões. Mais especificamente, em seu estado mais elevado, ela consegue estar consciente em sete planos ao mesmo tempo, em todos eles, estes já citados acima: Sirius, Plêiades, Andrômeda, Fonte de Poções (na dimensão Mestre da Fonte de Poções), Cintilante (na Dimensão Mestre de Cintilante), Reino Dévico e toda magia do Antigo Egito.

Alkina também encarnou na época daquele conhecido como Jesus, sendo também uma das muito próximas daquela conhecida como Maria Madalena. Foi uma das que seguiu pregando o Evangelho do Reino após o desencarne de Jesus. Traz em seu coração a lembrança do encontro pessoal com Jesus, o Mestre do Amor. Quando prevendo o futuro, ele lhe disse… “Em um dia que parecerá noite, em uma noite que parecerá dia (simbolizando ela viajando pelas dimensões de não-tempo), você receberá um chamado, uma chamada de um ser de outro tempo. Ele te entregará parte do que você é. A outra parte você descobrirá por si mesma. Este ser você reconhecerá. O reconhecerá pelo numeral e pela vogal”.

É um ser de uma radiação intensa, podendo-se ver nele três tons de energia, simultaneamente: branco cristal, rosa claro e rubi dourado. Há um mestre que tem profundo Amor por ela, por ela ter estado também próxima dele, quando ele assumia a roupagem de um rei. Este Mestre chama-se El Morya, quando este esteve na roupagem do Rei Artur. É um mestre que está sempre à disposição dela e a atenderá em qualquer chamado, assim, poder-se-ia dizer que também é uma representante do raio azul da força e vontade divina, pois recebe poderosas projeções do Mestre El Morya, assim como do Arcanjo Mikael.

Ela tem uma habilidade especial que é o “movimento fermento”. Quando ela se aproxima de algum ser, ela faz crescer rapidamente nele o Amor que estava escondido. Assim, a sua aproximação das falanges do Agrupamento PVSE movimentará exponencialmente a força desses agrupamentos. Simplesmente, com sua presença nestes agrupamentos, ela potencializará a ação e a Luz ali manifestadas. Por isso, é convocada a se fazer presente em todos os agrupamentos do PVSE!

A sua flor de conexão com o reino dévico é a bellis sylvestris, assim como é a flor que ela gosta de jogar quando está viajando entre as dimensões, deixando seu rastro amoroso e perfumado.

Está sendo chamada pelo Plêiades 1 a trazer toda sua herança até a superfície terrana, convocando todos aqueles do seu agrupamento para o trabalho específico que é o ancoramento da energia Crística na superfície planetária. Ela, junto com seu agrupamento, são responsáveis por trazer a grade de cor rubi dourado para o planeta. Ela também é chamada e enviar suas projeções à Zona T e transformar aquela região novamente em um paraíso de Energias Crísticas. Sendo chamada a viajar pelas sete dimensões, quando em seus estados meditativos mais profundos e, quando na superfície, ir à espaços mais densos, iluminar e perfumar essas regiões. Há muitos seres nesses reinos mais densos que fazem parte do seu agrupamento, seres de Sirius, Plêiades, Andrômeda que estão presos no tempo e espaço, pois quando vieram à Terra em suas missões específicas, acabaram por ser perder em determinadas situações. Ela tem a autoridade para ir a estes espaços e trazer estes seres novamente à Consciência Unificada, a Fonte. Está sendo chamada também a olhar profundamente nos olhos daqueles seres de coração duro, tanto no astral como no físico terrano, e que tenham o costume de praticar maldades e, neste olhar, transformá-los para sempre! A maioria destes seres transformados por ela passa a fazer parte do seu agrupamento. Chamada também a Unir Forças, em especial, com Fonte de Poções, Cintilante e todos aqueles do Reino Dévico dentro do Agrupamento PVSE para trabalhos conjuntos e, claro, com todos aqueles que sentirem o chamado. E claro, não apenas aos que se sentirem chamados, mas a sua força precisa estar manifestada em todos os agrupamentos PVSE.

Alkina, as sete dimensões são suas para que você esteja conscientemente conectada a elas, e possa trazer à superfície planetária toda sua herança transcendental iluminada. O seu povo aguarda por você. Jesus anunciou sua chegada nesta época. É sua hora. Esteja consciente nas sete dimensões, você trará de lá para cá e levará de cá para lá simultaneamente. O que? Descubra, você está pronta, Jesus disse que estaria. Ele nunca erra.

É até onde Jesus me permite transmitir.

ALUN-BI-AVIL = Informações no link.

ANCORAGEM = Recebimento/Ancoramento.

ANKA = É o nome de um Ser de Luz, raça reptiliana e de energia feminina, que entregou mensagem através da mediunidade do Gabriel  RL, no dia 31.03.2017. Um ser extrovertido, de energia bem humorada, que pertence a um exército de Órion credenciado pelo P1. Para saber mais sobre Anka, acesse o Glossário Específico do P1 Aqui ou Aqui.

ANTI-AMOR = Que de alguma maneira não serve à Luz. Esse termo está associado a entidades puramente negativas que trabalham mais no astral. Poderiam ser chamados de draconianos, reptilianos, arcontes…

AQUARIUS = Integrante da Equipe Sementes das Estrelas. Não tenho autorização para mencionar seu nome linear. É um Ser que veio de um sistema longínquo, não necessariamente desse universo. Passou pelas Plêiades, Sírius e Andrômeda. É, por natureza, Geneticista Galáctico e integrou nas Plêiades novos dons. É um Mostrador do Caminho. Tem o dom magnético da fala. Sabe-se aqui que é um ser com poder de irradiar com a voz, conduzindo à mansuetude, ao amor e à passividade aqueles ainda em trevas, graças também à habilidade cantante dos cetáceos. É uma expressão do Senhor do Mundo, em alinhamento com o Amor Universal. Sua voz, da mesma forma que suaviza, com mansuetude, estremece as trevas pelo poder transmutador. É um Guardião da Chama dos inúmeros guardiões do exército de Zadkiel. Tem imensa facilidade em comunicar-se telepaticamente com os cetáceos, já que também é uma das suas origens. Está sendo chamado a incorporar definitivamente essa habilidade com os cetáceos para ajudar na harmonização dos oceanos da Terra, desconstruindo bases negativas e impedindo a violação da energia oceânica.

AR (Arcontes (nunca pronuncie este nome) Em Grego: Governantes) = São seres que vieram da Galáxia de Andrômeda e quiseram experimentar a escuridão. Eles recusaram-se a se reconectar com a Fonte. Através de milênios, criaram a raça draconiana e reptiliana através de Engenharia Genética para usá-los como guerreiros escravos para expandir seu império escuro. (Para maiores informações, vide Aqui).

ARKHADI-MI = Mestre Solar, unificador de nações. Especialista em projeção de Abundancia e Vegetação.

AVALON = Grande Nave-Mãe sob o comando de Valiant Thor (Vide: Aqui ou Aqui).

AVENOT (OU SISTEMA AVENOT) = É um sistema de transferência de dados MiD. Um tipo de sistema de segurança para comunicação entre eles por VoIP e Satélite. As Forças da Luz infiltradas nas agências secretas têm hackeado todos esses sistemas para garantir que sempre estejamos cientes dos planos MiD. Quanto mais esses sistemas são hackeados, mais informação acerca das tramas negativas MiD é lançada Internet, a princípio, na mídia alternativa.

AZINU-AVALUR = É a nave mãe que é o centro médico de pesquisa – renovação celular onde Nasha está. Vide Aqui.

BASE 23T (9 SETORES – REFERIDOS COMO 1/9, 2/9,…) = Base lunar dos Zeta Reticuli tipo A (Negativos). Essa base tem nove setores/departamentos. As Forças da Luz estão avançando e tomando a Base que fica no lado oculto da lua Terrana. Na nota 108 do Plêiades 1, eles disseram: “Setor 3/9 da Base 23T desabitado. Zetas convidados a se retirar. A Luz Festeja! Próximo >>>> 4/9” – As duas primeiras já haviam sido desabitadas há algum tempo e já em poder das Forças da Luz que, de forma cautelosa e harmônica, têm avançado e tomado toda a Base. Eles usavam/usam essa Base para desenvolver experimentos genéticos. Levaram em várias ocasiões animais e humanos até a lua, até esta base e fizeram mesclagens de DNAs… Muitas das abduções de vacas e outros animais foram feitas por eles. Na Base existe o setor específico de tecnologia, onde eles tentam desenvolver armas bélicas e aparelhos capazes de fazer transferência de almas de um corpo a outro. (Acredito que pelo mesmo processo que é usado nas clonagens). Algumas raças já têm essa tecnologia, e esse grupo local específico não tem total domínio ainda. Ao que vejo agora em minha tela mental, existem cerca de 1500/1700 desses seres nesta Base. Alguns deles bem violentos, e outros com hiper capacidade hipnótica. A Base está localizada especificamente em um grande buraco no lado escuro da Lua. A NASA já identificou a base em suas fotos e, claro, ocultou do Público.

BASE CENTRAL = Comando Maior das Forças da Luz que assistem à libertação da Terra e todo esse sistema das forças das trevas.

BINÁRIAS = Não há, ainda, informações precisas sobre “binárias”, mas acredito que seja referência a duas novas estrelas ou duas grandes naves mães que serão vistas a olho nu.

BOLSAS DE UTENSÍLIOS = Energias extras ou poderes extras dados aos Trabalhadores da Luz, para facilitar ainda mais a capacidade criadora. Mas, para isso, é necessário que o recebedor, no caso, o Trabalhador da Luz esteja em um alinhamento Crístico e sendo coerente com o que ensina/prega.

BOTA = Itália.

CADHI, O PRÍNCIPE SOLAR =  Integrante da Equipe Sementes das Estrelas. Não tenho autorização para mencionar seu nome linear. Em sua mais elevada expressão, é um criador de mundos, em profunda conexão com os Elohim, em especial, com o Elohim Tranquilitas. Está em conexão, profunda conexão também com os senhores Solares Hélios e Vesta. Hélios – Lord do Amanhecer; Vesta – Mãe dos Ciclos Eternos. É um Raio direto dessas consciências. Tem forte conexão com o Sistema Pleiadiano onde, quando em experiência neste aglomerado, viu algumas guerras galácticas, sendo ele um dos que tentou ajudar na pacificação do sistema. Em uma dessas guerras, conheceu dois seres já mencionados pelo Plêiades 1, Midunus e 0i (Zero i), em sua roupagem galáctica, formando uma barreira para impedir a entrada de um grupo negativo em um determinado setor do Aglomerado das Plêiades. Tem a sua chama atualmente no sistema das Plêiades a irradiar, enquanto seu amado está na superfície Terrana. Tem outro aspecto de si mesmo na superfície Terrana, onde já teve a graça do reencontro. 

Certa vez, numa reunião em um imenso Sol, foi chamado a visitar um aglomerado de planetas, na borda de uma galáxia e que, com um certo pesar silenciou, pois não queria deixar seu reino de Luz, sabendo que o sistema o qual visitaria estava carregado de baixas energias. Foi chamado diretamente pelos Senhores Hélios e Vesta – os que amorosamente pediram-lhe para que levasse até tal sistema, a Luz do Coração Solar. Eles também viriam para o mesmo sistema e disseram… “Nós estaremos olhando para você; basta que erga os olhos e nos verá…”. Ele abriu um lindo sorriso e colocou-se disposto.

É um ser muito belo nos seus dois metros de altura, (visto em uma roupagem Terrana), todo dourado, com os olhos em um tom amarelo claro. 

Incorporou junto a um belo ser chamado Krishna muitos dons que estavam guardados em seu interior. Um desses dons é o do encantamento com as cordas vocais. Krishna o ensinou a usar a vibração da voz para o encantamento. Enquanto treinava, sentado em meio às lindas matas verdes, atraía à sua volta quantos animais de toda espécie coubessem onde ele estava. Até os elementais, em suas formas etéricas, materializavam-se para ouvi-lo cantar e encantar. Ele consegue incorporar facilmente as energias dévicas, devido a já ter incorporado também uma forma Elfo. (Na ocasião, com nome vibracional de “Ithi” ou “Ith). Devido a essa facilidade de contato com os reinos da natureza, sempre que lhes solicita ajuda, esta vem de imediato.

Foi um dos discípulos diretos de Krishna. E era um dos que estava na aldeia quando Magia, a Flautista, encantou e iluminou… Após ver a bela Magia, decidiu juntar-se a ela e a seu Mestre, tornando-se um dos seus discípulos. Incorporou também o dom de “cupido” podendo, através da sua vibração, unir casais apenas com sua vibração. Quando determinados casais estão em briga, apenas intencionando, ele pode restaurar a tranquilidade e Amor entre ambos, dissipando as desavenças e potencializando os pontos fortes admiráveis dos casais. Ele, com o olhar, pode intuir um a olhar tudo de bom que o outro é e faz, e vice e versa, colocando-os de volta em um estado de Amor e troca amorosa. É também um canalizador de sons, podendo trazer à superfície, ou mesmo aos planos mais densos do astral inferior, sons celestes. 

Em uma das suas muitas existências em planos mais aquáticos, experimentou o fundo do oceano, quando esteve na corte dos príncipes do Senhor Poseidon. Foi onde também se encontrou com Magia, a Flautista, quando na ocasião ela usava uma roupagem de linda sereia dos oceanos, ainda encantando com o seu canto através da Magia da Flauta… 

Está sendo chamado pelo Plêiades 1 a trazer a energia da passividade à superfície Terrana e aos planos do astral inferior, através do encantamento produzido pelas suas cordas vocais. Dons aperfeiçoados ainda mais quando experimentou o fundo dos oceanos, aprendendo com as sereias a entonar e vibrar energias poderosas através das cordas vocais. Sendo chamado a trazer a energia dos senhores Hélios e Vesta aos corações dos Terranos, fazendo os terranos se lembrarem da sua natureza Divina. Sendo chamado a unir os corações quebrantados, unir os casais que outrora apaixonados, despencaram na baixa vibração. Chamado a conscientizar a população da superfície da importância de manter a natureza intacta, pois é ela que mantém a energia necessária para os corpos Terranos funcionarem em sua plenitude. Tem o poder de abençoar as águas com o toque das mãos, sendo que, apenas ao tocá-la, imediatamente os seres aquáticos reconhecem sua assinatura energética e o saúdam. Sendo assim, é chamado a pedir-lhes ajuda para que continuem irradiando todo Amor e luz aos habitantes da superfície, para que se conscientizem da importância da unidade com todos na criação.

CADI-IL = Ancião Mestre no agrupamento “IL”, seres vindos da Galáxia Azul – até o momento, galáxia desconhecida dos Terranos. É uma linda Galáxia Azul que não tem forma espiral e tem um lindo Sol Azul em seu centro. A Família “IL” é especialista em DNA. Está se aproximando do plano Terrano para ajudar na restauração do DNA, trazendo-o para sua forma original. Eles têm alguns integrantes da família “IL” encarnados na superfície terrana, entre eles nosso querido IUD-IL, com função de desmantelar setores etéricos do astral inferior que fazem experiências genéticas negativas, tais como clonagens, violação do DNA Original, experiências de mesclagens e semelhantes.

CADI-IL é o Conselheiro Mestre do agrupamento. É o mentor do agrupamento, tendo a sua somatória de anos vividos incontáveis para a mente linear. Ele é um dos Mestres que ajudaram a formar a Galáxia que vivem. É também um dos responsáveis pela criação do Sistema Humanoide das Plêiades.

CANGURU = Austrália.

CAPÁLIA, A FORMOSA LUNAR = É um belo ser de energia Lunar, integrante de um grupo de Sacerdotisas Lunares. Vieram à Terra há milhares de anos para ancorarem a energia da Deusa Mãe na Superfície Terrana. Tem passagens por vários sistemas dessa galáxia, (Via Láctea), Plêiades, Sírius, Aldebaran e passou também pelo sistema de Rígel. Esteve também presente no reino aquático, quando experimentou algumas vezes, a roupagem de sereia. Visitou também outras galáxias juntamente com seu agrupamento. É muito amorosa, muito pacífica e está, no momento, 100% conectada com a energia Lunar – força a qual representa na superfície.

Em sua expressão Capália, como integrante de um agrupamento poderoso de sacerdotisas Lunares, mede cerca de 1.80 m, branca, grandes olhos azuis, mãos e pés muito delicados, cabelos loiros e brilhantes. É muito semelhante a Galadriel, do filme O Senhor dos Anéis. Tem algo interessante nela: sempre mantém sua mão esquerda colada ao peito, a palma da mão no cardíaco, ficando sempre desta maneira, enquanto faz tudo somente com a mão direita. Por quê? Saberão nos parágrafos seguintes…

Tem uma habilidade muito especial que usa sempre que necessário, quando sai “sozinha”, em algumas ocasiões, em missões de resgate e iluminação. Cada fase da Lua lhe dá um poder especifico. São eles:

Lua Nova: Consegue facilmente renovar rapidamente qualquer ambiente, trazendo-o para um novo ciclo, novas experiências, novas oportunidades, novos relacionamentos. Na Aldeia, (parágrafos abaixo), era sempre procurada por muitas pessoas que tinham suas questões particulares travadas e sem movimento. Ela invocava as forças e conseguia limpar todas as barreiras negativas que impediam da pessoa conseguir partir para novos movimentos.

Lua Crescente: Sempre quando está(va) nesta projeção, era (quando na superfície Terrana), chamada a grandes campos para ajudar os agricultores com suas plantações. Apenas passando entre as plantações, ela conseguia acelerar o processo, por incrível que possa parecer, e ajudar para que a produção fosse 100% proveitosa. Em uma ocasião, uma criança foi levada a ela para que a ajudasse, pois tinha um problema nos ossos que a impedia de crescer. Ergueu sua mão direita para Lua mantendo, como sempre, sua mão esquerda no peito, e invocou as forças. E, daquele momento em diante, a criança ficou curada. Tinha grande poder nesta época e muitos se reuniam em volta dela para que ela pudesse instruir a todos em Amor, promovendo rapidamente o despertar de consciência daquelas pessoas, fazendo-as crescer como seres humanos. Grandes aldeias se desenvolviam rapidamente quando, nesta época, ela se fazia presente com seus cantos e evocações.

Lua Cheia: Neste ponto, ela tem uma habilidade muito especial: simplesmente muda sua forma, de uma bela sacerdotisa para uma senhora bem velha, em alguns momentos, quando entra em cavernas espirituais onde magos negros interagem e arquitetam contra os habitantes da Terra. Ali naquela expressão de “pobre senhora idosa”, ela sempre ouve … “O que esta velha faz aqui?… Responda, velha, o que faz aqui!?” … Ao que ela costuma responder… “Eu vim para que a vida de vocês seja cheia…” – Com isso, imediatamente eles perdem movimentos dos seus corpos etéricos, permanecendo apenas a consciência presente. É como se eles entrassem em um estado cataléptico. – Em seguida, ela completa: “… de Luz!”. Com a paralisação total de todos ali presentes, as demais sacerdotisas em resgate daquelas entidades mergulhadas no ódio se apresentam. Elas fazem um lindo trabalho de doutrina e elevação daquelas pesadas vibrações. Claro, após esse trabalho, alguns deles não aceitam ir para esferas mais elevadas e permanecem como antes. No entanto, a grande maioria aceita e segue seus caminhos evolutivos procurando reparar suas falhas, servindo com Amor e Luz e sempre muito gratos a Capália…

Lua Minguante: A Formosa Lunar, em seus movimentos, entra nos vales mais sombrios com um aspecto tão belo e encantador, que nem mesmo o mais bruto ser consegue ignorar sua beleza e doçura, ficando totalmente paralisados diante de tanta formosura e Luz. Quando desce à esses reinos densos nesta roupagem belíssima e encantadora, ela canta em meio a aquelas entidades densas e violentas. Eles, como que por encanto, vão se aproximando dela ouvindo-a como se estivessem hipnotizados. Quando se aproximam a uma distância de cerca de um metro são surpreendidos com as outras sacerdotisas que, como por encanto, saem detrás dela e os capturam com energias magnéticas. É um lindo trabalho de resgate. Ainda que possa parecer uma violação de livre arbítrio, esse trabalho é autorizado pelo Eu Superior daquelas entidades ali presentes. Novamente, alguns aceitam seguirem para a Luz após sentirem em si mesmos os alívio das suas dores e sofrimentos; outros escolhem permanecer em suas dores.

Certa vez, em um reino Terrano, estava encarnada uma linda moça chamada Lia, filha de um nobre rei. Ela estava com seus 18 anos, muito rica, mas desejosa de conhecer a Terra e todas as suas maravilhas. Decidiu sair do castelo e seguir seu sonho, claro, sem que ninguém da sua família soubesse. Saiu na calada da noite sozinha, montada em uma égua, que muito amava. Saiu sem destino rumo a… Sabe Deus!… Chegou ao amanhecer, muito cansada, em uma aldeia,… muito distante do seu reino. Sua chegada foi vista com desconfiança por todos que ali estavam. Uma senhora saiu de uma das tendas e disse… “Aproxime-se minha menina, não tema, ninguém vai te fazer mal. És muito jovem para estar com essa aparência tão abatida. Venha, entre, já aguardava por você…”. – Ao que ela respondeu: Aguardava por mim? Por quê? A Senhora apenas sorriu…

Depois de um certo tempo, Lia começou a receber instruções espirituais da senhora chamada Makani (ou Ma-Ka-Ni), que era a líder espiritual daquela aldeia e de outras aldeias em volta. Já muito velha, a senhora sabia do seu destino,… mas precisava de alguém para continuar o ancoramento e sustentação da energia da “Du-Ka-Ni”… Instruiu por muito tempo, cerca de quatro anos a moça chamada Lia… Deu a ela orientações e mostrou-lhe coisas que nunca imaginara… Makani, quando em seu leito de desencarne, quando já todos da aldeia e aldeias vizinhas estavam presentes para verem a sua passagem para o reino de “Du-Ka-Ni”, (nome que significava = A força que vem da Lua, ou A Deusa da Lua), chamou para perto de si, Lia, a menina formosa… já nos seus 22 anos. Lia aproximou-se e disse… “Diga, amada Ma-Ka”. (Como carinhosamente a chamava.)… Makani pegou nas mãos da moça, beijou-as e, em seguida, pegou na mão esquerda de Lia e colocou-a no chácara cardíaco dizendo… “Menina,… sempre que ouvir o seu coração bater, saberá que ainda é uma sustentadora da Du-Ka-Ni… Nunca esqueça disso. Cada batida do seu coração diz que Du-Ka-Ni está Viva na Terra… e através de você.” – Ao que Lia respondeu com lágrimas nos olhos, “Sim, Ma-Ka… sim!…”. E então, nunca mais Lia tirou a mão esquerda do seu peito (chakra cardíaco) para jamais esquecer…

A Velha Senhora, vestia no seu desenlace uma capa branca cravejada de brilhantes que fora entregue a ela pessoalmente por Du-Ka-Ni, quando esta materializou-se na sua frente quando tinha 22 anos, e disse… “Passará de geração em geração isto que te entrego. Não dará o último suspiro físico, sem que antes a consagre a outra filha minha.”

Ma-Ka-Ni pediu a Lia que removesse a capa imediatamente (logo que percebeu que estava deixando o corpo) e Lia o fez cuidadosamente. Ma-Ka-Ni disse: “Eis que te consagro a força de Du-Ka-Ni e te repasso tudo que dela recebi. Vista a capa!”. Imediatamente toda força, toda bagagem e força espiritual de Ma-Ka-Ni passou para Lia. Lia ficou com a Capa por algum tempo, cerca de 7 (sete) Luas. Neste período, algumas crianças da Aldeia brincavam… “Capa, Lia, Capa!” Elas queriam ver a capa de perto, ao que Lia sempre amorosa mostrava cuidadosamente, apontando cada detalhe da capa. E, como perceberam… “Capa…” , “Lia…” >>>> CAPÁLIA. E ficou conhecida em todas as demais aldeias como Capália, A Formosa Lunar.

E hoje, essa jovem está sendo chamada pelo Plêiades 1 para incorporar na superfície a força de Capália e trazer toda sua bagagem transcendental à Superfície. Sendo chamada a invocar a Força Lunar e suas companheiras Sacerdotisas para o movimento das energias Lunares na Superfície. Chamada a ir nas zonas astrais e mesmo físicas do Plano Terrano e movimentar as forças das 4 (quatro) Luas. No momento em que recebe essas informações, terá todas as forças de toda sua herança em processo de download. Uma capa será colocada sobre ela, a capa que a tornou CAPÁLIA. Poderá ter algum efeito “colateral”, como se uma sensação de calor nas costas, principalmente na nuca. (Gabriel: É algo que pode acontecer, não necessariamente vá acontecer, mas se acontecer ficar tranquila). Terá o olhar de Du-Ka-Ni sobre si e poderá movimentar poderosas forças na superfície. Tem como mentora a velha Ma-Ka-Ni, que sempre esteve presente em suas encarnações, onde a mais recente foi quando encarnaram novamente juntas em Salém, onde foram julgadas no preciso ano de 1692. Ma-Ka-Ni tem um nome na Igreja Católica, o que não será mencionado aqui. Está sendo chamada também para se abrir mais para seu canal de vidência, onde ajudará muitas almas na superfície planetária e no astral. Tem profunda conexão com o chamado Arcanjo Mikael e com aquela chamada Nefertiti, podendo chamá-los sempre que desejar e será prontamente atendida. Sendo chamada também a formar seu agrupamento na superfície, onde através de meditações seguindo as forças das 4 (quatro) luas trará poderosas correntes de Luz à Terra. Há algumas Sacerdotisas apenas aguardando o chamado para o trabalho…

Foi até onde Jesus me permitiu ver…

CAVALEIRO SOLITÁRIO / CAVALEIRO NEGRO = O Black Knight Satélite. Ver imagem: https://drive.google.com/file/d/0BzIT5bTTHI8xbFRnSVF2d2NwanM/view?usp=sharing

CHARUTOS = Naves extraterrestres em formato cilíndrico / normalmente de cor prateada.

CINTAMANIS = A Cintamani é uma pedra sagrada proveniente do sistema da estrela Sírius. Há milhões de anos atrás, durante uma super-onda Galáctica, um planeta que orbitava Sírius A explodiu. Seus fragmentos viajaram em todas as direções, com alguns deles chegando à Terra, após uma longa jornada, através do espaço interestelar. (Para mais, vide: Aqui ou Aqui)

CINTILANTE (OU CINTI), A FADA CONTADORA DE HISTÓRIAS = É um lindo ser dévico, com passagens em diversos Sistemas Estelares, em especial, Sirius, Andrômeda, Arcturus, Plêiades e está presente no planeta Terra, desde a sua criação há bilhões de anos. Ela é natural de um Sistema de Mundos Dévicos localizado próximo à Ursa Maior. Em sua roupagem dévica, é uma linda fada de cerca de cinquenta (50) centímetros e é conhecida neste reino como Cintilante (ou Cinti).
  
É um ser de natureza extremamente amoroso, pacífico e extraordinariamente sensível. Por muitas vezes, em várias experiências, quando à sua volta havia alguma briga ou discussão, sentava-se com os joelhos dobrados e começava a chorar. Todos paravam porque seu choro era tocante e via-se gotas de Luz que mais pareciam pequenos diamantes caírem dos seus olhos. Todos corriam até ela para pedir desculpas, e ela só parava de chorar quando todos se abraçavam. 
  
É um ser que, apesar da sua roupagem dévica ter apenas cinquenta (50) centímetros, tem naturalmente a habilidade de tomar o tamanho que desejar. Ela, em particular, gosta do seu tamanho porque usa dessa sua delicadeza para tocar os corações de muitos. É extremamente linda, com lindos cabelos loiros caídos nos ombros, olhos lindos, verdes e azuis. Sim, porque ora estão de uma cor, ora de outra, dependendo do seu estado de espírito. Tem uma linda varinha que, na verdade, não é uma varinha propriamente dita, mas uma pena. Uma linda pena branca que ganhou de um grande cacique em uma aldeia de um mundo em um sistema distante, semelhante ao mundo do filme Avatar!…

É um ser que faz muito rapidamente muitas amizades! Quando esteve nesse sistema de mundos dévicos, certa vez conheceu um ser… Um lindo ser guardião, olhos grandes e negros, pelos negros e expressão de autoridade. Era um guardião daquele lugar. Ela estava sentada em uma pedra, quando ele se aproximou e uivou bem em cima dela. Ela se assustou e correu. Olhou para trás e o viu o guardião com um ar de sorriso… Ela ficou brava e correu atrás dele. E ele, fingindo que estava com assustado, “correu de medo dela!…” –  Ao que ela não tinha se dado conta ainda, é que tinha cinquenta (50) centímetros e ele era um Lobo,… um pouco maior que ela.

Ao se dar conta disso, tentou balançar a varinha (que é uma pena) para fazer alguma magia, ao que o lobo “ria” dela, com bom humor. E ela perguntou: “Do que ris, fera!?” E ele:  “Da sua varinha!…” Ela: “O que tem ela?!” Ele: “Eu? Nada. Estou comovido!”. Ambos começaram a rir e começou ali uma linda amizade entre os dois. Depois de muito tempo de amizade, ele ficou sabendo que ela iria para um sistema muito distante ajudar em um projeto. Fora chamada por Sofia, a Senhora dos Céus (Mãe Maria). Ela viria para a Via Láctea, no Sistema Solar… Planeta Terra. Ele, ao saber disso, colocou-se também a disposição para ajudar no projeto, prometendo a ela que um dia se encontrariam novamente para continuarem sua amizade verdadeira. Este ser, este Lobo, é mencionado nas Notas do Plêiades 1 como “O Guardião do Nilo”.
  
Em outra oportunidade, conheceu aquele chamado pelo Plêiades 1 de 0i (Zero i), quando este estava visitando o Sistema Terrano e também se colocando à disposição da Luz. Ele, incorporado na energia Azul em seu lado cósmico, olhou para ela e, brincando com ela por ser tão pequenina, disse:  “Hummmm, temos coisas pequenas a resolver!…”-  Ela olhou para ele e, espertamente, retrucou: “Hummmm, já tive grandes problemas e resolvi todos eles!…” – Referindo-se a ele, por ele ser bem grandão! Ambos riram muito e voltaram a olhar para a Terra, que na ocasião se formava… Também conheceu no Sistema Estelar de Sirius aquele conhecido como Atruz-zzz e O Portador do Manto. 
  
Ela é uma linda contadora de histórias, e tem essa habilidade inata. Em muitas ocasiões onde estivesse havendo conflitos, ela era chamada. E mesmo que a briga entre os seres estivesse verdadeiramente “correndo solto”, ela começava a contar histórias, … lindas estórias de sistemas por onde passou. Procurava um lugar alto, claro e seguro para não ser arrastada para o meio da confusão e com sua “varinha”, aumentava o tom da sua voz para ser ouvida por todos. E começava. A princípio, um ouvia e a xingava, mas ela, com bom humor, dizia: “Esperem que tem mais, não virem a cara para mim!” – Dava um sorriso, pois é um ser muito alegre. – E continuava. Aos poucos, dois, três, quatro, … todos estavam olhando para ela e sentados a sua volta para ouvir os contos da Cinti. E nisso, ela conseguiu parar muitas confusões, muitas delas de seres extremamente trevosos em combate. Ela conseguia, com sua magia, doçura e alegria contornar a situação e manter a atenção de todos em si própria.
  
Ela tem outra incrível habilidade: parar o tempo – feito que ela aprendeu com o velho cacique que lhe deu a pena/varinha mágica. Quando está nas suas expressões mais elevadas, ela pode parar o tempo para corrigir algumas coisas e até mesmo parar uma guerra inteira. Claro, usa essa habilidade somente quando está completamente autorizada pelas forças superiores de modo que, de forma alguma, interferiria em Livres Arbítrios. É necessária uma grande urgência para que seja autorizada a usar esse poder. Quando nas dimensões mais baixas, ela não para o tempo, mas pode facilmente atrasar ou adiantar o tempo e dar a nítida sensação para aqueles que estão a sua volta que o tempo está indo rápido demais, ou devagar demais. Por muitas vezes fez isso por brincadeira e tomou “bronca” dos seus superiores. Especializou-se nessa habilidade com um lindo ser da Galáxia de Andrômeda chamado “Alfin”. 

Está sendo chamada pelo Plêiades 1 a incorporar nas zonas astrais sua Magia Cintilante e, com autorização, usar seu dom de parar o tempo, para aliviar as dores daqueles que choram e gemem de dor nas regiões densas. Ao mesmo tempo, trazer essas consciências a prestarem atenção nela, quando contará a maior história da Galáxia:  a da transformação do Plano Terrano em uma Joia da Galáxia. Contará lindas histórias e ajudará no alívio, enquanto que lindos Seres de Luz limpam as zonas astrais, pois ela parou apenas o “tempo do sofrimento” e todas as movimentações, exceto as consciências de todos aqueles ali presentes. Sendo chamada a encantar com sua alegria e magia, tanto no astral como no plano físico, e invocar as energias dévicas. para restauração da Fauna e Flora do Plano Terrano. E está sendo alertada com bom humor pelo Plêiades 1 para “Não abusar do seu dom de parar o tempo, ou mesmo de adiantar ou atrasar, quando na superfície…”. E ela continua a ser a linda fada alegre de sempre e extremamente fiel à Luz.
  
Foi até onde Jesus me permitiu ver…

CINTURÃO KUIPER = Recentemente ouviram Kanuuu, do Exército Kani (Aqui ou Aqui), assim como as Notas do Plêiades 1 (Aqui ou Aqui), que também mencionaram sobre o Cinturão de Kuiper. Abaixo algumas explicações.

O Cinturão de Kuiper (também conhecido como Cinturão de Edgeworth-Kuiper) é uma região do Sistema Solar além dos oito planetas maiores, que se estende desde a órbita de Netuno (a 30 UA) a cerca de 50 UA de distância do Sol. UA é uma unidade astronômica equivalente a aproximadamente 150 milhões de quilômetros, que representa a distância média entre a Terra e o Sol.

Kuiper é semelhante ao cinturão de asteroides, na medida em que contém muitos corpos pequenos remanescentes da formação do Sistema Solar, mas é muito maior (20 vezes mais largo e 20 a 200 vezes mais massivo).

Vasto e inexplorado, o Cinturão de Kuiper também é a fonte de muitos cometas. Os cientistas acreditam que todos com uma órbita que dura 200 anos ou menos vêm de lá. O mais famoso originário de Kuiper é o Cometa Halley, ativo nos últimos 16.000 a 200.000 anos.

Mais: http://hypescience.com/o-que-e-o-cinturao-de-kuiper/

CLONES = O próprio nome já diz, clone. Na maioria das notas, quando eles se referem, o fazem indicando os clones criados em laboratório, com intenções negativas.

CRANU-IDINI = Integrante da Equipe Sementes das Estrelas. Não tenho autorização para mencionar seu nome linear. É um ser proveniente da galáxia de Andrômeda. Esteve em vários outros sistemas levando a sua energia de alegria e seus dons curadores. Tem a habilidade inata de desmantelar “teias” negativas, apenas com o mexer das suas mãos. Domina facilmente o magnetismo e pode, se quiser, criar “teias” (tipo teia de aranha) de Luz para proteger determinados ambientes. Em muitas das suas missões galácticas, era chamado pelas forças Guerreias da Luz e, com suas habilidades, criasse Teias de Luz para capturar entidades negativas e levá-las para as Naves de Recuperação. Quando em Andrômeda, mede em torno de um metro e vinte a um metro e meio, – mas outros, em sua civilização, chegam a medir de dois metros a dois metros e meio. Tem uma nave especial com capacidade para três tripulantes. Um deles já está ao seu lado na atual encarnação. Encarnou várias vezes na Terra e teve uma encarnação, em especial, que lhe é muito querida, quando esteve entre os discípulos do Mago Merlin. Aprimorou, com ele, o seu dom magnético. Sua presença em ambientes desarmonizados é solicitada por Deus Pai/Mãe para levar o equilíbrio físico, emocional e mental a todos os presentes. Está sendo chamado a emitir sua força nas zonas astrais inferiores do Planeta onde está encarnado, para criar Teias de Capturas de entidades negativas e ajudar na limpeza final do planeta, que antecede o salto quântico. Estará recebendo fortes atualizações em seu DNA e começará a ter porcentagens do seu Akáshico liberadas à medida que se abre interiormente, libertando-se das teias negativas terranas. (Isso ele sabe fazer muito bem). O Ser que foi conhecido como Merlin estará nesta roupagem o irradiando e mostrando algumas coisas…

CRYSTAL, A FADA MAGNÉTICA DAS MIL E UMA FACES = É um ser belíssimo de um reino magnético de fadas e pode-se dizer que ela é uma fada diferente das habituais. Poder-se-ia dizer também que é uma fada guerreira. Está muito ligada a aqueles conhecidos como Arcanjo Gabriel e Arcanjo Miguel. O seu Reino não é do conhecimento Terrano, mas passou em tantos outros que o são! Esteve nas Plêiades assumindo a roupagem de uma Pleiadiana na altura dos seus um metro e oitenta e em Sirius como integrante de uma tripulação de magnetização cristalina. Também experimentou uma roupagem nos arredores da estrela Rigel. Também, em uma significativa oportunidade, esteve na estrela Rigel e tentou ajudar em uma determinada situação complicada, que se desenrolava por lá.

É um ser muito amoroso e, como o nome já diz, é uma fada e é um pouco mais “alta” que o normal entre as fadas. Mede, nessa sua roupagem, cerca de um metro e cinquenta e tem os olhos que mais parecem dois diamantes brancos, que irradiam ao olhar. Está sempre junta ao seu grupo de mais seis fadas, somando um pequeno agrupamento de sete. Elas, deste agrupamento total das fadas magnéticas, sempre andam em grupos de sete. Algumas delas possuem até espadas brilhantes “polidas” pelo próprio Mikael. Crystal é uma dessas portadoras. Elas fazem, também, parte do agrupamento de Anjos das Legiões de Mikael.

Sua principal função é imprimir o magnetismo amoroso nos corações mais endurecidos. Descem às cavernas trevosas, onde seres densificados permanecem envoltos nas mais densas correntes. O interessante dessas fadas é que elas não têm varinhas. O Olhar de Cristal delas faz o trabalho correspondente. Elas também usam um véu cristalino sobre suas cabeças e esses véus protegem-nas quando descem às zonas mais densas de qualquer região. Esses véus também lhes dão a habilidade de mudar de dimensão, rapidamente. Quando deixam cair completamente o véu sobre si, elas desaparecem e reaparecem onde mentalizarem. Sempre em sete, quando chegam às cavernas densas, aqueles de lá que já as conhecem costumam dizer: “Lá vem os sete cristais!” – Falam isso em tom de ironia.

O seu magnetismo é tão intenso que nenhum ser que esteja vibrando em ondas densas consegue ficar perto delas, sem rapidamente ser envolvido no Amor e Compaixão que irradia dos seus olhos. Elas conseguem imprimir rapidamente toda essa radiação de Amor e cristalização no coração daqueles seres. Não houve nenhuma vez que elas descessem à essas zonas mais densas, que não levassem consigo, cristalizados, todos aqueles que se aproximaram delas, em um raio de dois metros. Tanto que, muitas dessas entidades densificadas temem a aproximação delas, porque sabem que serão magnetizados rapidamente. Porém, aqueles que se permitem aproximar têm, de pronto, o alívio das suas dores, e podem sentir como se houvesse uma brisa fresca inundando seus corações e aliviando, consideravelmente, aquelas cargas mais densas.

Como mencionado, são fadas muito poderosas e assumem a roupagem que desejarem, diante de cada situação. Tanto podem assumir a roupagem de Fadas mais tranquilas, como tornam-se Guerreiras com Espadas de Luz. Em certa roupagem, Crystal trabalha como Guerreiro Guardião de Portais. Mesmo quando na roupagem de Fada Magnética medindo um metro e cinquenta, ao empoderar-se, aqueles seres envoltos em trevas a veem com mais de dois metros de altura, apenas nas suas vistas.

Encarnou muitas vezes no plano físico, especialmente nos tempos da escravidão na Europa, América e América do Sul. Encarnou tanto como escrava negra, como sinhá ou senhor de escravos, e em todas estas encarnações manteve uma postura fraternal. Comprava escravos para libertá-los. Fez isso muitas vezes. Quando esteve na América, fez parte do movimento de abolição da escravatura junto a Abraham Lincoln.

É muito amada nas esferas superiores por sua força e coragem. É uma alma verdadeiramente muito nobre e de um coração forte e corajoso, tanto que esteve entre aquelas conhecidas como as Amazonas. É daqueles seres que tira o manto para estender sobre a lama para outra pessoa passar, mas também é daqueles que, com um brado, faz estremecer as trevas. É isso que encanta neste belo ser de aparência doce de Fada, mas com olhar de Guerreira Amazona, sutil como uma pluma, forte como uma rocha, delicada como a brisa da manhã, mas impetuosa contra a densidade das trevas, tornando-se um Furacão de Luz e limpando todas as trevas, apenas com sua passagem. Não, por acaso, também está conectada à energia do agrupamento Midunus.

Dentre todas as suas faces de Luz, também tem a roupagem de uma avó curandeira nos planos espirituais, detentora da sabedoria curadora dos velhos anciões da natureza. Conhece a magia das ervas da natureza e cada movimento da Mãe Terra. Quando nessa roupagem, é sempre chamada a ir a espaços astrais para dar palestras sobre a magia da natureza. Não por acaso, também tem forte conexão com o Reino Dévico. Esta linda Fada poderia também ser chamada de “A Fada das Mil e Uma Faces”, já que há várias outras roupagens que assume nos reinos espirituais, que não caberiam nesta cosmobiografia.

O Plêiades 1 solicitou que seu nome de Falange fosse “Crystal, A Fada Magnética”, pelo momento específico, onde várias outras almas de Fadas Magnéticas precisam despertar para o chamado. Nas zonas astrais, antes de ser informada por Zero i do chamado de Mikael, Crystal estava em uma roupagem de Guerreira (a que ela mais costuma usar nos planos astrais) empunhando sua espada de Luz de Cristal Azul Claro, quando as Forças da Luz lhes disseram… “No plano físico terrano, precisam de uma representante no Agrupamento PVSE da energia Fada Magnética, onde seres deste agrupamento, tanto no astral terrano como no físico, precisam despertar através de um chamado. Alguém precisa levantar e tremular a bandeira da energia para que todos do agrupamento a vejam”. Ela olhou com seu olhar magnético penetrante e disse… “EU POSSO ERGUER QUALQUER BANDEIRA”. Disse isso com a doçura de uma Fada e olhar de Guerreira. Voltou para o corpo e dias depois foi anunciado no plano físico terrano que ela representaria essa força na superfície, e seria o Magnético Atrator de todos desta falange.

Vê-se que, nessa cosmobiografia, há uma mesclagem de roupagens espirituais que pode parecer confuso ao leitor, mas a ideia é justamente mostrar as multifaces desse ser incrível que se adapta a qualquer situação, e energiza apenas com um “EU POSSO”.

Crystal pode assumir qualquer posição que quiser, e há quem diga: “Ah, mas como vai assumir algo que não sabe?” Ela simplesmente estuda o que precisa ser estudado, incorpora a força nela e integra em si mesma o que precisa integrar. É, como por exemplo, uma professora de Inglês que faltou para dar a aula, mas para substitui-la, só tem a de Português… Ela vai, estuda tudo, se conecta, traz a energia daquela professora de Inglês incorporando-a, e vai dar a aula!… – Ela pode fazer isso brilhantemente. Ela pode conectar-se à qualquer função neste planeta, e fora dele. Pode assumir qualquer coisa. Numa analogia interessante, Crystal se assemelha muito à personagem Rey, do filme Star Wars – O Despertar da Força.

Está sendo chamada pelo Plêiades 1 justamente pelo seu potencial magnético, e tudo que representa. Esta alma pode ser “substituta” de qualquer energia dentro deste PVSE, dentre aqueles chamados. Está autorizada pelo Plêiades 1.

Chamada pelo P1 a despertar as almas do Agrupamento de Fadas Magnéticas e as trazerem de volta ao seu poder inato. Dispensa-se aqui maiores explicações diante de tudo que este “ser” pode fazer. ELE É, ELE PODE TUDO.

É até onde Jesus me permite ver.

CRYTANUS = Há uma galáxia muito distante que nenhum dos telescópios terranos conseguiu captar ainda. Lá, é um Sistema Azul Cristal, onde os seres são de pura energia cristalina. Eles são transparentes, em um tom azul cristal. Seus olhos emitem uma luz azul claro suave, um pouco diferente dos seus corpos, que já têm um azul mais forte.

Foram chamados pelas Forças da Luz, o Plêiades 1, para atuarem neste Sistema Solar, especialmente no plano terrano. Suas funções são imprimir a energia da compaixão no coração dos Terranos. Eles também são especialistas em Geologia. Se bem que o sistema deles não tem mundos físicos, apenas energias. Eles vivem cantando mantras universais e emitindo a energia da compaixão por todo o cosmos.

Há incontáveis anos para os Terranos, eles habitavam esse mesmo sistema, porém, na ocasião, era densificado. Havia sistemas solares, muitos bilhões de planetas, luas, tudo o que se conhece da ciência terrana atualmente. Houve também muitas guerras naquela região. Passaram-se trilhões de anos,… até que eles transcenderam completamente tudo aquilo, e cristalizaram totalmente aquele sistema, ascendendo para 14ª Dimensão. Depois para 16ª e, atualmente, atuam na 17ª e 18ª.

Apenas dois deles estão atualmente encarnados no plano físico terrano. Um no Himalaia, e outro na América do Norte (não me falaram quem são). Dois outros estiveram encarnados há um tempo: um foi a Madre Tereza de Calcutá e o outro foi conhecido como Padre Cícero Romão Batista. Alguns irão encarnar no plano físico terrano a partir de 2018. Estrategicamente no Brasil, EUA, Itália, Japão, China, Peru, Venezuela, Austrália, Holanda, Noruega, Finlândia, Nova Zelândia, Irlanda, Egito, Índia, Israel e Rússia.

São também amantes das artes, música e extremamente caridosos e pacíficos. A aproximação deles do plano Terrano causará uma onda de compaixão nos corações dos Terranos desencadeando, em alguns casos, ondas de profundo arrependimento, caso tenham feito algo que tenha prejudicado outro, inspirando-os à reconciliação. Ondas que expandirá o sentimento de compaixão profunda, até mesmo por aqueles que lhes tenham feito algum mal. Haverá grande reverberação no chakra cardíaco e, a cada respiração, a pessoa se sentirá como se estivesse respirando energia azul brilhante, que a levará ao profundo êxtase da compaixão e unidade.

Eles chegam ao Sistema Local em seus Merkabas de cristal azul e reverberam sua energia em todo sistema, especialmente no plano terrano.

O código deles é “Cry-no-aaaaaaaaaaaaa. HummmmmCryaaaaaaaa”. É como se fosse uma saudação, uma invocação, um mantra… (Para ouvir a saudação na voz de Gabriel RL CLIQUE AQUI)

O nome que corresponde à vibração deles é Crytanus.

É até onde Jesus me permite ver.

DEUSA MU = O surgimento da Deusa DOU MU na superfície do planeta, há alguns anos, foi o primeiro sinal do retorno das Forças da Luz, após 26.000 anos de exílio. Este foi o primeiro passo para o retorno de Agartha à Superfície. É a Deusa DOU MU que agora está envolvida num trabalho mais ativo com os portais na superfície do planeta, na nova fase de preparações para a Compressão e Ruptura que começou em julho. Fontes do Dragão comunicaram a COBRA que *Jetsun Pema, a Rainha do Butão é uma das principais personificações públicas do arquétipo DOU MU na superfície do planeta. Fontes do Dragão também disseram que DOU MU está procurando por um contato mais ativo com a população da Superfície.

A saber que, em todo o mundo, muitas cavernas foram lugares sagrados para vários grupos da Luz na Superfície e muitos deles contêm vórtices da Deusa MU (Santuário da Deusa) que serão ativados durante o Evento. Com este propósito, COBRA anunciou que está procurando ativamente pessoas que sejam guardiãs de tais cavernas ou conhecem sua localização, para contatar no endereço eletrônico: cobraresistance@gmail.com

Tudo isso faz parte do plano maior de reconexão da Rede Agartha com a população da Superfície, após o Evento.

* Há vários links das fontes e mais detalhes a esse respeito nesse artigo do COBRA: Aqui e Aqui.

DINÓRIS, O GUARDIÃO DO NILO = O Guardião do Nilo é um Ser Estelar que veio à Terra há milhares de anos. Esteve atuante em Mundos Dévicos. Pela natureza da sua energia de Guardião foi, por muitas vezes, solicitado pelas Forças Galácticas para assegurar determinadas áreas. Em um certo momento do tempo, em um sistema muito distante, foi um Lobo Guardião. Sempre foi detentor de Magia e, com este poder, somente com sua presença consegue abençoar e trazer fartura, seja do que for, especialmente alimentação, energias positivas e chuvas em áreas secas.

Esteve no Antigo Egito e, como Portador de Magia, era muito solicitado pelos grandes faraós. Encarnou várias vezes na mesma região. Tinha o poder (e ainda tem) de abençoar o Rio Nilo (e qualquer outro) e fazer dele uma fonte de energias, pelas quais viria a abundância no Egito, e além. Tornava zonas áridas em verdes e férteis. Estava conectado (e ainda está) ao Deus Áton. Pode mentalizar áreas onde haja fome, e energizar essas áreas, até que elas sejam férteis e abundantes. Tem grande poder junto a Áton, se assim o desejar. Estar conectado é uma coisa, usar esse poder é outra coisa.

Com a sua sabedoria milenar e Portador do Olhar do Cristo (saberão mais abaixo o porquê), consegue facilmente desintegrar forças negativas que estejam envolvendo alguém, apenas com um olhar ou imposição de mãos na cabeça da pessoa, especialmente no chacra coronário. É muito amoroso e nenhuma entidade em volta, em trevas, resiste por muito tempo perto dele, afastando-se desesperada, devido a intensa radiação de Amor emitida por este ser de Raio Dourado mesclado ao Rosa.

Ainda no Antigo Egito, em muitas das suas encarnações, ao que tudo indica foi Ramsés III. (Não recebi a informação precisa, apenas vi Ramsés III em minha tela mental. Não sei se ele esteve ao lado dele, ou se foi ele).

Em outra encarnação sua, na época daquele conhecido como Jesus, o Mestre do Amor, teve uma experiência que guarda até hoje em seu coração. Dinóris, estava já crucificado há pouco tempo no monte, quando viu Jesus aproximar-se carregando sua cruz… Já bem abatido, o Mestre do Amor foi se aproximando lentamente em direção àquele ponto onde seria “o seu”. Na passagem, cruzou olhares com Dinóris e, em alguns segundos, olhou profundamente com muita ternura e Amor para aquele homem que estava já na cruz, por ter pego um pão que caíra da carruagem de um nobre e influente romano e, fugindo, em seguida, para dar à sua filha que passava mal de fome. Nessa ocasião, sua filha era aquela conhecida hoje pelo Plêiades 1 como Cinti, A Fada Contadora de Histórias. Naqueles breves segundos, Dinóris com um olhar de Amor e pedindo piedade, dizia… “Senhor, tem piedade de mim…”. Jesus, naqueles segundos de olhar amoroso, disse sussurrando: “Meu Filho, eu te digo em Verdade, que hoje mesmo, após a nona hora, estarás comigo ainda acima do Nirvana”. – Ao que, logo em seguida, o Mestre do Amor recebeu uma chicoteada de um soldado romano, desviando o olhar de Dinóris e seguindo ao seu já conhecido destino…

Após isso, o coração de Dinóris se encheu de Amor e nenhum sofrimento que passava ali o afligia mais. Estava inundado de Amor e serenidade – as mesmas emitidas pelo olhar do Mestre do Amor. Portador, desde então, do Olhar do Cristo, pois seus olhos, naquele momento, receberam aquela poderosa projeção e, como se por espelhamento, passaram a ser uma “cópia” idêntica do olhar amoroso de Jesus. Quem o vê, tem a certeza que está olhando para olhar que era do Cristo, cheio de Amor e Ternura. Após a nona hora, o Mestre do Amor desprendia-se do corpo e, segundos depois, Dinóris foi literalmente arrancado do corpo por um “puxão”, que foi a “subida” de Jesus ao desprender-se do corpo. E seguiu junto, como o Mestre do Amor havia prometido… Após este tempo, voltou a encarnar no Plano Terrano em um ambiente de Cristalização, junto à comitiva daquele conhecido como São Francisco de Assis. (O mesmo Tutankamon. Tutankamon é o mesmo espírito que animou a personalidade de São Francisco de Assis e o Apóstolo do Amor conhecido como João Evangelista, aquele que Jesus entregou à Maria, dizendo… “Mulher, eis aí o teu filho… filho, eis ai a tua Mãe”). Sempre esteve ao lado desses seres, auxiliando em suas missões de Amor, ou mesmo quando era um missionário enviando das Forças da Luz.

A história desse querido Ser Estelar e suas mil faces amorosas não pode ser completamente contada, pois não caberia nem na inteira Biblioteca de Alexandria, nem mesmo no planeta Terrano inteiro, ou qualquer outro. Para saber mais sobre ele, basta olhar em seus olhos e ali receberá todo pacote da sua história.

Por isso, está sendo chamado pelo Plêiades 1 a tomar consciência do seu poder, trazer para superfície Terrana todo o Amor daquele olhar Crístico e envolver a todos nessa energia pacífica e transformadora, como foi naquele momento que Jesus o olhou. Ele se transformou para sempre.

Sendo chamado a lançar seu olhar nas terras inférteis e torná-las férteis. Chamado a trazer a Luz de Áton à superfície Terrana e zonas astrais que envolvem o Plano Terrano. Sendo chamado, junto ao seu agrupamento, para reviver os rios “mortos”, trazendo-os novamente às suas plenitudes, através de meditações conjuntas.

Foi até onde Jesus me permitiu ver…

DRANO-APORIS, O VISÃO NOTURNA = É um Ser que veio do sistema de Aldebaran. Chegou à Terra há milhares de anos se colocando disposto a ajudar no que fosse preciso a experiência. É um ser que tem a habilidade de olhar, com amor, onde há escuridão. Facilmente coloca-se à disposição para ir a mundos onde não há dia e ali, ele senta-se como um sol a iluminar e a ensinar sobre o brilho Solar. Especialmente, ele costuma falar da sua estrela, Aldebaran. Ele veio a Terra junto com outros da mesma origem e irá se encontrar com eles, num futuro linear próximo. É portador do Amor Universal Apaziguador.

É um ser de energia angélica, especialmente dos reinos do Arcanjo Samuel e Arcanjo Gabriel. Durante todo o seu período no plano físico terrano esteve assistido por eles. Em sua roupagem, Drano-Apóris tem cerca de 1.80 e usa uma espécie de capa escura que o cobre até a cabeça. Porque usa a capa escura? Na realidade é preta. Em muitas zonas astrais inferiores às quais ele desce, essa capa o protege e “esconde” a sua Luz para que ele possa descer o mais profundo, sem ser percebido. Esconde seu cajado dentro dessa capa. Tem os olhos grandes, bem maiores do que os dos humanoides terranos que mais parecem dois sois laranjas brilhantes, mesclados entre o laranja e amarelo ouro. Quando ele chega ao destino, costuma sentar-se em meio a todos aqueles seres densificados ali presentes. Alguns se aproximam dele como se… “Quem é você, porque não mostra o rosto!???”, – ao que com um gesto simples e amoroso, ele remove calmamente a capa que está encobrindo sua cabeça e mostra seus olhos. A maioria dos seres se desesperam e saem correndo temendo aquele olhar grande alaranjado, outros se “hipnotizam” diante de tanto Amor… Passa um certo tempo ali, em oração.

É um ser que vive em constante contemplação e oração à FONTE PRIMORDIAL. Quando se levanta, remove a capa e resplandece como um lindo sol laranja radiante, e bate seu cajado naquele solo “pegajoso” de baixas vibrações, dizendo em alto e bom tom “EU SOU A LUZ DE ALDEBARAN! E QUE ESTA LUZ ESTEJA AQUI!” – e jorra um Amor tão grandioso daquele cajado, que nenhum ser ali presente resiste, por mais trevosos que possa ser, “desmaiando” e, imediatamente sendo levado à naves mãe de recuperação. Lá, eles recebem todo tratamento e Amor e, em seguida, dentro do livre-arbítrio, decidem se querem ficar ou voltar à velha energia. 90% não retornam mais.

Encarnou várias vezes no plano físico terrano e entre uma das encarnações esteve junto à Zero i,  quando este assumia a roupagem daquele conhecido como Amenófis III. Era um dos seus conselheiros. Nesta ocasião, Amenófis III estava triste por tentar inspirar seu povo aos dons interiores do Espírito e ser ignorado pela maioria, ao que Drano-Apóris, na sua roupagem da época, se aproximou e o acalmou. Na ocasião, também conheceu aquele chamado de IUD-IL, também muito próximo a Zero i, e um dos seus conselheiros. Este amável ser de olhos alaranjados de Luz encarnou também junto daquele conhecido como Jesus, como um dos seus discípulos próximos. Era um daqueles vários pescadores que seguiram o chamado do Mestre e viu-o desencarnar na cruz. Esteve próximo a Maria no seu ministério pós desencarne de Jesus.

Este amado ser é constantemente visitado pelo Arcanjo Gabriel, quando este vem trazer instruções para o seu trabalho no plano físico, assim como no astral. Outros seres como aquela conhecida como Madre Tereza de Calcutá e Joana de Angelis também estão muito próximas dele, já que elas têm nas zonas astrais do plano terrano hospitais espirituais e o convidaram para que ele pudesse levar sua Luz a esses locais, o que ele faz com muito Amor.

Está sendo chamado pelo Plêiades 1 a olhar para alguma escuridão que haja no coração dos Terranos, pedir permissão para sentar-se ali e falar sobre o seu Sol… Está sendo chamado a tomar o seu poder consciente e ir às zonas astrais inferiores da Terra e ser a Visão Noturna daqueles que não enxergam o Sol. Chamado a usar seu Cajado de Luz que está na mão direita e, ao bater no solo, trazer a Luz através de “EU SOU A LUZ DE ALDEBARAN! E QUE ESTA LUZ ESTEJA AQUI!” – “Este é o seu lema e força, Visão Noturna, e de todos aqueles do seu agrupamento.” – Está sendo chamado também para, a cada bater do seu cajado no plano físico, despertar todos do seu agrupamento que estão no plano físico e astral. (Na sua roupagem terrana atual, ele pode fazer isso mentalmente, mentalizar o seu cajado na mão direita, bater no solo e, vendo sair poderosas Ondas de Luz neste, bater e despertar pessoas, não só do seu agrupamento.) A sua Luz é tão intensa e alaranjada brilhante, que todos do seu agrupamento que estão dentro das naves mãe conseguem enxergá-lo a milhares de quilômetros da superfície terrana.

É até onde Jesus me permite ver.

ELIAR-FLOURS, O ARTISTA = Integrante da Equipe Sementes das Estrelas. Não tenho autorização para mencionar seu nome linear. É um ser Criador. Pode se dizer que é um mestre Arquiteto e Engenheiro, as duas coisas, e muito mais. Tem conexão com os Elohim, especialmente o Elohim da Graça. Conexão com todos os elementais dos sistemas de mundo onde experienciou. São incontáveis os sistemas os quais ele experienciou. Tem também ligação com a linhagem de seres conhecidos como Equitumans.

Quando em criações de sistemas inteiros e planetas, ele e seu agrupamento se reúnem para, juntos dos elementais, darem a formosura necessária àquele planeta. Há, então, separações de porções secas (separando continentes, países, etc…). Trabalham para que as montanhas, cachoeiras, pedreiras e demais sistemas da natureza ocupem as suas harmônicas posições. Esses seres são energias poderosas e têm a capacidade criadora amplamente desenvolvida, graças às suas conexões primárias com os Elohim e os Senhores Solares.

Podem facilmente chegar em um espaço e começar a visualizar algo que logo se manifesta. Quando nos planos mais elevados, chegam em sistemas sendo criados e, como se estivesse fazendo um desenho em um quadro de Luz, começam a materializar o que “desenham no quadro”. Cada ponta dos dedos pode ser vista como pinceis de Luz, cada um de um tom brilhante. É um grande Artista Celeste e ele, com seu agrupamento, embelezou muitos sistemas de mundos. Seu agrupamento é um dos responsáveis por harmonizar esteticamente a Terra Interna. É um Artista Universal, um Arquiteto, um Engenheiro Celeste e todos os demais sinônimos.

Tem também, naturalmente, a habilidade de “apagar”, como se apaga rabiscos em um quadro negro, as intenções das trevas. Suas mãos são pura energia com 4 tons específicos em destaque: Verde, Rosa, Amarelo e Azul e consegue facilmente desmanchar qualquer intenção escura. Certa vez, em mundos densos, foi levado a zonas astrais negativas, amplamente dominada por magos negros. Ao que, com sua chegada, sentou-se no alto de uma montanha, estendeu um quadro de Luz, fez uma oração invocando os Elohim e a presença de todos os elementais universais, chamando pelos Senhores Solares, balançou as duas mãos como se tivesse enxugando-as (e, neste momento, elas ficaram coloridas de Luz radiante), e ele começou a apagar todo aquele cenário negativo. Simplesmente como se apagasse com um apagador rabiscos em um quadro-negro.

As forças das trevas, naquele ambiente, se enfureceram e começaram a lançar feitiços contra ele, que os apagava antes de chegarem até si. Por fim, ele criou um jardim com lindas rosas coloridas, lagos, lindas árvores de folhas coloridas e abriu-se um lindo clarão como se o Sol baixasse ali. Viu-se todos os seres que antes tentavam atacá-lo, deitados na grama e respirando suavemente, como se encantados e em pura paz. Ele os vestiu com roupas brancas, e de lá do seu quadro de Luz, colocava seus respectivos nomes celestes em suas vestes, ao que de imediato aparecia escrito nas vestes.

Quando nas grandes naves-mãe, é sempre chamado para decorar os ambientes com sua energia multicolorida. Além da habilidade com “as mãos”, pode-se ouvi-lo a cantar cantos universais, e vê-se o ar sair da sua boca em forma de cores radiantes e, da mesma forma, criar ambientes belíssimos e perfumados.

Está sendo chamado pelo Plêiades 1 para ancorar nas zonas astrais inferiores e na superfície a energia da criação artística, irradiando a energia da beleza e Amor onde for. Chamado a ir nos vales negros onde a sombra e o desequilíbrio formam paisagens tristes e devastadas, para que ali incorpore o Artista Universal e recrie o quadro, dando tons alegres e iluminados. Na superfície, é chamado para que, quando em lugares onde a densidade seja evidente, ancorar ali sua energia artística e transformar aquele ambiente em um lindo campo verde com lindas flores coloridas. Se houver seres sensíveis neste ambiente, poderão até sentir a brisa e o cheiro das flores, mesmo que ainda no ambiente tridimensional pareça nada ter mudado. É um ser que naturalmente exala o cheiro de jasmim.

É até onde Jesus permitiu que eu visse. 

EM ESPÍRITO E VERDADE E/OU EM ESPÍRITO E EM VERDADE = Presente pessoalmente em/no local a que se refere.

EQUIPE MÉDICA UNIVERSAL = Especialistas em medicina biológica e etérica – (Possíveis integrantes da Nave-Mãe Avalon – Não tenho confirmação sobre isso, ainda).

ESPECIARIAS CELESTES = Oportunidades divinas para rendição à Luz.

ESTRELA A = Sírius A.

ETÂNIO = É um ser Solar, uma individualização do Plêiades 1 (ao que se chama Plêiades 2). Senti sua energia por dias e eu, Gabriel, não havia entendido se era para escrever algo. No dia 12.01.2017, o agrupamento, que é muito similar à imagem que poderão ver no link abaixo, se aproximou de mim. Como se em sussurros, eles começaram a me ditar as informações. São seres sérios e amorosos e muito precisos em suas informações. Me envolveram em uma energia muito afetuosa e num clima de respeitabilidade transmitiram segurança acerca das atividades solares, como se quisessem informar que “está tudo bem, tudo sob controle”. Que a energia que me envolveu possa envolver a todos durante a leitura, e além. Para mais, vide Aqui ou Aqui.

ETNYA SOLARIS = Integrante da Equipe Sementes das Estrelas. Não tenho autorização para mencionar seu nome linear. É um ser Solar, puramente energizador e condutor da alegria. É um ser cerimonial. Responsável por preparar grandes eventos nos planos espirituais. É conhecida no Grande Sol Central, como Etnya, o Brilho Solar. A sua assinatura energética é conhecida onde quer que ela vá, pois irradia a pura energia solar e nenhum ser deixa de conhecê-la.

Em muitas reuniões, onde está se indo para o lado muito sério, Etnya chega trazendo a energia da leveza e alegria, suavizando as “tensões” e fazendo-os sorrir apenas com sua chegada. É um ser, quando dentro das grandes naves mães, como tripulante do exército arcturiano, tem estatura de um metro e sessenta, que quando em estado meditativo, sobe para mais de três metros.

Encarnou várias vezes no plano físico Terrano, Atlântida, Mu, Egito, e na época da descida do Ascenso Jesus Cristo. É, por natureza, integrante da mônoda do Mestre Jesus. É muito solicitada nos planos espirituais para dar aulas para crianças de várias raças estelares, onde muitos deles a chamam de Nya.

É muito amada pelos essênios, onde em uma das suas iluminadas vidas, esteve presente nos rituais sagrados de consagração. Consagrou muitos seres, trazendo a energia de Áton aos seus corações, e unificando-os ao Deus Sol. Tem intensa conexão com Áton, podendo chamá-lo sempre que quiser. Ela é um dos seus próprios raios na superfície Terrana.

Está sendo chamada pelo Plêiades 1 a incorporar definitivamente sua energia solar na superfície Terrana, assim como para ir nas zonas astrais inferiores e levar a energia da alegria. Especialmente, para ir a pontos onde se encontram almas depressivas e suicidas, e levar ali o seu brilho de energia solar. E ancorar a energia de Áton. Quando disser “EU SOU ETNYA, PORTADORA DO SOL DA VIDA E HONRO AQUELE A QUEM REPRESENTO”, – descerá sobre ela uma intensa energia vinda direta do Sol Central Galáctico, que chegará ao Sol Local e chegará através do seu Chakra Coronário, parando no Cardíaco. E dali, saindo raios como um leque, e cada raio desse leque representa as infinitas oportunidades para ser feliz e agradecer a vida. É uma mestra solar, o próprio sol em corpo Terrano.

Logo que seu nome foi anunciado nas Notas do Plêiades 1, Etnya recebeu mensagem de *Hélios e Vesta através de canalização do Gabriel. Na mensagem, eles explicaram que o SOL É A FONTE DE TUDO, É A FONTE DE VIDA. E orientaram sobre o que a Etnya, como PORTADORA DO SOL DA VIDA faz: “Na função de ser, você é um ser atrator com a função de ensinar as pessoas e de atrair as pessoas para que elas voltem o seu centro a girar ao redor da FONTE DE TODA A VIDA. O SOL é o ponto central de atração, um magnetizador, um organizador, um impulsionador – e é isso o que você é. É isso o que você tem que fazer: ser, irradiar, ensinar as pessoas a confiarem no centro da FONTE DA VIDA colocando-as em torno e seguras deste centro que é o SOL DA VIDA. Porque assim é a Etnya. E nós pedimos apenas que você faça isso. Continue sendo essa expressão mais simples, e tão poderosa! Colocar as pessoas novamente a girar em torno do Sol, em perfeito equilíbrio, pois o Sol rege todas as coisas com Amor Incondicional e isso deve ser feito com todos, sem distinção porque, como o Mestre Amado Siriano disse: ‘Deus faz chover sobre bons e maus, justos e injustos’”.

Etnya esteve também encarnada em outros tempos onde Gabriel, em transe mediúnico, a vê num imenso salão. E descreve: “ali todos estão vestidos quase iguais. O lugar é parecido com um palácio egípcio. Ou, talvez, um templo essênio. Todos estão usando roupas brancas com cintos dourados na cintura. Algumas pessoas que, talvez sejam parte da corte de um reinado, e outras como se fossem ser iniciadas em algum ritual. Neste grande salão entram pessoas em grupo de 7 em 7. É colocado um capuz sobre a cabeça delas, cobrindo todo o rosto. Elas são dirigidas por alguém da corte, até outra sala. Ali tem alguém vestido de forma semelhante, mas com alguns detalhes diferentes. É uma senhora que, na altura do peito da sua roupa, usa um símbolo solar com os raios saindo. Um símbolo dourado. De tão dourado, parece vivo na roupa. E essa senhora está irradiadíssima! Há um raio dourado chegando ao coronário dela, descendo até o peito e irradiando. Cada uma dessas 7 pessoas é levada até ela e as pessoas se abaixam em sinal de reverência. Ela põe as duas mãos na cabeça da pessoa, diz algumas palavras em um idioma desconhecido, invoca o Deus Sol. Diz umas palavras específicas à pessoa, tira o capuz da própria cabeça e pede que a olhe nos olhos. Quando a pessoa olha, a senhora abre os olhos e aparecem dois sois. A pessoa se emociona e a senhora abaixa a cabeça e fecha os olhos novamente. Aí vem o outro dos sete, depois o outro, o outro e o outro. O ritual se repete com todos os sete. Todos os capuzes são retirados e eles saem felizes. Entram mais sete. Assim ocorre com todos os grupos que estão na fila para fazer essa iniciação. Eles são iniciados nessa pequena sala. Há muito perfume de rosas no local. No final, todos tomam uma bebida. A senhora está animada e feliz. Todos estão muito felizes. Todos a respeitam muito. A amam muito. E percebe-se a energia de Áton no ambiente”.

Alguns dias depois dessa revelação, ainda pela mediunidade de Gabriel, Arcanjo Miguel pré-anunciou o que o Plêiades 1 iria informar logo a seguir: “Etnya Solaris reconhecendo origem”.

* Hélios e sua chama gêmea Vesta são a hierarquia máxima do Sol do nosso Sistema Solar, sendo eles os representantes de Deus Pai-Mãe para a nossa Galáxia e focalizam para nós a Luz Divina no sol espiritual por detrás do nosso sol físico.

ETTINA-UI-TA (OU ETTIUITA), A BRISA DA MANHÃ = Integrante da Equipe Sementes das Estrelas. Não tenho autorização para mencionar seu nome linear. É um ser de energia céltica, mais parece uma brisa suave. Quase nunca ninguém a viu em sua forma espiritual completa (Digamos, uma forma humanoide, física, fisicalizada), nem mesmo nos planos espirituais. Quando lá se apresenta, costuma-se ver apenas seus olhos, lindos olhos verdes que a cada abrir e fechar mudam de cor, alternando entre o verde planta e azul celeste. Ou, se ela estende as mãos, é como se só as mãos se materializassem, deixando todo o resto do corpo astral fluídico, como uma fumaça colorida. Quando anda, pode-se ver os pés descalços, que só se “materializam” a cada pisar no “chão”. Enquanto um pé toca o “chão” suavemente, o outro mantém-se fluídico, sem tocar o chão. Quando este toca, se materializa e, automaticamente, o outro torna-se fluídico, e assim é em todo o caminho… Poderia também, ser chamada de Fada multicolor da natureza.

É um ser vindo de um sistema não conhecido pelos Terranos ainda. Poderia se dizer que veio de um mundo semelhante a aquele apresentado no Filme “Avatar”.

É um ser Dévico, com imensa capacidade de manipular o clima de qualquer sistema. Ela e seu agrupamento de seres, são aqueles que, quando em suas expressões mais elevadas, criam as suaves brisas das manhãs. São eles que dão o ar fresco que, somado ao perfume das flores, trazem a suave energia revigorante que também chega com o raiar do Sol. Eles são a própria expressão de “Brisa + Flores + Sol”. Tem sua chama atualmente no reino Dévico e é um dos guardiões das energias geradas pelas trovoadas. Ela, sua chama, é como se fosse um dos seres do agrupamento Dévico responsável pelos trovões.

Em seu sistema de mundos, de onde veio, é muito querida, assim como nos reinos dévicos terrano, onde ela costuma ir quando sai da sua forma física terrana atual. Aliás, é a única maneira de ser vista, ao menos um fragmento dela – é quando tem um fio da sua energia encarnado em um corpo físico.

Há muito tempo atrás, quando em uma batalha entre grandes aldeias, ela era uma guardiã de uma das aldeias – a pacífica. A aldeia atacante era extremamente ambiciosa e queria entrar na aldeia pacífica e roubar as joias preciosas que eles tinham, assim como roubar as poções mágicas que eles tinham para fertilizar os solos e manter o ar puro e agradável. A aldeia pacífica, todas as noites se reunia para cantos de louvor à natureza, onde ancoraram poderosas energias dévicas. Estas eram as que asseguraram a fartura, o bom tempo, perfumes naturais e perfeita interação com os animais das redondezas, onde até o mais feroz, ao se aproximar da aldeia, ficava suave como uma brisa da manhã. Os invasores queriam todos esses poderes e quando começaram a se aproximar da aldeia dos pacíficos, estes se assustaram e todos correram para a tenda da Ettiuita, pedindo socorro. Ela dormia, e quando ouviu, abriu os olhos suavemente, com imensa serenidade, levantou-se e, de igual modo e foi até o meio da aldeia. Todos a observavam e enquanto os invasores se aproximavam, ela começou a cantar um canto ainda não ouvido por nenhum da aldeia. Começou a dançar suavemente, evocando os seres dévicos e pode-se ver formar ali em volta dela um pequeno vórtex de energia azul e verde. As árvores começaram a balançar fortemente, mas não havia vento no momento. O chão começou a tremer. O Sol, que estava a iluminar a aldeia, escondeu-se atrás de nuvens densas. Trovões começaram a ser ouvidos e grandes feras da natureza chegaram na aldeia pacífica e ficaram a rodeando.

Quando os invasores se aproximaram mais, viam apenas relâmpagos e brilhos intensos dentro da aldeia pacífica e começaram a se assustar, pensando em desistir de entrar. Mas o seu líder insistiu e foi tomado de grande pavor quando viu Ettiuita rodeada de relâmpagos. E quando ela abriu os olhos, lindos olhos verdes, o líder estremeceu completamente, fazendo-o voltar e recuar com toda a sua tribo.

Tudo voltou ao normal. E a noite foi como todas as demais, de cantos e invocações de Luz.

Ela está sendo chamada pelo Plêiades 1 a evocar suas forças no astral e superfície Terrana, a fim de ajudar na purificação do ar, e eliminação de gases tóxicos, tais como chemtrails e outros. Sendo chamada a trazer aos corações dos humanos Terranos o sentimento das manhãs de brisas suaves, perfume de flores e brilho de sol. Chamada também a incentivar magneticamente os corações de todos aqueles desconectados da natureza, para entregarem seus corações à Mãe Terra. Chamada a suavizar as grandes tempestades nas áreas mais frágeis, e a fortalecer onde houver maior necessidade. Está a nível interno em constante conexão com sua chama – guardião dos trovões – e pode se conectar com ele sempre que desejar.

É até onde Jesus me permitiu ver.

FLASH SOL CENTRAL = Raio de Luz que partirá do SOL CENTRAL GALÁCTICO e atingirá o coração da Mãe Terra e todos os seus habitantes, promovendo assim um acordar para o verdadeiro EU UNO. É um evento anunciado há eras. Cristo e tantos outros Mestres o anunciaram. Para mais, vide Aqui.

FLORENÇA = É um Elemental do Ar, um Silfo. Vide Aqui ou Aqui.

GIGANTES = Podem ser duas coisas:

1 – Refere-se a gigantes adormecidos em câmaras de hibernação há milênios, que estariam novamente acordando. Eles programaram o seu despertar a milhares de anos. As câmaras de hibernação como sendo originalmente construídas por uma antiga Raça de Construtores (“Ancient Builder Race”). Essa raça usou as tecnologias de cristal para criar bolhas de tempo em que o fluxo do tempo no interior é muito mais lento do que no exterior. Trinta minutos pode transcorrer dentro da bolha tempo, enquanto 30 mil anos acontece no exterior, de acordo com Goode. Ele disse que essas câmaras de hibernação com gigantes perfeitamente preservados dentro delas, haviam sido encontradas em todo o mundo. (Vide maiores informações e vídeos com imagens de alguns Gigantes em suas câmaras hibernando: Aqui, “Gaiam TV – 1ª Temporada – Episódio 6 ou Aqui)

2 – E/ou poderosos seres encarnados despertando para os seus reais propósitos divinos.

GRUPO ASHORIS3 = Chimera e seus subordinados.

GUARANNYS = É um agrupamento de seres Guerreiros da Luz. São defensores da Natureza. Possuem arco e flecha dourados e quando disparam suas flechas, mais parecem raios de Luz. São muito amorosos e sorridentes, até verem alguém desmatando, maltratando os seres da natureza. Ao verem alguém fazendo qualquer coisa que prejudique o meio ambiente, fecham suas expressões e chegam a parecer “outra pessoa,” de tão bravos que ficam. Medem em torno de 1.70 à 1.80. m. Pele bronzeada, parece que têm o corpo esculpido no próprio bronze. Eles são de um sistema distante do Terrano, mas se voluntariaram a milhares de anos para virem ao plano Terrano ajudar no processo. Existem vários outros que estão a bordo das grandes naves mãe dando suporte a esses que estão no plano físico e astral Terrano. Sim, existem alguns encarnados no plano físico e, obviamente, estão sem a consciência disso, a consciência de quem são. Aqui, esta mensagem, é para disparar um “alerta” na superfície para que eles despertem para suas naturezas divinas e guerreiras da Luz. Muitos dos que lerem essa mensagem, logo se afinarão e entrarão em sintonia com essa força. Eles também são conhecidos como “Os Guerreiros defensores do Éden”. Se os Terranos tiverem um lugar sagrado para proteger, basta chamar por eles, que eles formam um círculo em volta do ponto e, com seus arco e flecha de Luz, protegem o lugar. São, naturalmente, expressões do P1 individualizadas (P2). Eles também são amantes das Fadas, adoram as fadas e sempre que as veem, ficam encantados. É a única coisa que os faz voltar a sorrir depois de “ficarem bravos” quando veem alguém prejudicando a natureza. Eles “fecham a cara” quando isso acontece, mas quando veem uma fada, logo voltam a sorrir.

É até onde Jesus me permite transmitir.

GUARDIÃO DO TEMPO Integrante da Equipe Sementes das Estrelas. Não tenho autorização para mencionar seu nome linear. O Guardião do Tempo tem a função de unificar as eras, de unir as gerações e de ajudar na iluminação das “linhas de tempo”. O Guardião do Tempo é aquele que detém a magia do tempo, que pode mentalizar e trazer qualquer energia de éons para o presente e iluminar o que precise ainda de Luz. Ele não é superior ou inferior; ele apenas é um dos representantes da magia da unificação das linhas temporais. Ele pode, se quiser, e estiver harmonizado, acessar o Akáshico e iluminar velhas energias. Há de se ter muita humildade e Amor para isso.

GUARDIÃO DOS REGISTROS AKÁSHICOS UNIVERSAL LOCAL = É um Ser Magnético e, a princípio, sua missão no plano físico, não estaria ligada a esta tarefa de poder acessar e trazer Registros Akáshicos deste Universo Local. Este acesso foi-lhe dado devido ao seu comprometimento no Plano Físico, com sua já conhecida missão SEMENTES DAS ESTRELAS, onde tem a tarefa de Reunir as Sementes. (Vide mais Aqui). Este ser tem o apoio dos Anciões do Tempo e Registros Akáshicos, assim como dos Cetáceos, nesta missão. Em sintonia com essas forças, ele pode trazer qualquer Akáshico deste Universo Local (e também de outros Universos), apenas projetando sua consciência no quadro específico, desde que tenha um propósito mais elevado. Tem profunda conexão com o Guardião do Tempo, onde estes trabalham juntos, desde já, nos planos mais elevados. Seu propósito é harmonizar e iluminar as linhas de tempo passadas necessitadas, assim como trazer o novo das linhas futuras e integrá-lo na linha de tempo presente. Este ser é de uma bagagem espiritual extremamente expressiva, e a ele está sendo confiada, dentro do Agrupamento PVSE, essa responsabilidade de Guarda e Honra desse Poder Universal. Este ser já é conhecido por muitos e, apesar de ter vários nomes, o Plêiades 1 o chama de ZERO I. (Vide mais sobre Zero i no Glossário Específico, na letra “Z“: ).

ILHA K = Koreia do Norte.

IMIGRANTES DE ÓRION = Ao que tudo indica, são os reptilianos/draconianos – seres negativos que vieram da constelação de Órion e que agora estão deixando a Terra por livre e espontânea vontade ou estão sendo levados pelas forças da Luz. (Ou quaisquer outras raças daquela região).

INFRASSOM C3 = Um dos sistemas de controle mental da população da superfície. Arma usada pelos “ar” e MiD, sempre para fins de controle mental, para manter as massas Terranas controladas e agindo de acordo com suas vontades. Tenta suprimir o livre-arbítrio induzindo as pessoas a acharem que tomam todas as decisões baseadas em suas próprias vontades, sendo que, em muitos casos, estão apenas sendo influenciadas por ondas infrassônicas e ultrassônicas de maneira subliminar. Tenta abaixar a frequência da vibração, em particular, das vibrações emocionais. Tenta suprimir a vontade das pessoas de lutar (não se entregar facilmente ao controle das trevas). Tenta suprimir a vontade das pessoas de criarem seus próprios destinos.

A expressão 1/7 significa que são, pelo menos na Zona T, sete (7) sistemas que atuam naquela região e, em uma NOTA do Plêiades 1, eles mencionam “Infrassom C3 1/7 desativado com sucesso sobre Zona T”- significando aqui que a “parte um” desse sistema foi desativada/desmantelada pelas Forças da Luz.

Existem maneiras de evitar as investidas dessas tecnologias negativas usando também tecnologia. Cito aqui a tecnologia Pleiadiana “Tachyonis”. 

(Veja algumas informações sobre nos links a seguir: Aqui, Aqui ou Aqui e Aqui).

Mas, tenham em mente, que se manterem suas vibrações elevadas através de comportamentos amorosos e alinhados na Luz Crística, nenhuma tecnologia negativa é capaz de afetá-los. O AMOR É A MAIS PODEROSA “ARMA” QUE VOCÊ PODE USAR contra qualquer investida negativa. Assim como as doenças físicas não sobrevivem em ambientes alcalinos, assim como também as altas vibrações de Amor impedem o desenvolvimento de doenças e atuações de tecnologias negativas sobre qualquer ser.

Eis um trecho de uma mensagem do Kryon:

“Saia da vibração do medo e a sombra caminhará na direção contrária a você. Aonde quer que você caminhe, a negatividade correrá na outra direção. Com isso, vem melhor saúde. Alguns de vocês que gostariam de mudar algumas coisas em seus corpos, vocês que tentaram algumas coisas, e não funcionaram. Dê uma oportunidade para o seu corpo conversar com você. Ao conversar com suas células, vai elevar a vibração do seu DNA. O que acontece com essa elevação? Você percebe que doenças são vibrações baixas? E o que acontece quando você eleva sua vibração? Cura. As velhas doenças procuram por vibrações mais baixas, por medo… Eleve as suas vibrações e a doença não poderá alcançá-lo. Vocês querem ter mais energias em suas vidas? Então parem de ter medo!

Ascenda a sua Luz e a escuridão se vai. Pare de combater a escuridão e ascenda a sua Luz; isso é a única coisa que vai funcionar.” (Mensagem completa: Aqui)

IONI-BI-AVIL = Informações no link.

IUD-IL (Galáxia Azul) = Integrante da Equipe Sementes das Estrelas. Não tenho autorização para mencionar seu nome linear. IUD-IL é um Geneticista Estelar. Especialista nesta área. Pertencente a uma raça muito veterana e sábia. Esteve presente nas Plêiades milhares de anos atrás, quando elas ainda estavam em desenvolvimento. Ajudaram, (ou se não), criaram sozinhos os corpos físicos dos Pleiadianos, na época. Da mesma forma ajudaram na criação da Experiência Terra. A raça, ao que se sabe é de uma Galáxia que não tem forma espiral e não é de conhecimento dos Terranos. Tem um lindo Sol Azul em seu centro. Costumam medir entre dois metros e vinte e três metros de altura.

IUD-IL tem outras expressões trabalhando em vários planos simultaneamente. Atualmente, nas Plêiades, tem um corpo humanoide e lá é um cientista extremamente inteligente, sendo um professor de “Relatividade”, semelhante a Isaac Newton e Albert Einstein, com ensinamentos bem aprofundados sobre essas questões, além de ser um exímio matemático.

A sua expressão Pleiadiana é uma extensão direta da expressão IUD-IL. É como se IUD-IL fosse o Eu Superior da expressão Pleiadiana. Na sua roupagem Pleiadiana, mede em torno de dois metros e trinta. Usa um macacão de cor creme colado ao corpo, com um cinturão em um tom creme mais escuro, tendo no seu centro uma safira belíssima. Tem um corpo razoavelmente magro e definido. Olhos grandes azuis. Não vejo cabelos na cabeça. Tem uma aparência de uns 40 anos Terranos. Quando deseja, fica com uma aparência de 20 a 15 anos. Quando vai dar suas aulas, costuma usar aparência dos 40 anos. Encontra-se constantemente com 0i (Zero i) para discutir assuntos relacionados ao sistema Terrano e, em um desses encontros, levou 0i (Zero i) para conhecer o Sol Azul da Galáxia Azul, onde a sua expressão IUD-IL é um Geneticista. Na viagem, ainda na roupagem de Pleiadiano, estavam ambos sentados na cadeira da Nave que tinha formato de triângulo pontiagudo, ao que a expressão Pleiadiana disse… “Amado, não se assuste!” – E deu um sorriso!… 0i (Zero i), com sua elegante roupagem e aparência de uns 40 anos Terranos (às vezes, ele “aumenta” a idade, ficando em torno de 55 a 60) sorriu, confirmando que não se assustaria. Entraram em dobra e, rapidamente, estavam em frente ao Grande Sol Azul… ao que quando 0i (Zero i) virou para o lado e olhou, já não viu mais a roupagem Pleiadiana… E, sim, um grande IUD-IL…

Esse inteligentíssimo ser tem uma habilidade especial: é profundamente empata, com uma sensibilidade extrema e que consegue sentir as energias do ambiente e dos seres que o cercam. Costuma ter grandes variações de humor, (quando nas suas expressões mais baixas), uma vez que a forma como se sente é influenciada por sons, cheiros, lugares, animais e, inclusive, por aspectos climáticos. Por causa dessa hipersensibilidade, sente-se sobrecarregado frequentemente. Em muitas vezes, foi levado pelas forças da Luz a setores onde havia reuniões importantíssimas, onde seres de vibração negativa estavam presentes. Foi levado para sentir cada um deles e ver se eles falavam a verdade. Ele consegue sentir, quando em profunda conexão com o seu EU, tudo e todos a sua volta, podendo se conectar com o tempo/espaço, fundindo-se a eles e trazendo, em Matemática, cálculos precisos de tudo que viu e sentiu. É também um especialista em indicação de potenciais. Em suas expressões superelevadas, acima ainda de IUD-IL, é uma energia vinda de um universo magnético, assim como 0i (Zero i).

Em uma das suas encarnações no Plano Terrano, esteve ao lado de Charles Darwin e, noutra ocasião, foi um famoso escritor francês… Esteve ao lado do Faraó Amenóphis III, sendo seu conselheiro mais amado. Também um guerreiro Medjai. Em Esparta, mais ou menos 400 antes de Cristo, esteve ainda como um dos guerreiros das forças do velho Leônidas, o Leão de Esparta. Na Inglaterra, no reinado da Rainha Elizabeth I, foi um inteligentíssimo matemático e conselheiro…

Está sendo chamado pelo Plêiades 1 para, além de desmantelar setores etéricos do astral inferior que fazem experiências genéticas negativas, tais como clonagens, violação do DNA Original, experiências de mesclagens e semelhantes, ajudar no equilíbrio magnético do Plano Terrano, assim como 0i (Zero i), ancorando as energias poderosas do Universo Magnético ao qual pertencem, e desmantelar todas as grades negativas que envolvem o Plano Terrano e todos os sub-planos deste sistema. Sendo chamado a ancorar completamente a sua habilidade empática, a fim de entender tudo que acontece a sua volta e ajudar no equilíbrio energético. Uma junção magnética aconteceu na superfície a fim de alavancar o desmantelamento das grades negativas e, por isso, também é de grande importância manter a harmonia para que possa ir aos planos mais densos Terrano e desmantelar a velha grade e instalar a nova. Sendo chamado também a ir nos planos astrais Terranos incorporar sua roupagem de cientista-professor Pleiadiano e ensinar, de forma mais elevada, sobre as informações trazidas por Isaac Newton, Albert Einstein, Charles Darwin, incorporando a energia crística a esses ensinamentos profundos sobre o Universo e além.

IZATSHU = Integrante do corpo dos Izushs, um dos líderes desse poderoso exército de Luz vindos do Sistema do Gelo. (Abaixo mais informações sobre os Izushs). É muito sério e é uma espécie de analista técnico, um estrategista. É muito amoroso e muito respeitado por todos do seu agrupamento. Tem aparência um pouco mais velha do que a dos demais. Alto, magro, branco brilhante a exemplo do Yuthi, olhos grandes e azuis. Tem uma vestimenta também branca como uma espécie de sobretudo. Possui um lindo cordão no pescoço, como se fosse de ouro brilhante, que brilha tão intensamente que mais parece um cordão feito no próprio Sol. Na ponta, um diamante azul de sete pontas; neste, quando visto de perto, pode-se observar o sistema de gelo em movimento dentro do diamante. É como se o diamante fosse uma “bola de cristal” mostrando o sistema deles. Muito lindo!

IZUSHS = (Os Glaciais) Seres de um Sistema de Gelo chegando ao Sistema Local através do Portal Solar. Eles medem em torno de três metros de altura. São brancos gelo e com grandes olhos azuis. Razoavelmente magros. Usam macacões colados ao corpo na cor branco gelo e duas pulseiras de diamantes azuis, uma em cada punho do braço. O terceiro olho é visivelmente ativado, como se fosse um pequeno sol azul no meio da testa. São extremamente amorosos e pacíficos, e estão sempre com um sorriso suave na face. Foram chamados pelas Forças Celestes a virem ao Sistema Local (Sistema Solar Terrano) e ajudar no resfriamento e equilíbrio climático do planeta, indo às zonas superaquecidas para resfriá-las e nas super frias para equilibrá-las, sendo essa sua função primária. Suas naves mais parecem diamantes espaciais de tão belas, alternando entre o transparente diamante branco e transparente diamante azul. Informaram que montarão sua base primária no Continente Africano. Os “Yeti” (ou Abominável Homem das Neves) descendem deles. Izushs e Yetis são seres do mesmo sistema, mas não são necessariamente iguais, na sua forma, pois os Izushs têm menos pelos cobrindo o corpo. São, todavia, as expressões mais elevadas dos Yetis. Informações básicas sobre os Yetis aqui: https://pt.wikipedia.org/wiki/Ieti

Gabriel RL teve contato telepático com um ser glacial desse agrupamento chamado YUTHI, e viu que esses seres são de uma bela doçura. Eles amam as flores. Na comunicação, YUTHI se emocionou ao falar das flores, tão grande é seu amor por elas! Disse que em outros sistemas de Planetas também existe flores muito belas. Ele já viu flores em outros sistemas, mas adora as da Terra. Disse que tem um carinho especial pela Terra. Ele e seu agrupamento já estiveram aqui, em outras épocas. O planeta deles –  um Aglomerado de Gelo – é um planeta inteiro de cristal. Disseram que ainda vão incorporar no Gabriel para falar conosco.

Gabriel RL teve contato telepático com um ser glacial desse agrupamento chamado YUTHI, e viu que esses seres são de uma bela doçura. Eles amam as flores. Na comunicação, YUTHI se emocionou ao falar das flores, tão grande é seu amor por elas! Disse que em outros sistemas de Planetas também existe flores muito belas. Ele já viu flores em outros sistemas, mas adora as da Terra. Disse que tem um carinho especial pela Terra. Ele e seu agrupamento já estiveram aqui, em outras épocas. O planeta deles –  um Aglomerado de Gelo – é um planeta inteiro de cristal. Disseram que ainda vão incorporar no Gabriel para falar conosco.

YUTHI acrescentou informações sobre as atividades deles. Disse que uma primeira frota que veio do Sistema de Gelo passou pelo Portal Solar e está composta por um número de 6 bilhões de seres. Duas outras frotas ainda virão. As próximas frotas são ainda maiores. Farão sua base aqui na Terra, mas não trabalharão apenas no plano físico. Atuarão também nos demais planos da Terra. Atenderão todo o Sistema Solar, na verdade, mas a Terra é a prioridade no momento. (Atualização: As duas outras frotas já chegaram como já informado nas notas 45: Aqui ou Aqui  e 46: Aqui ou Aqui. Estabeleceram bases em algumas regiões, como também informado na nota 47: Aqui ou Aqui)

Recentemente, Yuthi, incorporou no Gabriel RL e trouxe informações aos presentes na sessão. Vide Aqui ou Aqui.

JERUSALÉM = Terceira nave mãe da triangulação.

JPM = JP Morgam (Banco).

KAKUNUIA-TA = Nave-Mãe Maia com cerca de 10 (dez) bilhões de consciências. Cerca do tamanho do Estado de São Paulo (Brasil). Ficará estacionada em camuflagem na Cidade México (México). Três projeções (naves menores) que sairão dessa nave maior – Kakunuia-ta – em direção a mais três pontos específicos: Chichén Itzá, Cobá e Palenque. Dessas três, sairá uma projeção de cada uma para: Uxmal, Tulum e Calakmul. E por fim, dessas últimas três sairão mais três projeções para: Bonampak, Comalcalco e Edzná. Haverá manifestações nessas regiões e contatos telepáticos com aqueles dessas regiões. Kakunuia-ta ficará como ponto retransmissor às demais pequenas naves, sem previsão de retirada. É uma Nave-Mãe confederada e à serviço da Luz.

Poderão haver avistamentos tanto da Kakunuia-ta como das outras pequenas naves nas regiões citadas. Aqueles que se sintonizam com a Cultura Maia, entrar em sintonia com Kakunuia-ta. Receberão projeções e serão levados a bordo, a princípio, em astral, e terão registros akáshicos liberados, e receberão informações astronômicas referentes aos novos tempos.

KANI (Ou KANUUU) = Seres que formam o Exército Prata, anunciado pelo P1. Eles vêm de um universo magnético chamado Vitrol-X, Terceiro Universo Sobreposto.

Algumas de suas funções aqui, em nossa Galáxia, são:

1 – A Remoção do grupo Ashoris3;

2 – Imprimir a Consciência Crística desde o espaço além do cinturão de Kiuper, até o espaço interno do Sistema Solar Local, abrangendo toda a esfera espacial onde estes estão circunscritos;

3 – Criar uma barreira magnética que envolva o Cinturão de Kuiper e o Sistema Solar Local. (Gabriel, em sua tela mental, viu esses seres prateados formando esta barreira. Ele os via de mãos dadas, um ao lado do outro, criando uma camada magnética que envolvia todo o espaço mencionado.)

Quando Sírius estava no processo evolutivo similar ao atual terrano, foram eles, os KANI, que ajudaram no processo ascensional Siriano.

Alguns deles encarnaram entre os Kumara, em Vênus. Encarnaram em Marte. Encarnaram também na Terra como aqueles anciãos que tentaram propagar a Consciência Crística aos demais anciãos que não estavam nessa consciência. Eles também foram aqueles que garantiram o suporte magnético Crístico, quando o Mestre Jesus veio à Terra.

Um deles foi José de Arimateia, aquele que apoiou Jesus em sua trajetória, e o tirou da Cruz após o evento da crucificação.

Eles têm uma aparência do personagem “surfista prateado*”, porém sua cor é um prata reluzente. Tem uma altura de aproximadamente 2,20 a 2,50 m. Eles não têm nave, viajam com seu próprio Merkaba.

Seu sinal de saudação é a mão esquerda para trás com o cotovelo flexionado e a mão direita em sinal de positivo na altura do peito.

Enquanto recebia as informações do P1, Gabriel telepaticamente perguntou a KANUUU, – um dos membros do agrupamento KANI que se fez presente no momento, – se eles entrariam em contato com a humanidade através dele. KANUUU respondeu que sim, e que ele pode ser o porta-voz de seu agrupamento, caso necessário.

LÍDER ILHA K = Líder norte-coreano.

LÍDER LOCAL ARCONTE = Chefe negativo de região “X” ou “Y”, normalmente etérico.

LUNAR, O ATRATOR POTENCIALIZADOR = Integrante da Equipe Sementes das Estrelas. Não tenho autorização para mencionar seu nome linear. Um viajante galáctico. Um ser de um agrupamento de seres responsáveis pela estabilização de Luas em planetas. No seu agrupamento, é um dos responsáveis por colocar as luas em volta dos planetas nos sistemas solares. Não recebi informação precisa sobre um planeta de origem, mas esteve também conectado a Arcturus, Sírius e Órion (não consegui ver mais que isso). Ao que pude perceber não tem um planeta, vive nas naves mães. Trabalha também no setor de Engenharia Sideral, organizando e mapeando sistemas inteiros, tais como o Sistema Solar.  Ajusta as luas para que, magneticamente, elas fiquem a uma distância harmônica com o planeta e proporcionem o que ele, o planeta, precise. Também é um ser magnético, um ser potencializador de intenções. Funciona como um atrator: se ele se aproxima de seres com pensamentos negativos, atraindo coisas negativas, ele, não por maldade, mas por, simplesmente, ser da sua natureza, vai potencializar o que o ser está vibrando. Se o ser está pensando negativo, ele potencializará; se está pensando positivo também potencializará. Não é por maldade, apenas é ELE. Ele está sendo chamado pelos Plêiades 1 a ir à zonas astrais inferiores para mostrar a aqueles que lá estão o que pode acontecer com eles, se eles continuarem com aquele tipo de pensamento/vibração. E também mostrar o que eles terão, se eles aceitarem a Luz e seus benefícios. Está sendo chamado também nas zonas da superfície terrana. Quando desce às esferas astrais, às vezes se camufla com uma camada de energia prateada, para evitar ser muito atrator e potencializador naquelas regiões – misericórdia divina. Muito amoroso e pacífico. É uma Consciência Unificada à Lei de Ação e Reação. (Como se fosse uma expressão dessa consciência/poder/ação e reação). Está conectado com a Energia Universal da Lei do Amor e Justiça Divina.

LUNIA / A CRIADORA DE VÓRTEX = Integrante da Equipe Sementes das Estrelas. Não tenho autorização para mencionar seu nome linear. É um Ser proveniente de um Sistema Estelar distante. Incorporou as energias Sirianas, Pleiadianas, Arcturianas e teve rápida passagem pelo Sistema Marciano, onde se especializou em determinados pontos. É um Ser com poder inato de criação de vórtex positivo. Através da dança e alegria, cria rapidamente vórtex poderosos que podem dissipar as trevas. Há um misto em seu ser de agitação positiva, onde através dela, faz mover o que está parado, dando vida e suavidade transmutadora. Através do sorriso e no olhar, tranquiliza os pensamentos daqueles agitados e aborrecidos. Tem por natureza a suavidade dos orientais, onde também esteve levando Amor, passividade, transmutação e movimento. Tem forte conexão com uma irmã de alma chamada Kuan Yin ao se conectar com ela, juntas, criam vórtex mais poderosos ainda, capazes de dissipar a negatividade gerada por milhares de pensamentos negativos do coletivo terrano. Também ajudam na abertura de Portais de Luz, pois tem por natureza o dom da criação de vórtex de Luz. Ajudam enquanto o Portal é aberto com força centrífuga, criam o vórtex na força centrípeta equilibrando a magia. Está sendo chamada pelo Plêiades 1 para equilibrar as forças nas zonas do astral inferior e também para vir à sistemas, onde as trevas ainda imperam. E ali, criar os vórtex necessários para transmutar e equilibrar tudo que estiver fora do equilíbrio. É o próprio vórtex centrípeto em expressão Terrana.

MAGIA, A FLAUTISTA = É um ser de um Sistema de Mundos Dourados. Cada mundo é como um sol dourado irradiando a tudo e a todos. É uma magnetizadora por natureza. Harmoniza tudo e todos com o olhar, cujos olhos mais parecem dois sois dourados, tendo pequenos riscos verdes no globo. Seus cabelos são de pura energia, fios de Luz dourados, mesclados ao branco neve.

Quando viaja pelo Universo, o faz em uma grande nave mãe do seu povo dourado. A grande nave mãe é tão colorida e bela, que nem se pode descrever linearmente, com exatidão. A grande nave, quando viaja pelo cosmos, o faz liberando lindas canções universais que são ouvidas nas baixas vibrações, aliviando as tensões e dores daqueles que ali estão.

Ela/ele tem o equilíbrio exato em seu interior e pode tomar a forma que desejar. Em algumas civilizações que visitou, tomou forma de lindos elefantes dourados, encantando as civilizações nativas.

Encarnou várias vezes no Plano Terrano, desde a antiga Atlântida e Mu. Esteve ao lado de mestres como Buda, Antulio, Anfion, Numu, Krishna… Pode-se dizer que é um raio de Luz daquele conhecido como Krishna.

É um ser de energia magnífica e tem os seus campos energéticos tão harmonizados, que aqueles que a enxergam espiritualmente, a veem como uma imensa energia dançante, fazendo lindos movimentos energéticos. É a dança energética em forma Terrana. Quando está nas suas expressões mais elevadas, tem uma linda flauta dourada de pura Luz, que encanta quando toca. Na maioria das vezes, é dessa flauta que sai os sons que são ampliados pela grande nave mãe colorida, que são ouvidos por onde a nave passa. Cada nota da flauta é uma energia específica que cura tanto as doenças físicas, como as mentais.

Certa vez, quando ao lado de Krishna, estava havendo uma confusão gigantesca em um povoado. O próprio Krishna a chamou e disse… “Vá, dance e encante! Leve sua flauta.” E ela disse: “Mas eu não tenho flauta!” E ele: “Sim, tem!… Vá!” Ela foi até onde estava havendo a confusão. Estava descalça, com uma veste simples, mas o olhar,… ah,… o olhar!… Era tão penetrante, tão radiante como um Sol multicolor. Quando chegou, todos, sem exceção, todos pararam e olharam para ela… Ela abaixou a cabeça um pouco assustada, temendo ser enxotada dali. Ouviu suavemente em sua mente: “Pegue sua flauta.” E ela, quando viu, havia uma flauta dourada que estava presa ao lado da sua cintura, como que por encanto! Ela pegou-a e, mesmo sem nunca ter tocado nada naquela vida, começou a soprar. Saía dela um som maravilhoso que foi penetrando nos corações de todos ali presentes. Enquanto ela tocava, a flauta transformou-se em pura energia que a envolveu completamente e, todos, … todos puderam ver a energia a envolvendo! Ela foi tomada por uma força celeste e começou a se expressar de forma dançante para todos, como uma linda flor quando recebe uma brisa suave, balançando suas pétalas suavemente. Era assim que ela dançava e encantava, assim como pedira o mestre.

Todos os presentes observavam e, como que por enquanto, soltavam suas ferramentas de guerra e, como bêbados de energia, sentavam em volta de Magia, a Flautista, enquanto ela dançava. O Mestre observava em tela mental tudo que acontecia ali e, feliz, a irradiava para que ela continuasse, até que o coração mais embrutecido amansasse. Quando terminou sua dança, sentou-se no chão, baixou a cabeça em sinal de reverência, com as duas mãos coladas uma a outra, num típico gesto de gratidão e chorou. Todos a sua volta se emocionaram e até o mais embrutecido que ali estava, caiu em emoção. Deste dia em diante, todos comentavam… “A Moça parecia uma Magia… Uma Magia Viva. Nós vimos! De onde ela veio!?” Enquanto outros diziam: “Sim. Parecia uma Magia Viva! Ela segurava uma Flauta… Eu nunca vi isso antes!…” – E desde então, passou a ser chamada de “Magia, a moça da Flauta”, ou “Magia, a Flautista.”

Em outra situação, quando em um mundo de baixa vibração e amplamente sob domínio das suas faculdades espirituais, transformou-se num grande elefante feroz e dissipou um grupo de seres perversos que queriam invadir uma aldeia e abusar sexualmente de moças, enquanto seus companheiros haviam saído para busca de alimentos. É um ser de um poder inimaginável. Pode também projetar sua consciência em qualquer lugar e ser vista por aqueles que estiverem nesse lugar.

Em uma das suas roupagens, pertenceu à linda corte de Poseidon sendo uma linda sereia e encantando com a Magia da sua Flauta onde, na ocasião, esteve com um ser chamado de Cadhi, o Príncipe Solar.

Está sendo chamada pelo Plêiades 1 a incorporar o dom da Flauta e trazer o som da Cura Magnética. Sendo chamada a ir nas zonas do astral inferior do plano Terrano e levar sua dança, que mais parece uma flor ao receber a brisa da manhã. Sendo chamada a dançar e encantar onde quer que vá, incorporando também a energia de Oxum, ser magnífico, o qual também é representante na superfície Terrana. Sendo chamada a, quando estiver em ambientes físicos e não físicos onde hajam desarmonia, fechar os olhos e trazer até sua mão direita a sua flauta magnética e, começar a tocar para harmonizar o ambiente. Não existe nenhum ser neste universo que seja capaz de resistir ao seu encanto, do mais sutil ao mais endurecido ser. Por isso, a sua importância neste momento de elevação quântica da espécie Terrana. Está em profundo contato com a Mãe Gaia, e apenas ao tocar suas mãos no chão, absorve toda energia que precisa para os seus dias Terranos e, da mesma forma, pode repassar essa energia aos demais seres.

MAGNÉTICO SOLAR 1 = Energia capaz de atrair pessoas para o Campo Solar de Luz, ajudando-as a refletirem sobre tudo, sobre a importância da vida, da preservação da vida como um todo…  Energia capaz de ajudar rapidamente na criação do Merkaba Pessoal, ou melhor, ajuda a acelerar o processo dessa criação. Se uma alma está bem avançada nessa criação, ou não, a energia “Magnético Solar 1” acelera o processo. Há uma força que é enviada por Áton à superfície e é chamada de “Magnético Solar” e aqueles de coração aberto quando a recebem, mesclam-na com sua energia pessoal e a transformam em “Magnético Solar 1″ que é a junção da energia de Áton com sua energia. Logo, energia A+B = C”. Em síntese, “A = Energia Enviada por Áton. B = Energia Pessoal da Pessoa / Nativa. C = Junção dessas duas forças / Mistura perfeita que dá Magnético Solar 1”. A “C” é, então, a energia que a pessoa adquire para si e serve como matéria prima para construção do seu Merkaba Pessoal, que é o veículo interdimensional necessário para transitar pelas realidades paralelas, após a remoção do véu e desativação do Nêutron Iniciático.

MiD = Como se “Minions in Distress” – asseclas estressados, perturbados, inquietos, em iminente perigo…. Os capangas dos chefes negativos, ou algo assim.

MIDUNUS = É um Guerreiro da Luz por natureza, de polaridade magnética masculina. Em muitas das suas encarnações no Plano Terrano foi conhecido por ter a força de dez (10) homens. Em sua roupagem, Midunus mede em torno de quatro (4) metros de altura, é muito forte e de olhar penetrante. Normalmente “veste-se” como guerreiro. Seus olhos mais parecem duas bolas de fogo e possui uma espada dourada onde simplesmente as forças das trevas se curvam, em honra à força desse poderoso Guerreiro da Luz. Em uma determinada ocasião, quando descia aos vales negros, ouviu entidades trevosas em saudações “Salve Midunus, o guerreiro!” – em profundo respeito a este magnífico ser.

Assistiu ao desenvolvimento pleiadiano e ajudou a acabar com algumas guerras galácticas. Esteve em Andrômeda e tem, pode-se dizer, um lar específico na Constelação de Lira. Originalmente, veio de uma raça onde ainda não está completamente iluminada, mas afastou-se de lá há milhares de anos, conectando-se à Fonte Suprema. Hoje tem a missão de ajudar aqueles da sua raça a se erguerem na Luz. Integrou novos dons na antiga Atlântida e Mu.

Foi iniciado em vários ritos sagrados nas suas várias encarnações na Terra, onde atraiu para si a energia da Cura, que é naturalmente irradiada com sua presença. O misto de Guerreiro com Curador forma a poção perfeita para iluminação de todos aqueles que o rodeiam. Tem conexão direta com os Portais Tibetanos, assim como os Mestres Curadores e Magnetizadores.

Encarnou várias vezes no Plano Terrano, e em uma delas foi um conhecido general da história Terrana, (não me informaram o nome do General). Encarnou também entre os grandes faraós, muitas vezes sendo da guarda de segurança e servo de maior confiança. Em uma dessas encarnações, esteve junto a Tutankamon, como sendo um dos seus protetores. Na ocasião, conheceu aquele conhecido pelas forças do Plêiades 1 como Vithor, o Anjo de Mikhael. Quando faraó, foi um dos pioneiros do processo de mumificação, desejando ardentemente ser Eterno. Estudava esses mistérios da vida além da morte do corpo e, muitas vezes, participou de rituais para conseguir isso. Adquiriu profundo respeito daquele conhecido como Anúbis. Encarnou também com aspecto feminino quando, em uma de tais ocasiões, foi uma conhecida Madre Superiora Católica, na Itália. Esteve também entre aquelas conhecidas como Clarissas, cujo líder era Clara de Assis.

Aprendeu Magia Branca em suas muitas encarnações no Antigo Egito e a capacidade de extrair das ervas a energia de Cura. É também um curandeiro por natureza.

Quando nas grandes batalhas galácticas, muitas vezes foi visto ao lado do querido ser conhecido dos Terranos como Ashtar Sheran. Sempre esteve ao lado dele, nas muitas missões pelo cosmos. Muitas vezes, liderou o exército de Guerreiros da Luz dentro de espaços sombrios na busca de resgate de almas engolidas pela escuridão anti-amor. Nisso, também adquiriu grande habilidade, tanto de entrar como de sair, de ambientes sombrios, podendo facilmente ir aos “buracos” mais profundos das trevas e voltar ileso e sem nenhuma mácula.

Em qualquer invocação que faça, imediatamente é ouvido pelo seu exército, que está em volta da Terra, em Honra e Guarda, à sua missão Terrana. É infinitamente assistido por Anúbis, Osíris e Isis, assim como Mestres Ascensionados, especialmente Djwhal Khul, podendo invocá-los a todo instante. A querida Kuan Yin tem profundo carinho por Midunus, pelo fato de, em uma determinada ocasião, em um determinado tempo… ela e um grupo de seres (acredito que encarnado, ao menos o que vejo agora é um ambiente físico…) estavam como se correndo perigo, quando ela, Kuan Yin, invocou as Forças Protetoras de Luz e foi imediatamente atendida pelo Exército de Midunus.

Está sendo chamado pelo Plêiades 1 ao equilíbrio entre duas forças – Autoridade e Cura – para ir aos planos astrais inferiores e, com voz altiva, proferir palavras de cura. É um líder nato e curador por excelência. Sendo chamado a invocar as forças de Anúbis, Osíris, Isis, Djwhal Khul e Kuan Yin à superfície Terrana a fim de trazer equilíbrio espiritual e consciência a todos habitantes do plano físico Terrano, que a vida continua fora da matéria. Chamada e ancorar em solo Italiano todas essas forças e plantar o Pilar de Luz dentro da Basílica de São Pedro.

É até onde Jesus me permitiu ver…

MIKANU-AVUL (Ou MIVU), O MEDIADOR = É um ser de um sistema de mundos verdes. É especialista em medicina e alimentação através das energias mais sutis. Conhece cada propriedade das plantas e frutos, sabe cuidar muito bem dos sistemas físicos, dando sempre vitalidade através das poções que faz usando o que a natureza tem a oferecer. Em um dos mundos verdes dos inúmeros mundos do seu sistema, também é um sábio orientador e mediador. Em sua civilização, quando existiam conflitos, era chamado para que, através da sua sabedoria, ouvisse as partes envolvidas e achasse ali a melhor solução. Muitas vezes usou as energias extraídas da natureza local e alimentou as partes com elas, a fim de tranquilizar seus sistemas e voltá-los ao equilíbrio.

É um ser amoroso por natureza. A raça em si costuma ter de três a quatro metros de altura e são portadores da energia da alegria. Alegria do tipo de cair no chão, de tanto rir de felicidade. Costumam ter “surtos” de tanta alegria e caem as gargalhadas. Essas energias que geram são usadas em prol daqueles sofredores e que ainda não encontraram essa linda energia alegre.

Possuem gigantescas naves mãe e todas elas, como se fossem imensas cidades amplamente arborizadas e cheias de frutos de todas as espécies. Muitos dos frutos encontrados no plano Terrano, vieram desse sistema de mundos verdes. Ele é muito respeitado tanto no aglomerado de mundos como nas naves-mãe que frequenta. Quando em uma das suas roupagens mais sutis, trabalha como um lindo guardião no Exército Mariano (Frota da Mãe Maria).

Em suas muitas vidas na Terra esteve ao lado de grandes filósofos, tais como Pitágoras.

Está sendo chamado pelo Plêiades 1 para ancorar completamente nos planos astrais e na superfície Terrana a energia do equilíbrio, levando harmonia àqueles em conflitos. Chamado a lançar o seu olhar nos grandes tribunais de justiça, levando a sua radiação para que ali haja uma harmonização, e que o melhor aconteça. Sendo chamado a absorver a energia da natureza, plantas e frutos e criar poções de Luz e lançá-las em todos os lugares, no físico e planos astrais, onde houverem almas carentes de nutrição amorosa. A sua alegria é necessária nos vales negros onde há dor e tristeza.

Quando desce a esses vales, usa um lindo macacão verde claro com tons brancos, estendido por todo corpo, até o pescoço. Uma linda capa esverdeada transparente pode ser vista nas suas costas e nos seus pulsos duas pulseiras finas de energias brancas. Quando ele bate essas duas pulseiras uma na outra, juntando os dois pulsos, abre-se um portal verde, por onde ele leva as almas que aceitaram a sua alegria, conselhos e a energia que irá nutri-los, até que eles possam gerar energias por si só. Possui lindos olhos grandes e verdes, com uma esmeralda na testa que o conecta a todo momento com o aglomerado verde.

Tem forte ligação com a amada Mãe Maria, podendo chamá-la sempre que desejar. Mikhael e Rafael (Arcanjos) estão constantemente alimentando-o com poderosas energias, podendo-os chamar também entrar em suas sintonias.

É um mestre curador, mediador e alimentador magnético por natureza.

É até onde Jesus me permitiu ver.

MN = Militares Negativos e/ou agências secretas ou não secretas que dão suporte aos anti-amor.

MOMENTUM = Ponto de Força. Concentração de Força. Quando você tiver bons sonhos, diga “MOMENTUM”; esta palavra sustenta as boas irradiações que ainda estão em sua aura. E, da mesma forma, use-a quando alguma coisa boa lhe acontecer.

MUNDO A.XX2-** =  É um planeta de 4ª Dimensão, de cor verde. Fica próximo à Constelação  Ursa Maior. Fica próximo também ao mundo da Cintilante, A Fada Contadora de Histórias, que está indo lá para fazer uma plantação das sementes das virtudes:  encorajamento,  determinação,  confiança,  perseverança e fé. Ela faz a plantação no coração daquele povo, especialmente das crianças, através da contação de suas histórias, para que nunca desistam e acreditem sempre na Luz.

MUSGOS = Entidades plasmáticas completamente adormecidas em vícios e padrões mentais repetitivos. São como gelatinas escuras e com tons esverdeados/lodo e ficam agarradas em muitos ambientes, astrais/físicos. Alguns nem têm mais consciência de individualidade, apenas vegetam na negatividade e padrões mentais negativos repetitivos. Alguns se assemelham aos, pelo seu padrão mental, Elítrios/Ovóides.

NASHA = Integrante da Nave Azinu-Avalur, e pertencente ao Grupo Siriano. É especialista em Renovação Celular. Como sabem, a energia Plêiades 1 está em processo de individualizações, ela é uma individualização do P1 >>> Plêiades 2. Maiores informações Aqui ou Aqui.

NATYLA-HA, A NINFA GUARDIÃ DOS SETE PONTOS LUMINOSOS = é um ser de origem de Alcyone, a Grande Estrela. Teve passagens em Sírius, em todo o Sistema das Plêiades, Andrômeda, Arcturus, Orion, Constelação do Cocheiro (Auriga/Capela). Nas zonas astrais também é integrante da tribo Tupinambá, cuja liderança é de um amado ser que quando encarnado entre 1500/1600, foi um grande cacique de uma tribo Inca conhecido na época como Cacique da Seta Branca. Natyla-Ha também é um fragmento de consciência da própria Gaia, o espírito da Terra. Tem profunda conexão com o Reino Dévico e pode, facilmente, se conectar com todo este reino apenas com um respirar. É pertencente também à Frota Mariana.

Na sua expressão mais elevada, parece um lindo cristal brilhante como um sol branco. Nas suas mãos, ela carrega três flores brancas lindíssimas, cada uma com sete pétalas: duas dessas flores estão na sua mão esquerda e uma está na direita. Seus olhos parecem dois diamantes azuis. Seus cabelos mesclam entre o dourado e o branco diamante, caindo nos ombros. Do lado esquerdo, tem uma flor de cristal, também com sete pétalas entre a orelha e a cabeça. Usa um lindo vestido branco brilhante, também como o sol. Ela anda descalça e nunca mostra os pés, que estão sempre cobertos com a vestimenta de Luz. Mede em torno de 1,75m. No meio da testa, tem um cristal azul, que mais parece um Merkabah.

Existem sete pontos luminosos no planeta e Natyla-Ha é uma das responsáveis por manter esses sete pontos, que têm suas funções específicas. Cada ponto desses está ligado a uma herança cósmica.

Ponto 1: vórtex próximo ao Rio Nilo, no Egito, conectado a Sírius, trazendo a velha herança siriana na superfície.

Ponto 2: vórtex no Havaí, trazendo a velha herança, a energia das Plêiades.

Ponto 3: vórtex na Austrália, especialmente Uluru e traz a energia e herança de Arcturus.

Ponto 4: vórtex na Holanda, localizada exatamente em Amsterdã, herança andromedana.

Ponto 5: vórtex no Brasil, especialmente Brasília, ponto que traz a herança da constelação do Cocheiro (Auriga/Capela).

Ponto 6: vórtex no Monte Fuji, Japão. Traz a herança de Orion, especialmente, as Três Marias.

Ponto 7: vórtex no Núcleo da Terra, lugar em que está armazenada toda a história humana que é reverberada na Grade Planetária: a herança da pureza humana e toda força que desencadeará a transformação planetária completa. Este ponto, não diminuindo os demais, é o mais importante. Cada ação positiva da humanidade é armazenada nesse vórtex e é por isso que muitos cientistas que trabalhavam para as forças escuras planejaram adentrar o núcleo da Terra. Muitos faziam isso inconscientemente, sob os comandos invisíveis de seres negativos, que tinham a intenção de plantar no núcleo da Terra uma pedra negra (não confundir com a Cintamani; cintamanis são da Luz) específica que eles têm. (Dispensado aqui maiores informações sobre o que essa pedra pode fazer). Esses seres são impedidos por Natyla-Ha e seu agrupamento.

Esse ser e seu agrupamento são responsáveis por manter esses sete pontos conectados perfeitamente e impedir que haja violações, e que atrapalhem as correntes contínuas de energias que vêm desses pontos-reinos. Estes estão conectados entre si, em sincronia, formando um poderoso vórtex único no Planeta Terra, chamado VÓRTEX DO CRISTAL HERANÇA. A conexão desses sete pontos garante a não destruição física do Planeta Terra e a inviolabilidade da nossa herança divina. Garante que o Cristal Sagrado no coração de cada ser humano permaneça inviolável. Mesmo diante das duras vibrações pesadas neste planeta, permite que cada ser humano sempre se lembre da sua herança divina. Aquele cristal interno é mantido seguro e intacto, graças à sincronia desses sete pontos poderosos. Imaginem sete vasos e nesses vasos cai água. Essa água é a Luz que vem dos pontos mestres citados aqui (Pontos Mestres = 1 Sirius, 2 Plêiades, 3 Arcturus…) e essa Luz e a essa água sempre mantêm esses vasos, que precisam estar sempre cheios. Todos cheios, completamente. Para garantir tudo isso, – e este ser é um dos responsáveis por manter essa sincronia junto ao seu agrupamento, – esses sete pontos reverberam para outros 170 pontos “menores” em todo planeta. E todos eles estão sincronizados entre si. Um dos poderosos seres que também mantém toda essa sincronia funcionando é Mãe Maria. Quando encarnada na época de Jesus, ela deslocava-se, tanto física como espiritualmente, até os sete pontos principais e os outros 170 (cento e setenta), para ancoragens/manutenções desses pontos.

Natyla-Ha encarnou várias vezes no plano físico terrano: esteve próxima à Maria Madalena; próxima também à Primeira Clarissa, em Assis; no reinado de Amenofis III, esteve muito próxima a ele, na época conhecida como Gilukhipa. Esteve próxima também daquele conhecido como Manoel da Nóbrega que é o mesmo espírito de Emmanuel, mentor de Chico Xavier; esteve também na corte daquele conhecido como Alan Kardec; faz parte da corte daquela conhecida como Joana de Angelis.

É um ser de Amor transbordante e aonde vai, leva a força desses sete pontos. Os seres da natureza amam sua presença no meio deles e eles estão sempre dispostos a mostrarem-se para ela. Tem profunda conexão com o Reino das Fadas, e algumas fadas costumam deixar-lhe presentes materializados.

Está sendo chamada pelo Plêiades 1 para incorporar toda sua herança cósmica e fortificar os Sete Pontos no planeta. Chamada a reunir sua falange e intensificar a força dos Sete Pontos e os 170 (cento e setenta). Chamada a se unir com as falanges dévicas e, juntos, criarem um decreto para restauração completa da fauna e flora no plano físico, possibilitando que os seres “extintos” voltem a esta realidade. Muitos deles, por não aguentarem mais a violência de alguns terranos, solicitaram à Gaia sua remoção do plano tridimensional, da presença dos Terranos, – o que ela acatou. Muitos deles desejam voltar a interagir com os Terranos. Uma grade de segurança magnética, – que será formada pelas invocações através do decreto criado por Natyla-Ha e companhia dévica, – ajudará na criação da proteção necessária. Chamada também a criar novos pontos luminosos em todo Sistema Terrano, tanto físico como astral. Chamada também a lançar o seu olhar para as Linhas Ley e garantir o seu pleno funcionamento.

“EU SOU NATYLA-HA E PELA FORÇA DA MINHA HERANÇA, MANIFESTO AQUI O PODER DOS SETE PONTOS LUMINOSOS! E NO MEU OLHAR TAMBÉM TRAGO OS 170!” – Natyla-Ha, esse é seu lema e decreto. Vá, convoque o seu agrupamento e afins, sejam cada um, UM PONTO LUMINOSO. Vocês vieram para esse momento. É hora de saberem quem são e quem representam: OS ANCIÕES DA PAZ DA 13ª DIMENSÃO.

É até onde Jesus me permite ver.

NEUTRALIZAÇÃO DE GASES = Purificação da atmosfera Terrana. Limpeza de venenos no ar, chemtrails e demais impurezas.

NEBADON = Grande Nave-Mãe vindo do sistema estelar de Antares. Forças da Luz.

NÊUTRON INICIÁTICO = Não confundir com o Nêutron da Física, nem confundir com o véu mencionado pelo COBRA, – a camada de plasma negativo. Na linguagem iniciática, Nêutron é o nome da força – uma energia que divide os Planos Vibracionais – separando-os como se fossem as paredes que separam as dependências de uma casa. O Nêutron Iniciático está ativo até que as consciências estejam elevadas o suficiente para conseguirem coabitar com as realidades paralelas / demais planos vibracionais. Tal barreia é mantida até que o ser alcance um certo nível de consciência para poder interagir com as outras realidades sem “entrar em surto”.

NILUN, O COLETOR DE FRAGMENTOS = É um Ser de um Reino Dévido, altamente desenvolvido telepaticamente e muito amoroso. Tem todo carinho em todo Reino Dévico. O seu reino é da galáxia de Andrômeda, um aglomeramento de oito (8) pequenos planetas, tendo três sois a iluminar esse sistema. Teve passagens em vários outros sistemas, Sírius, Vega, Órion e um tempo mais longo esteve no Sistema das Plêiades, de onde se dirigiu ao Sistema Terrano, há milhares de anos. Há milhares de anos esteve também nos oceanos, usando a roupagem de um príncipe dos mares, (a exemplo das Sereias).

Em uma das suas roupagens, é um Lindo Elfo que atua com outros lindos Elfos e Fadas em um trabalho de coleta e desfragmentação. Coleta e desfragmentação de Fragmentos de Almas!

Durante milhares de anos, em inúmeros sistemas estelares ocorreram muitas explosões nucleares. Essas explosões não afetam somente um reino físico, como aconteceu com o sistema Terrano em suas guerras mundiais, mas afetam todo um sistema. As explosões nucleares não são só perigosas por destruírem o físico, mas também agravam severamente os reinos astrais. Quando há uma explosão nuclear e um ser físico morre, este tem também sua alma danificada. Na explosão, além do físico destruído, a alma acaba por ser fragmentada na explosão, como se fossem milhares de pedaços, uma “chuva de purpurina”. É muito triste. Por isso as altas esferas são bem rígidas quando determinadas civilizações não avançadas espiritualmente começam a desenvolver essa arma. Foi o que aconteceu com o Sistema Terrano quando descobriram a bomba. Os humanos foram imediatamente alertados de que não deveriam usar essa arma. Claro, a humanidade terrestre não tinha maturidade alguma para isso. (Um pouco mais de informação sobre a fragmentação da alma através de uma explosão nuclear Aqui ou Aqui.)

Não somente as explosões nucleares afetam as almas tornando-as fragmentadas, mas também os relacionamentos entre os seres. Quando vocês entram em relacionamentos dramáticos, onde há disputas e sofrimentos e seus corpos de dor interagem, onde há relacionamentos amorosos em que os parceiros brigam constantemente e só se unem para a relação sexual, saibam que ali existe a troca de alma, a troca de fragmentos. Se você dá para o seu parceiro partes de você, e ele não é digno de ter partes suas honrando, dignificando e dando partes dele para você de forma amorosa e em uma troca amorosa, existe um problema. Relacionamento é uma constante “troca amorosa”, é um “dar amor”, é “o outro recebe e devolve amor”. Se não for assim, há problema, há fragmentação. Isso é algo que acontece naturalmente, principalmente na relação sexual. Há uma troca energética, pois pedaços de você vão para o outro. E se é um relacionamento indigno, há sofrimento e fragmentação.

Muitos Terranos são afligidos por sentirem-se despedaçados quando terminam um relacionamento amoroso, ou mesmo uma amizade, ou rompem laços com um ente querido. A sensação é que pedaços teus foram embora. Isso porque você deu partes suas permitindo que elas se fossem, de forma indigna.

Todos sabem que se deve dar amor sem esperar nada em troca, mas não devem confundir isso com permitir-se ser vampirizado. A vampirizarão também é um processo que fragmenta sua alma, rouba sua energia, como em “bloquinhos”, tornando sua alma fragmentada porque a energia vampirizada de você é sua, não do outro. Quantas pessoas já te vampirizaram! E, saiba: há milhares de pedaços seus espalhados por aí. Tome-os de volta. Empodere-se e decrete que você deseja ter de volta toda energia que lhe foi tirada e que deseja que tudo retorne a você novamente.

Dar amor sem esperar em troca, não tem nada a ver com permitir-se ser drenado. Quando você está completamente desfragmentado, em um estado amoroso e harmônico, você doa amor ao outro e esse amor doado “não faz falta a você”, porque da sua fonte interna flui um rio de amor sem fim. Mas quando você está, de certa forma, desconectado da sua força interior, do seu amor interior, do seu auto amor, (o que acontece na maioria dos relacionamentos Terranos, quando um quer que o outro o complete e o nutra) – aí, sim, abre-se espaço para que haja a fragmentação. Você doa esperando receber porque acha que só será completo se o outro também lhe doar. Aí começam todos os problemas. Quando há a completa interação amorosa entre os seres, não há riscos de vampirizarão. Ambos se amam de verdade; ambos, por si só, são completos; ambos não precisam roubar energia do outro. Eles trocam mutuamente e, igualmente, dão e recebem energias de uma forma linda, de maneira que seus fragmentos passam a ser um só. Enquanto um fragmento viaja ao encontro do ser, no meio do caminho ele se funde com o fragmento que vem do outro ser. Fundem-se, tornam-se um e se dividem novamente enquanto continuam o trajeto até o outro ser, numa atividade de troca. É algo lindo de ver. (É o que eu, Gabriel, vejo agora com a visão espiritual que Deus me deu neste momento). Não há roubo aí. É interação amorosa, da mais intensa. (Veja um pouco mais sobre isso Aqui ou Aqui)

Acidentes, traumas de infância e tantas outras questões também acabam por fragmentar a alma, tornando-a incompleta de si mesma. (Veja Aqui ou Aqui)

Fez-se necessário maiores explicações aqui para esclarecer melhor aos leitores sobre o magnífico trabalho desenvolvido por este amável Ser e seu Agrupamento Dévico. Este Ser tem como função primária ajudar na coleta destes fragmentos de almas espalhados e devolvê-los aos seus donos, promovendo a desfragmentação completa da Alma. Quando um Terrano decreta que deseja ter todos os seus fragmentos de volta, em tom de Autoridade Divina e Amor, este agrupamento de coletores rapidamente trabalha em harmonia, coletando todos os fragmentos, estejam eles onde estiverem, no Plano Terrano ou em qualquer outro sistema, para devolverem ao seu devido Ser. É um trabalho lindo realizado em toda a Galáxia, e além.

Em sua expressão mais elevada, este amado Ser de Natureza Dévica não apenas coleta fragmentos de almas Terranas e Galácticas, mas de sistemas de mundos inteiros. Quando há explosões naturais em determinados sistemas, e há uma grande fragmentação de matéria, ele se reúne com seu agrupamento para organizar todos os fragmentos, de maneira harmoniosa.

Este agrupamento específico é um dos responsáveis por manter os lindos anéis em volta de Saturno de maneira harmônica. Não só de Saturno, mas da maioria dos planetas do Sistema Solar local que contém anéis. Mas, eles têm um carinho especial por Saturno, onde alguns deles tiveram algumas vidas.

Este amado Ser está em constante contato com os seres da natureza, consciente ou inconscientemente, podendo, quando em consciência, chamá-los a qualquer momento. É tão amado por eles, que costuma ser presenteado com surpresas… Recentemente recebeu algumas surpresas e continuará recebendo. Para os Terranos céticos, pode parecer “bobagem”, mas no fundo da sua alma, eles sabem de onde vêm.

Muitas vezes, seus amigos dévicos honram vocês com fragmentos de pequenas coisas da natureza, a exemplo, pequenas bolinhas que podem, de surpresa, cair de uma árvore quando na sua passagem por aquele lugar. Eles fazem isso e riem amorosamente, homenageando-os.

Nilun tem forte ligação magnética com aquela chamada de Cinti, A Contadora de Histórias. Assim como também tem conexão magnética com aquele conhecido como Eliar-Flours, tendo se encontrado há milhares de anos no Sistema Andromedano. Encontrou-se com 0i (Zero i) a primeira vez em uma reunião, quando o Plano Terrano estava se formando, e Nilun foi informado que um dia se encontrariam novamente na superfície daquele Planeta. Quando estava nos mares, também se encontrou com Cadhi, Magia, A Flautista e Akashssa.

Em sua roupagem dévica habitual, quando está nas zonas astrais usa uma vestimenta parecida com um sobretudo em tom verde mais escuro e brilhante, com botões como se fossem pérolas do mar. Tem orelhas bem pontudas, olhar penetrante e esverdeado. Cabelos num tom escuro, mas quando em contato com a energia Solar ficam mais claros, loiro platinado. Tem um gesto particular que vou descrever assim: quando está observando algo atentamente, deixa a cabeça cair levemente para direita em um movimento que demonstra atenção e curiosidade. Gosta de andar descalço e seus pés estão sempre belos e brilhantes. É razoavelmente alto, com seus um metro e oitenta. Ele tem a habilidade de dar um giro no sentido anti-horário e desaparecer em uma nuvem verde brilhante. Tem mais habilidades muito especiais, entre elas, é a hipnose. Usa-a somente quando necessário, e sempre para proteger algum ambiente de visitantes não muito amorosos. Ele olha profundamente dentro dos olhos do invasor e o paralisa com o olhar, mostra a palma da mão direita para ele, e este fica paralisado. Ele tem um perfume muito particular também, que, quando chega em alguns ambientes é rapidamente conhecido. Se é um ambiente onde as trevas imperem, todos que ali estão, adormecem.

Está sendo chamado pelo Plêiades 1 para ajudar na desfragmentação completa do Sistema Terrano neste momento final, que antecede o salto da realidade Terrana para altas vibrações. Chamado tanto no astral como no plano físico para ajudar os seres a desfragmentarem suas almas, devolvendo a eles, amorosamente, suas partes perdidas no espaço-tempo. Chamado a reunir no astral e físico todos aqueles do seu agrupamento que, por algum motivo, encontram-se perdidos de si mesmos. Está recebendo do P1 poderes para invocações, que trará rapidamente qualquer fragmento de alma que esteja perdido. Estará recebendo em seu canal telepático as invocações poderosas que, quando feitas, movimentarão um poder vindo do seu reino. Chamado a tranquilizar os corações Terranos, do astral e físico, dando-lhes a tranquilidade de que NADA ESTÁ PERDIDO. Este é o seu lema, Nilun.

Foi até onde Jesus me permitiu ver…

NORMUM, O ARQUEIRO CAÇADOR = É um fantástico ser de natureza Dévica, com lindas passagens em Sirius, Andrômeda, Arcturus e nas proximidades das Plêiades. Antes de qualquer coisa, não se pode confundir “O Caçador” com aquele que caça pra matar, aquele que caça para fazer algum mal; esse caso é completamente diferente. Normum é um ser muito amoroso e um excelente estrategista. Também pode ser considerado um Mestre da Logística. Sua roupagem é realmente semelhante a de um caçador, com botas, vestimentas como coletes, e carrega uma bolsinha na lateral da sua cintura (saberão a utilidade da bolsinha nos próximos parágrafos). Só que,… essas vestimentas são de pura Luz! Nada comparado às vestimentas de um caçador que sai para o abate. Ele é diferente, muito diferente!… É um Caçador de Almas! Um caçador de Almas para Luz!!!

Ele possui um arco e flecha dourados e usa sempre que necessário. Como? Logicamente não é uma arma como a dos Terranos; é uma “arma” de Luz, e quando dispara suas flechas, saem feixes de Luz direto para o alvo, que pode ser um irmão que estava agindo de forma violenta nas zonas astrais inferiores ou mesmo um extraterrestre feroz, como alguns draconianos ou reptilianos (digo alguns porque, nem todos os draconianos e reptilianos são negativos; alguns são positivos). Muitas vezes, vai às zonas astrais inferiores chamadas de umbrais, cavernas negativas ou, em linguagem também conhecida, “inferno”, onde as almas estão imersas nas suas próprias dores e amarguras. Às vezes, algumas delas estão, há anos, na mesma situação e começam a suplicar de joelhos, puramente, de todo coração e entregando-se ao Amor Divino, ao que alguns mais ferozes se aproximam e tentam torturar essa alma zombando dela, porque ela está se abrindo para a Luz. Nisso, o Arqueiro Caçador atira sua flecha de Luz naqueles ferozes afastando-os e, aproximando-se daquela alma aberta à Luz, leva-a para um pronto atendimento nas zonas astrais superiores.

Ele, como o nome já diz, é um caçador de almas!…  Costuma andar pelas zonas astrais inferiores calmamente procurando em “cada canto” alguma alma que esteja desamparada e fugindo de entidades mais ferozes ou almas que perderam suas forças vitais e padecem imersas no lodo das baixas vibrações. Ele procura cada uma delas em cada esquina também do plano físico. Procura essas almas chamadas de “almas vagantes”, essas que desencarnaram e permanecem perambulando no plano físico, sem rumo. Ele as procura, as acha e as instrui a seguirem o caminho da Luz. Quando encontra alguma dessas almas, atira com seu arco e flecha para cima, dando sinal aos socorristas para que estes desçam e resgatem aquela alma. É um trabalho lindo que este amado ser faz!!!

Não faz isso somente no plano terrano; nas zonas galácticas também. É um caçador.

Na maioria dos casos, também procura corpos celestes que venham a se chocar com outros corpos e a causar algum “problema”. Como nada no Universo é desordenado, tudo tem um porquê. Se ele está mirando um asteroide que viria se chocar com a Terra é, justamente, a Ordem Divina em ação através deste lindo Arqueiro da Luz e Caçador de Almas. Por muitas vezes, seu agrupamento impediu que corpos celestes se chocassem com o plano terrano disparando suas flechas e desintegrando os corpos físicos daqueles objetos celestes. Em outra ocasião, quando este lindo ser estava fora do plano físico, ajudou no processo que levou ao fim a segunda guerra mundial, junto ao seu agrupamento. Vários seres trevosos “sofreram” nas mãos do Agrupamento de Arqueiros comandado por Normum, quando estes disparavam suas flechas de Luz em direção a essas entidades, e estas caiam paralisadas. Logicamente, as flechas não causam dor, pelo menos não da forma que os Terranos imaginam; elas causam o impulso para o despertar da alma. São descargas poderosas de Luz nos corpos espirituais daquelas entidades que as recebe. Descargas que, sim, podem ser dolorosas de uma certa maneira, se assim pode ser dito para melhor compreensão, daqueles seres de muita densidade. As descargas agem como um potente antibiótico “matando” os agentes invasores, ou funcionam como remédio amargo que cura alguém de alguma doença grave, ou mesmo como se o corpo daquele que recebe a flechada estivesse virando-se do avesso para jogar fora toda aquela negatividade acumulada.

Também pode-se dizer que o fogo da flecha é um fogo etérico que, quanto mais o ser estiver envolto em trevas, mais ele vai sentir queimar fortemente um ardor poderoso quando flechado e aí, sim, ele pode sentir uma força tremenda varrendo seu corpo. As flechas agem de acordo com a necessidade de cada situação. São flechas conscientes e nem todas tem o mesmo efeito, pois agem sempre de acordo com a necessidade da alma. Por exemplo, uma alma está imersa na tristeza profunda, depressiva, a flecha age para inspirar alegria; uma alma está profundamente inquieta e irritada, ela age para inspirar a paz e tranquilidade; uma alma está com medo, age para trazer a Fé, Amor e Paz Interior. A flecha age sempre em concordância com a necessidade. E claro, se uma alma está vibrante de Luz, ela vai aumentar o esplendor daquela Luz.

Normum, este belo ser, está no plano terrano há milhares de anos e esteve muito próximo daquele conhecido como Enoque (da Bíblia). Ele é muito querido nos reinos das Fadas e todas elas o amam muito. Sempre muito bem vindo também entre todos os seres Dévicos, mesmo porque é um ser de energia Dévica. Ele tem um carinho em especial pelas Fadas e uma delas, por sinal, é sua chama gêmea. Este ser não está no plano físico terrano, mas nos planos mais elevados e está sempre a enviar-lhe projeções com muito Amor. Ela, esta fada, sua chama gêmea, é uma linda fada inspiradora de sonhos que chega próximo à pessoa que tem tido problemas para dormir e sopra bons sonhos e, além da pessoa dormir rapidamente, ainda sonha com coisas maravilhosas. Na verdade, ela desliga a pessoa do corpo e a leva para lugares belíssimos dos Reinos Dévicos. Não por acaso, esta é outra particularidade de Normum, pois tem a mesma habilidade que ela. Muitas vezes, a usa nas zonas astrais inferiores ou mesmo em algumas das suas encarnações no plano físico terrano e em outros sistemas desta Galáxia e Universo Local, quando em situação onde existam muitas entidades negativas por perto. E, para evitar um conflito direto, ele pega na bolsinha pendurada na sua cintura um pó de diamantes produzido, adivinhem por quem? Por Nihki, sua fada, sua chama gêmea, e assopra em direção a todos aqueles seres ferozes. Eles dormem profundamente feito bebês. Vai até eles, dispara uma flecha para o alto dando o sinal de resgate. “A Cavalaria” chega e leva aquelas entidades para tratamento e, claro, elas não são obrigadas a ficarem nos planos mais elevados; podem voltar a sua “velha rotina” caso desejem, mas a maioria não volta. Em uma dessas ocasiões quando chamou os Cavaleiros da Luz, socorristas e demais seres responsáveis de levar essas almas aos hospitais/naves mães de tratamento, encontrou-se com aquele conhecido como O Portador da Chave, o qual também tem grande afinidade energética. Numa dessas, fez questão de ir junto com um grupo de seres que estava sendo socorrido, e fez questão de acompanhar até à grande nave mãe de tratamento. Chegando lá, deparou-se com um belo ser de cabelo prateado penteado para trás, Olhos Grandes e de um olhar forte e penetrante. Seus olhos mesclavam entre o azul e o prata. Uma postura elegante, séria e muito doce. Normum o viu se emocionar com a chegada daquela multidão de almas desacordadas e, em profunda gratidão, aquele ser elegante dirigiu-se até Normum e beijou suas mãos em agradecimento. Aquele ser de olhos azuis prateados disse… “Gostaria de ter você em meu agrupamento, se essa for a sua vontade.” – Ao que Normum respondeu: “Eu sempre estive em seu agrupamento; sua alma ressoa em minha alma, sua missão é minha missão, meu amado ser”. Este ser era Zero i. Este encontro ocorreu há bilhões de anos. Sim, há bilhões de anos Normum já era um caçador de almas…

Está sendo chamado pelo Plêiades 1 a lançar sua poção do sono em toda negatividade do plano terrano para que todo mal durma para sempre, e não mais volte a acordar, neste mundo. Sendo chamado a disparar e disparar suas Flechas de Luz no coração de todos os Terranos a fim de despertá-los para o Amor Incondicional. Chamado a caçar cada alma perdida de si mesma e fazê-la se encontrar. Chamado a procurar os melhores atalhos e guiar as almas para estes melhores caminhos através do seu Amor e Luz, disparando uma Flecha de Luz bem no alto, para que todas as almas, especialmente as do seu agrupamento, possam ver aquela Luz acessa ao alto e a terem como um norte. Chamado a se conectar completamente a todo Reino Dévico e a sintonizar com sua chama gêmea. Muitas das almas do seu agrupamento permanecem desencarnadas e muitas perdidas no plano astral inferior. Normum, vá caçá-las!

É até onde Jesus me permite ver.

NORÚ, O GUARDIÃO DA TORRE = O Guardião da Torre é um ser muito amoroso e de energia dourada e rosa. Visitou vários sistemas estelares, entre eles Sirius, Andrômeda, Plêiades, Cocheiro (Auriga) e teve passagens mais recentes em Júpiter e Antares. Um amante das Luas! Adora suas energias! Não por acaso! Saberão o porquê logo mais abaixo.

É um ser viajante estelar. Poderíamos dizer que não tem lugar fixo, mas a sua casa é onde ele quiser que seja e onde ele esteja. Poderíamos também dizer que é um cigano das estrelas, pois gosta de andar levando sua energia dourada e sabedoria aonde vai, e não costuma estar preso a um ponto. Ser de alegria contagiante, é conhecido também nos planos espirituais como “Sorriso, o da Torre”. Por quê? Em uma das suas roupagens, no caso, Norú, é um dos Guardiões das Torres de Integração e Desintegração que, em sua maioria, ficam localizadas em Luas. Existe uma Torre dessas na Lua da Terra, e ele é um dos seus guardiões.

Quando seres de outros sistemas vêm à Terra em suas missões instrutoras e evangelizadoras, faz-se necessária a alteração molecular de seus corpos, pois a maioria deles tem corpos físicos daquele planeta de onde vêm. Essa alteração se processa na Torre de Desintegração. Há outros guardiões. Um deles chama-se Stuart que faz parte da Frota Capelina (da Estrela Capela/Auriga, na Constelação do Cocheiro) e é um grande amigo de Norú. Esses seres são responsáveis por realizarem esse trabalho de fazer a transformação do corpo físico em matéria etérica. Por isso, faz contato com muitos seres estelares, como se eles fossem espíritos. Claro, eles são espíritos, mas a maioria quando vêm à Terra deixa sua roupagem física galáctica e se comunica nos planos espirituais como se fossem “seres desencarnados”. Enquanto a Terra não alcançar níveis mais altos de vibração, esses contatos terão que ser assim. Mas estamos caminhando para o contato “físico” com esses seres, sem a necessidade de eles terem que passar, na maioria das vezes, pela Torre de Desintegração, que seria também a Torre de Reintegração. Quando voltam da Terra, eles passam por lá outra vez para “vestirem” novamente seu corpo físico galáctico, ou seja, fazer a Reintegração.

Essas Torres têm também a função de filtrar/suavizar determinadas energias. Algumas energias mais potentes que vêm dos Seres Solares, acreditem, passam por essa Torre para uma sutilização, e chegam à Terra, sempre de acordo com a capacidade de cada ser terrano. A Torre ajusta a frequência e entrega a cada Terrano a “porcentagem” adequada, – aquela que ele pode suportar, – naquele momento. O Guardião da Torre não apenas é um dos responsáveis pela Reintegração e Desintegração já citadas, mas também por ancorar a energia solar no próprio plexo solar. Envia, assim, para o plano terrano, a energia mesclada à sua própria energia. Digamos que, “colocando um tempero” a mais na Energia Solar. E o que seria esse “tempero”? Alegria! Não que a Energia Solar não a tenha, mas o Guardião da Torre, por natureza, é um ser alegre e vibrante que recebeu das hostes celestes essa missão de “temperar” a Energia Solar enviada à Terra, com mais alegria.

Norú teve várias encarnações no plano físico Terrano. Dentre elas, esteve ao lado de Saint Germain, quando este estava na roupagem de Merlin. Encarnou também na época de Jesus, como sendo um daqueles muitos pescadores que viram o Mestre do Amor deixar a sua mensagem. No Antigo Egito, esteve na corte daquele conhecido como Amenófis III (Zero i), um dos seus primeiros contatos com Zero i na superfície terrana. Já havia encontrado Zero i e IUD-IL também em outra oportunidade, no Egito, quando os três eram guerreiros Medjai e faziam parte do mesmo exército. Encarnou também na corte daquele conhecido como Francisco de Assis, e foi um dos muito próximos dele. Em uma das suas encarnações mais recentes, esteve na segunda guerra mundial, no exército de Zero i que, na ocasião, era um general russo tentando refrear Hitler. Esteve também junto à Silvestra, A Sacerdotisa Lunar e Guerreira Multidimensional, na Lemúria, quando fez parte de uma Irmandade chamada “A IRMANDADE DO CRISTAL ROSA”. Era um dos seus muito próximos. Na ocasião, era um daqueles que prepararam as pessoas para a comunicação com o Grande Espírito. O Grande Espírito (como Jesus era chamado, na época, por aquela população) aparecia, às vezes, em telas de pura energia, como se fosse numa conferência. Norú, na época conhecido como Asthari, reunia as pessoas… Por exemplo, ele chegava e dizia: “Pessoal, hoje o Grande Espírito vai falar a todos, no mesmo lugar”. Ele saía avisando as pessoas. Era o organizador do “evento”. Uma das suas encarnações mais marcantes, segundo ele mesmo, foi quando esteve junto a Moisés, na travessia do Mar Vermelho.

Como dito anteriormente, é portador do Raio Dourado e Rosa Radiante, e tem como seus principais mentores (se é que posso dizer assim) Jesus, Mestra Rowena, Maha Chohan, Mestre Kuthumi, Mestre Confúcio, Mestre Lanto e Mestre Ling. Tem também uma proteção especial daquele chamado de Mikhael, podendo chamá-lo a hora que desejar que, prontamente, será atendido.

Em sua roupagem de Norú é humanóide e mede aproximadamente 2 metros de altura. Apresenta-se razoavelmente magro e com vestimentas douradas. Seus olhos parecem duas bolas de fogo rosa. Os sapatos são rosa brilhante e, no meio do peito, por cima da vestimenta, há um cristal, e este brilha em duas energias: rosa e dourado. Tem os cabelos na altura dos ombros, dourados, mas mesclando para o rosa brilhante. Usa uma pequena barbicha no queixo, muito parecida com a do Mestre Lanto, mas que mescla entra dourado e rosa. Quando se olha para ele mais de perto, sua face muda também: fica alternando entre essa fisionomia, e outra, com a aparência de uma criança de uns 12 anos. É lindíssimo!

Está sendo chamado pelo Plêiades 1 a incorporar definitivamente sua alegria no plano físico terrano, a desintegrar a negatividade nos corações humanos e reintegrar suas purezas de alma. Chamado para que, através do seu mais puro e doce exemplo de alegria e Amor, passe a contagiar os corações daqueles mais endurecidos. Chamado a ir às zonas astrais, especialmente às físicas, onde haja aqueles dependentes químicos, e levar toda sua energia de alegria e Amor. Chamado a ancorar ali a Energia Solar, como sendo ele mesmo um retransmissor solar direto, e “apontar” nessas zonas, como se fosse projetor e irradiar toda essa Energia Luz nesses ambientes. Chamado a ir às zonas astrais para dar palestras àqueles que se perderam na dependência química e iluminar esses corações com suas palavras de alegria, fé e boa vontade. “Há muitos dos seus  irmãos muito amados nessas regiões, Norú, e precisam do seu Amor. Eles aguardam a sua alegria”. Eles foram informados que você seria chamado na superfície pelo Plêiades 1, se encheram de alegria ao saber, e o aguardam nessas zonas, com muito carinho.

Norú, você é também um representante direto do Mestre Ling na superfície planetária, não por acaso, pois esteve ao lado dele, enquanto este assumia a roupagem de Moisés. Irradie sua felicidade, Norú, desintegre o mal, reintegre o bem e a alegria no coração dos Terranos.

É até onde Jesus me permite ver.

NOVA AURORA = Um planeta pacífico que explodiu há certa de 65 (sessenta e cinco) milhões de anos na Constelação de Lira. A explosão ocorreu em meio a uma guerra galáctica intensa naquela região, naquela época. Um grupo de seres negativos chamados Harmites/Harmitianos, detentores de tecnologia avançada, planejavam dominar um sistema inteiro iluminado por dois sois.

As forças protetoras daquela região enfrentaram seres negativos para defenderem seu sistema, porém, em meio à guerra, por meio de uma arma de plasma, os Harmites dispararam contra aquele sistema atingindo um dos seus sóis. Este foi explodido em uma supernova, emitindo uma onda nuclear que destruiu os três planetas daquele sistema de dois sóis. Um deles era Nova Aurora; os outros dois eram colônias de Nova Aurora. Antes da explosão, muitos Auroranos saíram em fuga do planeta em direção ao Sistema das Plêiades e, de lá, se espalharam por outros pontos da Galáxia.

A partir da era Lemuriana, muitos Auroranos começaram a encarnar, em massa, na superfície terrana, pois souberam que aqui estavam alguns daqueles seres Harmitianos que destruíram seu Sistema. Alguns Auroranos vieram como uma oportunidade de interagir com aqueles Harmitianos e, como seres muito amorosos, os abraçarem em um gesto puro de perdão. Outros, nem tanto. Vieram com a intenção de vingança mesmo.

Muito desse confronto, é o que está sendo visto entre palestinos e israelenses. Muitos ali são de ambos os lados, Auroranos e Harmitianos. O lado positivo Aurorano, há muito tempo, tenta conter esses confrontos, encarnando ali entre os palestinos e israelenses na tentativa de pacificar essa velha rixa. Um daqueles Harmitianos que estiveram naquela ocasião, quando destruíram o Sistema de Aurora, é aquele hoje conhecido como Benjamin Netanyahu (Primeiro Ministro de Israel). Uma grande alma de Aurora é aquela conhecida como Malala Yousafzai.

Mas existe, neste momento, encarnações, em massa, de Auroranos positivos naquela região e eles trarão a paz definitiva para esse confronto. Além disso, o Plêiades 1 solicita a todos os terranos apoio aos Auroranos encarnados e desencarnados, que estão tentando pacificar aquela região. Devido à intensa negatividade de alguns Harmitianos, um vórtex negativo existe lá, que acaba por atrair não apenas Harmitianos e Auroranos bélicos, mas também seres de outras origens, com instinto de violência. Aquela região está, agora, em uma intensa projeção de Luz para ser completamente curada dessa velha história Aurorana, como de outras, incluindo Capela, da Constelação do Cocheiro, quando também enviou para o plano terrano há milhares de anos, os seres que não estavam na sintonia da elevação daquela estrela, e muitos se aglomeraram ali, em Israel, e toda região a fim de transmutarem as velhas energias e elevarem suas consciências. Como sabemos, o plano Divino é Perfeito, e muitas almas de velhos confrontos acabam nascendo no mesmo espaço, para que se reajustem e voltem juntas à Luz.

Para finalizar, que esteja claro que muito Harmitianos já ascenderam às Esferas de Luz e têm ajudado os Auroranos pacíficos na resolução dessa situação.

Os fragmentos, tanto físicos como astrais de Nova Aurora, que estão caindo no plano terrano, tornar-se-ão como cristais da paz e esperança. Também despertarão os Auroranos ainda adormecidos, e intensificarão a Luz no coração dos Auroranos despertos, tanto no astral como no físico do plano terrano. Ajudarão a pacificar os corações endurecidos de alguns Harmitianos e fertilizarão o plano Terrano com a energia de Nova Aurora, que foi um planeta de puro Amor e esplendor.

NOVELO ESCALAR = Bola de energia negativa que tem a função de disparar contra Trabalhadores da Luz e Guerreiros da Luz a fim de perturbar, confundir e minimizar os efeitos positivos perpetrados pelos aliados da Luz na superfície. Em alguns casos, causam dores físicas. Manter-se sempre em estado amoroso impede o ataque escalar.  As forças escuras veem quando um Trabalhador ou Guerreiro da Luz está irradiando muita Luz e tentam apagá-la enviando projeções escalares, tentando induzir a pensamentos pessimistas e coisas semelhantes. Eles esperam uma brecha dada pelo Trabalhador da Luz para que, mais uma vez, invistam em um ataque. Por isso, “orar e vigiar” sempre. Eles não conseguem entrar no campo do Trabalhador da Luz, a menos que este permita, baixando a sua vibração.

NT = Notas.

O GUIA (ATRUZ-ZZZ) = Integrante da Equipe Sementes das Estrelas. Não tenho autorização para mencionar seu nome linear. É um lindo ser de energia prateada, proveniente do Sistema Estelar de Sírius. É um guia magnético para o Amor e Verdade. Tem conexão com Sírius A e B, sendo que, em B, encarnou algumas vezes como um Golfinho, com nome-vibração que pode ser verbalizado no sistema terrano assim: “Atruz-zzz” – Esteve também no Sistema de Delphinus e em outros sistemas, alguns ainda não conhecidos pelos Terranos. Pode-se dizer também que é um ser angélico, tendo grande conexão com grandes e amorosos arcanjos. É um filho energético de um lindo arcanjo…

É um ser, por natureza, muito alegre e contagiante e tem leveza em mostrar a Luz com gestos sutis e gentis. É muito solicitado nos planos astrais superiores para ministrar palestras de Luz, onde a alegria e a espontaneidade são as forças ancoradas. É um ser que irradia uma linda Luz prateada, capaz de envolver qualquer ser, do mais sutil ao mais denso. Tem uma belíssima capacidade de comunicação telepática com as plantas de qualquer sistema, e com os cetáceos.

É um ser que tem uma grande inteligência, que chega a ser brilhante. Participou de várias experiências nos planos Sirianos e, em um deles, junto com cientistas siderais, tentou trazer um sistema etéreo para o físico para ajudar algumas almas a terem suas experiências em planos físicos, o que acabou por não funcionar e levou o planeta a explosão. Sentiu-se muito triste com o ocorrido, mas a sua alegria e energia divinas transmutou rapidamente qualquer sentimento de tristeza. 

É um ser que, por natureza, tem um desejo intenso de ver os sistemas mais densos e de muita porção seca, mais aquáticos do que sólidos. Tanto que, em muitas reuniões onde está se decidindo tais coisas, costuma palpitar solicitando “mais água no ambiente”. Pode se dizer que é um ser puramente aquático. Teve algumas poucas experiências em ambientes físicos (Encarnações físicas e humanoides).

Encarnou várias vezes no plano Terrano, dentre elas, na Atlântida, quando também encarnou como golfinho. Em seguida, na mesma Atlântida encarnou na superfície como humanoide. Esteve também no Egito, no reinado de Ramsés II. Foi conselheiro, na ocasião. 

Devido a sua imensa alegria interior, tem facilidade de mostrar aos seres os caminhos,  de uma maneira simples. Enquanto alguns seres sentem dificuldade de entender algumas coisas, quais os caminhos a serem seguidos, ele, com sua energia de alegria, cria um vórtex de energia prateada que, naturalmente, aponta o caminho para a pessoa e ela, com seu livre arbítrio, decide se vai seguir. Quando golfinho, na maioria das vezes que encarnou desta forma, costumava ser o líder do seu agrupamento, apontando os melhores canais.

É também, por natureza, um guardião dos registros akáshicos planetários, seja de qual sistema for. Tem um vasto acervo de registros em seu interior, de todos os sistemas pelos quais passou.

Tem forte ligação com todos os seres Sirianos, podendo chamá-los a qualquer momento que desejar, que imediatamente será atendido. Tem um minúsculo Cristal de Luz no centro da sua cabeça, que funciona como um dispositivo de comunicação direta com qualquer ser oceânico ou no sistema de Sírius, bastando intencionar. É um tipo de dispositivo quântico, que serve para ampliar a capacidade telepática. 

Até hoje, também guarda um Cristal de Luz no seu coração, que salvou antes que a Atlântida sucumbisse nas trevas. É um Cristal que possibilitava a abertura de portais, que ligava vários planos vibracionais, assim como ligava à Terra Interna. As forças das trevas desejavam encontrar esse cristal, ao menos um deles, (eram vários e cada um está com o seu guardião específico). Ele era um deles e conseguiu torná-lo etérico e guardá-lo em seu Coração de Luz, impedindo que caísse em mãos erradas. Até hoje, alguns magos negros o procuram para lhe tomar o cristal, mas ele é amplamente protegido pelos Sirianos à sua volta. 

Está sendo chamado pelo Plêiades 1 a focar nos grandes oceanos e, por telepatia, chamar sua família oceânica de cetáceos, e trocar informações necessárias para ajudá-los na implantação da Grade Cristalina no planeta. Eles, os cetáceos, são âncoras das energias cristalinas e desenvolvedores magnéticos. Também está sendo chamado a ajudar os grandes cetáceos para assegurar proteção dos grandes registros armazenados em seus campos, e impedir que forças malévolas venham a tomar posse deles. Sendo chamado também para que, com sua alegria, abra caminhos quebrando a negatividade onde for, e mostrando os canais de Luz abertos à espera de todos e, apontando o caminho com alegria e leveza. Chamado também a ensinar aos seres a guardarem suas pérolas em seus corações, com muito Amor, evitando jogá-las ao vento e tentando, de alguma maneira, mostrar que tudo tem sua hora, e que o que precisa ser revelado o é, no momento certo. 

Por fim, tem a capacidade de abençoar as águas apenas com o toque dos dedos. 

É até onde Jesus me permitiu ver.

O PORTADOR DA CHAVE = Integrante da Equipe Sementes das Estrelas. Não tenho autorização para mencionar seu nome linear. É um ser que não tem forma física; apresenta-se apenas como energia. Quase nunca veste uma forma física ou etérea para se apresentar. Mas quando o faz, apresenta-se com lindas vestes brancas e segurando duas chaves douradas, uma em cada mão. Tem conexão com Andrômeda. É um ser magnético, portador de Chaves de Luz e códigos especiais de trancas e aberturas magnéticas. É um ser justo, sustentador da energia da ordem e união amorosa.

É responsável pela abertura de Portais de Luz em todo sistema. Supervisiona a entrada de todos os seres em diversos sistemas. Observa se a energia “A” está compatível com o ambiente “B” e vice e versa. Leva muitas almas que precisam de recuperação psíquica e demais recuperações aos devidos setores que as ajudarão em suas recuperações. Tem a “chave” de diversos espaços magnéticos onde seres tenebrosos estão em recuperação e não podem sair dali até que suas vibrações estejam mais sutis. São como feras enjauladas. É um criador de salas magnéticas para esse fim, e outros fins.

Pode-se dizer também que é um Guardião de Portais ou Programador de Portais, já que ele programa a abertura de determinados portais em determinados tempos e espaços. É um ser de natureza séria e muito pacífica. Não se intimida com as ameaças dos tenebrosos, quando estes estão em suas prisões magnéticas. Os observa serenamente. Tem, em suas mãos, quando se apresenta dessa forma, duas chamas brancas que, quando na presença dos tenebrosos, se tornam como bolas de cristal, onde eles podem ver tudo que já fizeram e as consequências, e o que eles podem fazer de bom e suas consequências positivas. É também um condutor, um segurança magnético. Quando grandes naves mães saem dos planos mais densos levando almas densas para recuperação, ou mesmo ao Sol Central, vai junto como um policial assegurando o transporte e segurança. É impossível as forças das trevas “armarem uma emboscada” para “soltar” os que estão magneticamente aprisionados, quando ele está presente. Também é impossível um irmão das trevas conseguir qualquer feito na sua presença. Quando se apresenta na sua forma mais humana/humanoide nos planos espirituais, ele sempre mantém os olhos mais cerrados, quase que fechando, e quando em alguma situação onde as forças das trevas tentam intimidá-lo, ele abre definitivamente os dois grandes lindos olhos. Estes são como duas tochas brancas de Luz radiante e acaba por paralisar completamente qualquer ação deles. Pega-os, amorosamente, e os leva para tratamento ou câmaras protegidas com suas grades de Luz.

É um dos seres magnéticos sendo chamado pelo Plêiades 1 para quebrar a negatividade na superfície e nos planos astrais inferiores do plano Terrano. Está sendo chamado para também abrir as fronteiras do mundo, desmantelando a grade negativa que separa os Terranos uns dos outros. Está sendo chamado a irradiar nos governos e Terranos para que todos se conscientizem de que todos somos Um, que não existe separação e que, Unidos somos todos mais fortes. Não há riscos de se unirem como uma só raça, um só povo: o povo Terrano.

Sendo chamado para mostrar, tanto no físico como nos planos astrais sutis e mais densos, através das chamas em suas mãos, tudo que já foi feito e suas respectivas consequências. Sendo chamado a ABRIR OS OLHOS LUMINOSOS e barrar qualquer ação das trevas EM TODOS OS NÍVEIS, TEMPOS E DIMENSÕES.

Foi até onde Jesus me permitiu ver.

O PORTADOR DO MANTO, GUARDIÃO DOS 76 CRISTAIS SIRIANOS = Integrante da Equipe Sementes das Estrelas. Não tenho autorização para mencionar seu nome linear. É um ser encantador de origem Siriana, tendo passagens influentes nos sistemas das Plêiades, Arcturos, Andrômeda e outros belos sistemas. Em Sírius, em uma das suas roupagens, é chefe de uma pequena frota de 7 Naves Sirianas. Nesta roupagem é um comandante. Trabalha com o “O GUIA (ATRUZ-ZZZ)”, desde lá. Também, no mesmo sistema, em dimensões um pouco mais elevadas, tem uma roupagem feminina e interage diretamente com a Frota Mariana e do amado Mestre Sananda. Na sua roupagem de 13ª dimensão, é um ser amado da Legião de Mikhael, sendo um daqueles emissários das palavras do Príncipe dos Anjos, nas esferas inferiores. Atua facilmente em muitas dimensões simultaneamente, podendo estar como Anjo da Legião de Mikhael, expressão Feminina de Sírius, Comandante da Frota Siriana, de reconhecimento e ancorarem de Luz Siriana, tudo ao mesmo tempo. É muito amado no Sistema Estelar de Sírius e é sempre recebido com festa, quando chega com sua pequena frota.

É um ser portador de uma linda habilidade: conduz o manto da invisibilidade de Mikhael. Usa-o sempre que necessário, decretando “EU SOU O QUE AS TREVAS NÃO ENXERGAM”. Pode projetar em algum ser e fazer o decreto e, imediatamente, as Forças da Luz protegem aquele mencionado, colocando sobre ele o manto da invisibilidade. (Claro, sempre dentro de um plano maior e respeitando o livre-arbítrio). Nas suas elevadas expressões, tem um Código Sagrado que pode ativar em qualquer ser, “dando a ele” a habilidade de ativação imediata do Manto da Invisibilidade. É responsável por, em muitas missões Sirianas, colocar o manto da invisibilidade nas naves, quando estas descem às baixas vibrações, tornando-as invisíveis aos que pertencem às trevas.

A sua falange de seres Portadores da Invisibilidade e Eu Superior ajudou Maria, José e Jesus na fuga para o Egito, jogando sobre os três o manto da invisibilidade, e em muitas outras ocasiões, impedindo o poder de Roma os encontrar. Acompanhou Maria no seu ministério após o desencarne do Mestre Jesus e José, ajudando-a como pode. Em várias missões de Maria, muitas pessoas desejavam vê-la e receber o seu Amor, muitos,… mesmo os Romanos, as esposas de muitos dos soltados romanos e até mesmo membros do próprio senado. O Portador do Manto da Invisibilidade lançava sobre eles o Manto Sagrado e impedia que o poder romano os visse ao lado de Maria, ou divulgando o Evangelho, para que não fossem torturados e mortos.

O Portador do Manto da Invisibilidade, em profunda conexão com seu Eu Superior, viu todo trajeto do Mestre na sua subida até o monte da crucificação, e disse ao Senhor… “Eu posso ajudá-lo, Senhor; posso fazer com que Roma não O veja…” – ao que o Mestre disse… “Amado do meu coração, é necessário que assim seja! Mas te peço que faça algo mais importante: faça com que as pessoas não vejam o mal uma nas outras, mas somente o Amor.” – E ele, o Portador do Manto, ajoelhou-se e chorou copiosamente, sendo escoltado, em seguida, por um soldado Romano.

Encarnou centenas de vezes no plano físico Terrano, a fim de ajudar a ancorar a energia Siriana na superfície. Por muitas vezes, estava para abrir poderosos portais de Luz que trariam as forças Sirianas para superfície e foi impedida e caçada pelas forças das trevas. Em uma encarnação em particular, era uma pessoa muito querida por aquele que, na superfície Terrana, ficou conhecido como Galileu Galilei. Esteve presente na revolução francesa e, na época, já usava sua habilidade de invisibilidade. No Egito, esteve entre os grandes iniciados e foi uma poderosa âncora das energias Sirianas. Encarnou mais de uma vez no Antigo Egito. Esteve presente na Atlântida, onde novamente interagiu com “O GUIA (ATRUZ-ZZZ)”. Na ocasião, foi uma sacerdotisa responsável por guardar os registros Sirianos de Luz e era uma espécie de oráculo, trazendo as forças e as informações Sirianas para os habitantes da Grande Ilha. Recebido dos seres Sirianos, poderosos cristais de Luz que eram enterrados no coração da Mãe Terra, à medida que ela recebia as orientações. Um desses cristais, em forma etérica, é conectado diretamente ao seu coração. Tem uma conexão profunda com aqueles que, na superfície Terrana, foram conhecidos como “Os Maias”. E tem profunda conexão com as Sete Profecias Maias. Ajudou a construir algumas das pirâmides Maias.

Participou de várias experiências nos planos Sirianos e, em um deles, junto com cientistas siderais, tentou trazer um sistema etéreo para o físico para ajudar algumas almas a terem suas experiências em planos físicos, o que acabou por não funcionar – e levou o planeta à explosão.

Por sua habilidade consagrada ajudou, diversas vezes, a “esconder” Trabalhadores da Luz em missões sagradas em diversas eras, fazendo-os sumir das vistas dos das trevas, apenas decretando algumas palavras e invocando suas forças. Em missões sagradas, há séculos atrás, entrou com grupos de Trabalhadores da Luz dentro do Vaticano, a fim de buscar informações escondidas da humanidade. Claro, ninguém os viu, o Manto estava sobre eles…

É um Sagrado Guardião de 76 Cristais de Luz Sirianos. Ele e seu agrupamento têm a linda missão de guardar esses cristais e assegurar que eles não sejam roubados e deturpados pelas forças das trevas. Esses cristais estão no plano astral da Terra, seguros por um Manto de Invisibilidade e somente aqueles que tem uma vibração elevada conseguem vê-los e até mesmo tocá-los. Eles contêm todo registro histórico de Sírius e um poder incrível para restaurar todas as células dos corpos humanos. Eles são como a Fonte da Juventude para aqueles que os tocam e estão seguros e guardados, até o momento que serão trazidos à superfície Terrana, quando o momento for ativado.

Há milhares de anos atrás, em uma experiência na Galáxia de Andrômeda, o seu Aglomerado de Naves entrava em um sistema ainda desconhecido pela frota visitante. O Portador do Manto, quando percebeu, viu uma outra frota de seres nada amigáveis cercando o seu agrupamento, ao que, imediatamente, pegou nas mãos de todos os tripulantes de sua nave, conectando-se telepaticamente com todas as outras demais naves e tripulantes de sua frota e fez descer da 13ª dimensão Códigos Sagrados que deixaram toda frota invisível. Ele, até então, não “sabia” que podia fazer isso, passando desde então a ser chamado para ir em missões especiais, onde houvessem certos riscos de represálias.

Está sendo chamado pelo Plêiades 1 a manter o manto sobre os 76 Cristais Sirianos. Sendo chamado fazer com que as pessoas não vejam o mal umas nas outras, mas somente o Amor, através das suas poderosas vibrações de Luz Sirianas. Chamado a começar a ancorar na superfície a energia dos 76 Cristais Sagrados. Chamado a lançar o manto sobre todos os Trabalhadores da Luz para que estes não venham a ser atrapalhados pelas forças das trevas. Chamado a se conectar com seu agrupamento de 76 mil seres Sirianos, alguns no plano físico, outros no Astral Terrano, e outros nas naves que circundam o plano Terrano, para garantir a segurança dos Trabalhadores da Luz na superfície, através da sua profunda conexão com Mikhael, Sananda e Maria.

É até onde Jesus me permitiu ver…

O REPROGRAMADOR = Na área da Informática, a “reprogramação” é uma operação indispensável para se obter o melhor desempenho de um computador e é o recurso ideal pra ser utilizado depois da operação “desfragmentação” da máquina. O P1, em seu trabalho amoroso e preciso, trouxe essas duas operações conjugadas, também para a humanidade. Primeiro providenciou a “desfragmentação” dos Terranos, (vide detalhes no verbete “Nilun”, no glossário do P1 e mensagem de Ashtar Aqui ou Aqui), para, na sequência, apresentar o pacote “O Reprogramador”.

Tal como ocorre com um computador que está com os dados fragmentados na máquina, pessoas estão com partes de seu EU fragmentadas pelas intempéries da vida na dualidade. E é isso o que a humanidade está recebendo, nesse momento, por Amor do nosso Criador: uma energia de reprogramação para otimizar o que já foi desfragmentado anteriormente com sucesso. É preciso que os Terranos se abram ao processo, para receber essas bênçãos que nos são ofertadas.

Não é um ser, mas sim um pacote energético o qual IUD-IL e seu agrupamento o sustentarão pelo tempo que for necessário. Esta energia é a representação de um nível de consciência da humanidade. Um exemplo de reprogramador que aqui pode ser citado é o amado mestre ascensionado Saint Germain.

O Ser que está sob essa energia (mediante a um certo nível de consciência) passa a ser um retransmissor da mesma, e emite sinais reprogramadores de DNA. O Ser que está sob essa radiação tem como principal porta emissora de sinal, os olhos. Por isso, em muitas histórias algumas pessoas relatavam não conseguir olhar nos olhos daqueles considerados “santos”, pelo fato de eles emitirem um sinal de reprogramação ao qual as consciências imersas nos domínios do ego sentiam-se temerosas e não encaravam.

O agrupamento do IUD-IL é responsável por trazer todo esse potencial de reprogramação novamente. Essa força vem ao plano terreno sempre com um ser desperto, mas agora ela está sendo “jogada” para toda a humanidade a fim de causar um efeito reverberado, decorrente disso, verão os seres humanos se olhando mais nos olhos. É um sinal, de certa forma inconsciente, que as essências estarão enviando umas as outras de que o momento chegou para a reprogramação final, o grande salto definitivo. E o IUD-IL e seu agrupamento garantirão isso.

OLHEIRO GALÁCTICO = Código secreto, ainda não pode ser informado.

OLIMPO = Grécia.

ONDINAS = Aqui ou Aqui.

P1 = Plêiades 1.

P3 (PLÊIADES 3) = É uma somatória energética do Plêiades 1 e 2 no astral + P2 encarnados. A ancoragem das forças P1 e P2 Astral pelos P2 encarnados na superfície terrana criam um Vórtex hiper poderoso que pode ser chamado de P3. Força P1 e P2 astral + Força P2 encarnada = P3. Força Astral P1 e P2 + P2 encarnado sob Força Nativa Terrana = Mesclagem e Vórtex P3. Aqueles que entram nessa sintonia e harmonização ancorando as forças do P1 e P2 Astral na superfície precisam estar cientes que são uma individualização do P1 na superfície = P2, logo, de acordo com sua sintonização, serão os criadores da Força P3. Eis um dos motivos pelo qual o P1 está chamando os Terranos para Reconhecimento de Origem (“P1 chamando Terranos para reconhecimento de origens! Atenção para chamadas em PVSE/SdE!!”), também para que a Força P3 seja criada na interação dos Terranos com as Forças Astrais do P1 e P2.

PALADINOS = Pessoas com habilidades especiais. Vivem mais escondidos porque possuem “poderes” que os demais nem imaginam. Conseguem se materializar e desmaterializar facilmente. Dominam a Física. Conseguem criar portais com movimentos circulares das mãos – portais estes que os levam a quaisquer lugares do mundo que desejarem. Conseguem levitar, hipnotizar e tomar a forma de outras pessoas. A maioria deles são positivos. São seres físicos como nós e interagem facilmente com qualquer outro ser humano, sem que percebam que eles têm tais habilidades. A menos que os mais positivos vejam ações injustas e de violência, eles não conseguem se controlar e, muitas vezes, se expõem deixando todos verem suas habilidades.

Na internet encontramos vários vídeos onde Paladinos são flagrados expondo suas habilidades. Eles poderiam ser chamados de médiuns de efeito físico, mas digamos que sejam um pouco mais que isso. Muitos dos Paladinos foram capturados por agências secretas para serem estudados; a maioria deles conseguiu escapar em seguida, facilmente. Algumas agências secretas negativas têm agentes em todo mundo, onde tentam, a todo custo, capturar os Paladinos para usarem-nos como armas.

“Um Paladino é um herói cavalheiresco, errante e destemido, de caráter inquestionável que segue sempre o caminho da verdade, lei e ordem, sempre disposto a proteger os fracos e lutar por causas justas.

A palavra Paladino vem do latim palatinus (relativo a palácio) que, por sua vez, é derivado de Palatino, uma das sete colinas de Roma.”(https://pt.wikipedia.org/wiki/Paladino). Não, por acaso, os primeiros Paladinos foram vistos nesta região.

Aqui há três vídeos da internet que podem mostrar, aproximadamente, como eles são. Talvez algumas das imagens aqui expostas não sejam genuínas, outras, de fato, o são. Mas dá para se ter uma ideia do que eles podem fazer.

https://www.youtube.com/watch?v=ejeIv0BjM9M

https://www.youtube.com/watch?v=adx05C6hzyw

https://www.youtube.com/watch?v=1Bb5HI4O9jQ

No filme Jumper podem ter uma real ideia de como eles são: 

https://www.youtube.com/watch?v=zvA0wfUHaI4

Mas nesse  filme, “Os Paladinos” são retratados como Negativos e os Jumpers como Positivos. Se forem ver o filme, apenas reconheçam Os Jumpers como Paladinos.

Foi até onde Jesus me permite transmitir a informação.

PAPANI (DUATI-LUKI) = Duendes de um agrupamento especifico. Deixaram uma mensagem de apelo a humanidade. Vide Aqui ou Aqui.

PÁSSAROS (em caixa alta) = Refere-se aos Blue Avians (Aves Azuis) mencionados pelo Corey Goode. Mais informações vide: Aqui.

Pássaros (em caixa baixa) = Aviões, Helicópteros, Drones, alguma aeronave…

PATRULHEIRO DO PORTO (Capitão Dhodi) = O Patrulheiro do Porto é organizador de tarefas e integrante do Grupo Estelar de Cálculos Precisos. É intérprete de Códigos e Linguagens Galácticas. Pode ser chamado também por “Olho de Hórus”. Tem ligação direta com esse Ser e, se ao fechar os olhos, mentalizá-lo, pode olhar através dos seus olhos e saber o que acontece a milhares de quilômetros. É um Patrulheiro e observador por natureza.

É um Ser Solar, da ordem de Hórus. Atua em várias expressões, sendo algumas delas – Pleiadiana, Frota Prateada do Comando Ashtar e tem profunda ligação energética com aqueles chamados de Guardiões, ou Aves Azuis (Blue Avians).

Em uma das suas roupagens galácticas, é um dos responsáveis por espaços de aterragens e decolagens de naves. (É uma espécie de controlador de voo.) Sendo aquele que autoriza ou não autoriza as partidas e aterragens em determinadas bases. É extremamente respeitado e muito querido do Ashtar. Está sempre presente em quase todas as reuniões onde o Ashtar se faz presente. O Ashtar costuma brincar com ele dizendo, às vezes: “Não deixa nenhuma nave sair ou aterrar se o tanque não estiver cheio. (O “tanque” aqui é o Amor)!” Ao que o controlador Dhodi, ou Capitão Dhodi, como é chamado também, sorri e diz, amiúde: “Sempre!”. Nesta roupagem, aparenta ter uns 30 anos ou menos. Cabelos loiros caídos nos ombros, olhos azuis e uma energia incrível. É extremamente alegre e sorridente, muito brincalhão. Costuma brincar com os demais do seu agrupamento… ele vê a todos vestidos de macacões azuis, todos uniformizados e, às vezes, se recusa a vestir o mesmo, brincando: “Não quero, eu sou Único, vou ficar diferente” –  e dá boas risadas, e claro, leva todos ao riso descontraído.

Tem uma visão sensacional. Ele consegue mexer o globo ocular rapidamente e, nisso, capta de forma precisa tudo que acontece a sua volta e a milhares de quilômetros de distância. Isso se dá por sua origem energética e conexão profunda com Hórus. É um Guardião do Espaço Galáctico onde atua, e não passa nada sem que ele não veja.

No plano Terrano, encarnou várias vezes, entre elas, na Atlântida, quando também era uma espécie de controlador de voo. Muito amado e respeitado, também na ocasião. Encarnou como um dos grandes líderes dos Vikings. Também encarnou ao lado de Martinho Lutero. Encarnou no Egito, no reinado de Akenaton. Está sempre sob constante radiação da Amada Isis, Osíris e Hórus. É um ser que tem ligação direta com Ashtar, podendo chamá-lo sempre que desejar, em qualquer situação. Assim como também ligação direta, como já mencionado, com Hórus.

Está sendo chamado pelo Plêiades 1 para interpretar os Códigos Galácticos na superfície Terrana, assim como nas zonas astrais. Sendo chamado para, nos planos astrais Terranos, começar a juntar seu agrupamento monádico (Falange) e iniciarem as “construções” das bases para as aterragens galácticas a seguir… Sendo chamado para, a nível interno, na superfície, começar a mentalizar as aterragens perfeitas das Naves da Federação Galáctica na superfície, graças às bases magneticamente construídas por ele e seu agrupamento, dando a segurança necessária para o Momentum. Existe um grande número de seres no plano astral que fazem parte da sua falange e aguardam o comando do Capitão Dhodi. Chamado a interiorizar-se e se colocar completamente a disposição dessa tarefa. Ashtar o chamou à superfície Terrana nestes tempos e, chamou-o para atuar nas zonas astrais, graças a imensa confiança que tem nele.

PONTO 1 = Antártida.

PONTO ATRATOR = É uma espécie de dispositivo quântico, uma espécie de atrator de forças negativas. Vi, na minha tela mental, como um pequeno buraco negro aberto no centro do Sistema Solar, e vi minúsculas partículas densas sendo sugadas para dentro. É como se esse atrator fosse um sumidouro, limpando o Sistema Solar das impurezas (forças negativas). Um grande aspirador magnético atraindo para si, tudo que não estiver vibrando em uma determinada frequência.

PORTAL X = Novo portal aberto pelos Aghartianos para acesso direto à superfície terrana. Faz parte dos novos protocolos de contato.

PORTÕES EX, MOBY E ANTHA = São locais de entrada e saída de determinadas áreas dos planos de plasma, etérico e astral do Plano Terrano. Esse exército (Específico Rígel) de seres vindos da estrela Rígel (eles são Reptilianos positivos. A maior parte deste pequeno exército é composto por entidades femininas) tentou impedir que outro exército de reptilianos negativos entrasse no Sistema Solar para tentar resgatar outros reptilianos negativos presos nesse Sistema. O P1 impediu este feito e, posteriormente, autorizou o exército positivo (Específico Rígel) a entrar em algumas áreas do Sistema em quarentena, para ajudarem na captura de algumas entidades negativas, que têm tentado se esconder das Forças da Luz. O portão “EX” fica no astral do Tibet, “MoBy” fica na África, especialmente na África do Sul e Antha fica no Japão. São como pequenos portões de escape de determinadas entidades negativas. Claro, esses portões agora estão bem monitorados pelas Forças da Luz. A chegada do exército reptiliano feminino POSITIVO vai, apenas, reforçar essas rotas de escape. Os MiD, que estão deixando o plano Terrano, estão tentando se esconder dentro desses portões, como se “por detrás da porta” e olhando com o canto de olho, para ver se tem uma brecha ou um descuido das Forças da Luz, para que possam escapar. Pensam em vão! Não conseguirão escapar. Está havendo uma massiva busca pelas Forças da Luz em todas as zonas/esconderijos dessas entidades que tentam escapar, e o cerco tem se fechado, cada vez mais. Não há nenhum esconderijo que as Forças da Luz não tenham acesso. Então, eu, Zero i, recomendo a essas entidades: desistam e se entreguem! Também estou movendo meu exército e nenhum de vocês conseguirá escapar. Juntem-se a nós, meus queridos! Sempre há uma nova oportunidade. O Sol Central não precisa ser seu destino final. Podemos ajudá-los nos seus processos de redenção. Estamos aqui também para garantir isso.

A primeira informação sobre isso saiu na nota 186: “Específico Rígel credenciado. Acesso a Portões EX, MoBy e Antha” 

PRIMEIRA CLARISSA = Clara de Assis.

Vide: https://pt.wikipedia.org/wiki/Clara_de_Assis

PRIMOS INTERNOS = Aghartianos e todos aqueles irmãos de Luz da Terra interna.

PRÓ-AMOR = Seres despertos: Trabalhadores da Luz, Guerreiros da Luz, Portadores da Luz, Mostradores do Caminho. TODO AQUELE QUE SERVE À LUZ.

PVSE = Portal Vórtex Sementes das Estrelas.

QUADRETA-ESPECTRO = Grade negativa instalada sobre o Congo pelas forças negativas há milhares de anos, que reverberava dali para todo continente africano. É uma sub-grade da grade negativa maior implantada em todo planeta, (que também já está em desmantelamento). Agia como uma “sugadora” de energia, mantendo todos daquela região em estado de enfraquecimento energético constante, para posteriormente usar aquelas pessoas como cobaias para o plano dos desenvolvedores da grade, seres negativos vindos da Galáxia de Andrômeda. Funcionava também, de certa forma, para roubar os portais pineais daquelas pessoas, tentando redirecioná-los para seus feitos. A grade emitia constantemente sinais para toda aquela região, tais como: “Continuem assim; está ótimo.” E as pessoas, como se estivessem hipnotizadas, garantiam o ancoramento das descargas vindas da grade naquele local. Poucos conseguiram transcender a grade naquela região. Um deles é conhecido como Mestre Afra. Com o desmantelamento dessa grade, muitas pessoas ali terão suas CHAMAS TRINAS ardendo novamente, em todo potencial. Uma das funções dessa grade era suprimir a CHAMA TRINA e bloquear a entrada dos SINAIS do AMOR FEMININO (DEUSA) naquela região. Um grande colapso da grade foi alcançado, graças à união de Terranos determinados.

QUANTUNS, O FOGO AZUL DE MIGUEL= Aqui ou Aqui.

SACERDOTISAS DOS VELHOS TEMPOS = Um grupo de almas, não necessariamente de aparência feminina no plano físico, mas em sua maioria, sim. Essa energia não está restrita a apenas um grupo seleto, mas é uma força abrangente que qualquer presença feminina no plano terrano, (ou mesmo masculina que esteja nesta sintonia), pode movimentar essa energia e/ou ser um(a) representante desta força. Dentro do Agrupamento PVSE há uma movimentação específica dessa força, onde almas que estiveram juntas em Delfos (Grécia), Veneza, Roma, Milão e viveram nas proximidades do Grande Vesúvio no golfo de Nápoles, Itália, realizavam grandes trabalhos de cura através da magia branca. Elas andavam em grupos em aldeias e por onde iam levavam a sabedoria milenar contida em suas almas veteranas, neste planeta. Muitas delas, naquela época de grande atividade vulcânica, morreram próximo ao Vesúvio, quando este entrou em erupção. Na ocasião, muitas delas estavam nas proximidades realizando trabalhos de alinhamentos de chakras com muitas pessoas daquela região.

Elas são assistidas pela “Primeira Clarissa” (vide verbete no Aqui no glossário ou Aqui) e, não por acaso, muito delas encarnaram ao lado da madrinha deste agrupamento de almas, quando esta estava em missão em Assis, Itália. São almas muito nobres e de um Amor incrível. Cada uma delas carrega uma habilidade especial. Algumas têm grande sintonia com as Forças Lunares e conseguem fazer grandes curas espirituais e físicas, quando estão na época de grandes picos de Energias Lunares. Outras têm grande sintonia com o Reino Dévico, podendo trabalhar com as energias deste reino facilmente. Tanto que muitas delas, nas suas peregrinações pelo mundo, conseguiam movimentar suas forças e fazer chover onde precisava e, da mesma forma, parar de chover. Outras têm a grande habilidade de canalizar a Energia Solar e usá-la como uma força extra no alinhamento de chakras daqueles que a buscam, assim como ajudar na ativação da Kundalini, sendo essas só umas das suas muitas habilidades. Há muito poder aqui. Traga também a sua herança espiritual. Movimente sua força.

Na maioria das vezes que este agrupamento específico do PVSE decidiu encarnar no plano físico, houve o encontro. As sacerdotisas estão ligadas pela velha herança, unidas pela força em comum: levar o Amor, a Sabedoria, a Paz e a Cura para todos que as buscam. Em todas as suas encarnações, elas se reconhecem pelo olhar e, quando juntas, realizam obras inimagináveis aos olhos terranos. Sim, elas podem parar uma guerra sem engatilhar uma arma ou mesmo soltar uma bomba. Elas podem, simplesmente, se unirem e movimentar as forças para que a guerra pare. Deus Pai/Mãe confia a elas o poder da Unificação. Portanto, querida Sacerdotisa que lê e se afina com essa energia de chamado, saiba: você é uma representante direta da Paz neste planeta. Por você não pode vir nenhuma violência. Por você, somente a paz e a sabedoria. É assim que você é, e é para isso que veio.

O Plêiades 1 solicitou a criação de um espaço abrangente no Portal Sementes das Estrelas para que todos aqueles e aquelas sintonizados com essa energia entrem em contato. Aqueles ou aquelas que chegam agora devem respeitar as “mais velhas” no agrupamento, seguindo suas orientações, a fim de seguirem com os trabalhos de ancoramento. Aquela que criou o grupo fica, desde já, como sendo a primeira reverberante, seguida pela segunda, terceira, e assim por diante. Nisso, a(s) primeira(s) lidera(m), mas em um nível superior todas estão na mesma sintonia e numa posição de liderança.

Unam-se em Amor.

É até onde recebo em informações.

Sacerdotisa Maria: “Toda velha alma que há muito escolheu caminhar na luz, traz a sabedoria ancestral. Ela caminha, respira e vive pelo Amor Incondicional. A velha alma já aprendeu através de tortuosos caminhos, a virtude contida na humildade, na contemplação, na fé, no amor e no perdão. Sacerdotisas dos velhos tempos retornam em seu pleno vigor à Gaia. Através de seus diferentes poderes, ajudam a sanar as eras de dores que a humanidade e esse lindo planeta sofreram e ainda sofrem. Trazemos de volta ao planeta a Sagrada Energia Feminina. Despertem, velhas almas do amor, da paz e da luz! Despertem nobres almas ILUMINADAS, que caminharam sobre esse planeta, curando, abençoando, apaziguando e envolvendo tudo com seus véus, mãos e o sorriso da luz! Eu Sou Sacerdotisa Maria e muitas outras já se dedicam diariamente comigo ao Serviço da Luz. Cada uma com seus nobres e antigos dons.

Gratidão. Salom-Abi-Aya”.

IMPORTANTE: Informamos que o Grupo no Facebook e e-mail de recepção das novas Sacerdotisas dos Velhos Tempos estão disponibilizados no Blog Sementes das Estrelas, neste Link

Postagem feita no Blog sobre as Sacerdotisas dos Velhos Tempos com informações extras: Aqui ou Aqui.

SdE = Sementes das Estrelas.

SARAZIT-AZIL-PANEN = Informações no link.

SEEDREAACK 0I (ZERO I) – (GABRIEL RL) = Vide “ZERO i” na letra “Z”. = É um Ser Magnético, de Amor Transbordante e Universal. Veio de um Universo Magnético ainda não conhecido pelos Terranos. Seu nome SeeDreaack 0i (Zero i) é um código celeste: 0 = Unidade dentro do Comando. i = Representa energia expansora. Representante da energia primária da Criação. Energia Ação – Força primária Azul da Legião de Mikhael. Especialmente “Zero i” – quando seu nome somente ao ser verbalizado nos planos astrais inferiores e na superfície, desintegra correntes negativas. O código também o identifica nos multiversos. “Zero i, este ser Magnético, recebeu recentemente uma atualização no seu campo de energia, sendo conhecida como TAU (TRANSMISSOR DO AMOR UNIVERSAL). Passou 170 (cento e setenta) dias terranos recebendo descargas energéticas diretas do seu Universo Magnético, o que o permitiu atualizar-se na superfície terrana e passar a ser um dos transmissores diretos dessa energia Magnética do seu Universo Magnético.

Teve passagem no universo local pelas Plêiades, Cocheiro (Auriga), Sirius e outros sistemas ainda não conhecidos pelos Terranos. Teve grande influência na criação da Terra. Ajudou no que pode no projeto Terra. Encarnou em vários pontos do Planeta Terrano. No Egito, por exemplo, quando recebeu de Deus a oportunidade de liderar um povo de uma determinada Dinastia. Ao que tudo indica – Amenófis III.

Esteve em grandes batalhas terranas: foi um guerreiro Medjai; esteve em Esparta (Grécia); também foi líder de um exército que tentou salvar Jerusalém da destruição; em seguida, nos planos astrais terranos, ajudou na proteção do Santo Graal; também esteve ao lado de Alan Kardec. E, mais recentemente, como um general que tentou barrar Hitler.

No Universo Local atual, habitualmente reside numa grande Nave Mãe. Nesse momento, trabalha simultaneamente em três pontos: Plano Terrano, Plano Astral e na Nave Mãe. Atua agora como sendo uma janela no plano físico terrano para essa energia que vem diretamente do Universo Magnético, de onde sua essência pertence. Nisso, abriu-se para um maior contato com os reinos da natureza terrana, água, fogo, terra e ar, em razão dessa atualização.

É um ser muito amoroso e humilde. Não aceita elogios com facilidade e, quando aceita, serena na alma porque sabe que é apenas mais um a servir a Luz. O seu magnetismo amoroso é como um poderoso atrator: consegue atrair muitos à sua volta, devido à intensa atração positiva que seu coração exerce.

É um ser detentor de grandes segredos universais e, em muitas de suas vidas, sofreu nas mãos das trevas por tentarem arrancar dele códigos poderosos, os quais ele deu a vida muitas vezes, para honrar as altas esferas. É também um guardião interestelar protegendo os portais e buracos de minhocas de entrada de entidades negativas em determinados universos. Recentemente barrou um imenso exército draconiano de entrar num determinado universo… Em uma das suas personalidades universais, trabalha no Comando Ashtar e, em outra, é um Ancião Conselheiro, onde inspira as pessoas a terem Fé.

Pertencente também à Mônada daquele que na Terra foi conhecido como São Francisco de Assis e, com muito Amor, se colocou à disposição desse amoroso ser para servir e ajudar no que for possível à iluminação dos Terranos, mostrando-lhes o poder da Fé e incitando a inspiração divina no coração de cada Terrano.

Desta vez, foi chamado pelo príncipe Mikhael a reunir milhares de Sementes Estelares na superfície Terrana. É um dos muitos mostradores do caminho que vieram a Terra a serviço da Luz e ao chamado de Mikhael. Quando nas zonas espirituais, em uma grande reunião de milhares de agrupamentos universais que estavam prontos para vir à zona Terrana, foi de forma unânime, escolhido dentro do seu agrupamento como sendo aquele que, quando encarnado, iria ajudá-los a lembrar de quem eles eram. Muito emocionado, ajoelhou-se na frente de todos (neste momento, estava em sua roupagem de ancião…), e chorou. Aqueles que estavam no salão viram gotas de Luz cair dos seus olhos celestes e essas Gotas de Luz foram vistas cair na Terra. Foi aplaudido pelo seu agrupamento e, em seguida, ele levantou-se e foi a cada um dos que ali estavam, um por um, e beijou-os na testa dizendo “Que assim seja!”

É um ser extremamente sensível às energias. Próximo a ele, é necessário que se mantenha a mais alta vibração possível porque ele consegue captar qualquer fração negativa e isso, de alguma maneira, quando no plano Terrano, acaba por deixá-lo triste. Ele não se considera melhor que nenhum outro ser, mas deseja mostrar com todo coração o que cada ser representa na criação. Quando muito feliz, estremece as trevas e as dissipa rapidamente. Quando triste, parece-se como um dia de sol lindo que, de repente, é encoberto por densas nuvens escuras, e todos à sua volta sentem a intensa mudança de energia.

Nenhum ser que esteja fora de um alinhamento amoroso consegue permanecer muito tempo perto dele, a menos que entre na mesma sintonia. A radiação emitida é tão tremenda que, ou o ser entra na mesma sintonia ou se afasta, por não suportar a vibração. E, da mesma forma, pode ser tão simples que confunde-se com as flores do campo, especialmente Zantedeschia aethiopica.”

Está rodeado de um exército de Luz que se colocou disposto a ajudá-lo no trabalho de reunir as sementes. Tem ligação direta com Mikhael, sendo um dos seus raios no plano físico terrano. Também é um dos raios daquele que no plano terrano foi chamado de Akhenaton. Atualmente também trabalha na energia da Mestra Ascensionada Rowena e Mestra Nada. Tem a proteção constante também e orientação do Arcanjo Gabriel, que o inspira na seleção dos materiais que irão ao ar no seu site Sementes das Estrelas. Atualmente é um dos canais do porta voz da Federação Galáctica, SaLuSa de Sirius. Tem sua chama encarnada atualmente no plano físico.

Devido a sua natureza, não gostaria de expor essas informações, mas cedeu ao pedido da sua equipe em Terra e do P1. Como já mencionado, é um dos muitos Mostradores do Caminho na superfície terrana. O seu agrupamento total tem cerca de 100 (cem) milhões de almas, nisso, cerca de 55% dessas almas estão na superfície terrana e as demais estão nas zonas astrais, tanto inferiores como superiores, e nas naves em volta do Planeta. As almas mais próximas a ele, as que entenderam rapidamente seu chamado de despertar, são aquelas que o ajudam a despertar as demais do mesmo agrupamento. É um ser muito simples no olhar, mas estremece qualquer um quando empoderado na Luz que traz do seu Universo Magnético.

Está sempre em constante atualização, podendo estar conversando com algum Terrano e, por alguns segundos, levar seu olhar ao horizonte… Nestes momentos, está trabalhando em um dos outros dois planos: Astral ou Nave Mãe.

Foi chamado também pelo Plêiades 1, graças à seriedade com que conduz seu trabalho no plano físico, e graças à simplicidade em seu coração que mantém a energia ancorada, possibilitando a entrada de mais Luz – no caso, o P1.

SELUS-KU-MA-RA = Ser de Vênus, especialista em Telepatia.

SENTINELAS = Seres de Luz que observam cada passo das entidades das trevas. Todos seus planos são de conhecimento deles. Nenhum deles consegue um esconderijo sem que os Sentinelas saibam seu paradeiro, nem falam nem pensam nada, que não seja sabido pelos Sentinelas. Nisso, as forças da Luz estão sempre um passo ou mais à frente.

SETOR 66STIL = Setor no astral inferior do plano terrano e bases/naves onde se realizam manipulações de energias, experimentos e tentativas de induzir o comportamento negativo terrano através de ondas infrassônicas e ultrassônicas. Essa base negativa é uma das responsáveis por tentar desestabilizar os campos emocionais dos terranos, sempre tentando induzir a irritabilidade e estresse constantes.

Também é uma das responsáveis pelos ataques escalares de alta voltagem, especialmente a Trabalhadores e Guerreiros da Luz. Este setor é, digamos, uma extensão do outro setor conhecido como Infrassom C3, que atua especificamente na Zona T. O Setor 66Stil é como se fosse a base superior deste tipo de atuação e o Infrassom C3 está subordinado aos seus comandos centrais. 66Stil é comandado por um “ar” que por sua vez é subordinado ao comando ashoris3.

Uma massiva intensiva das Forças da Luz neste local está acontecendo neste momento e IUD-IL e afins estão convocados para o desmantelamento completo deste Setor. Existem guerreiros répteis nas imediações destas bases extremamente violentos, não por acaso, também estão sob influência do 66Stil.

Esta base também é responsável por criar os “super soldados” tanto répteis como terranos para seus fins particulares. Algumas agências secretas no plano terrano têm completo conhecimento dessas bases, tanto que, também no plano físico terrano existem representantes físicos de 66Stil: Adolfo Nicolas, Joseph Ratzinger, Hans Peter Kolvenbach (Hans é o cérebro por trás do 11 de setembro – torres gêmeas – bem como ataques de falsa bandeira 11 de março – Fukushima – e a principal força de engenharia por trás do conflito da Síria. Convenientemente, vive no Líbano, muito perto da fronteira Síria). Josef Stalin e Adolf Hitler também eram uns dos representantes do 66Stil.

Obviamente, há outros representantes, mas todos eles já sabem que seu tempo de dominação está chegando ao fim. Senhor IUD-IL, a você está sendo entregue o movimentar dessa energia dentro do agrupamento PVSE, juntando-se com todos os afins para o desmantelamento completo dessa rede.

SETOR 9 = Sistema Financeiro. 

SETOR GATE B12 (OU SETOR B12, ou similar) = É uma espécie de entrada de forças negativas no planeta. Como um portal negativo, similar ao Portal do Congo mencionado pelo COBRA. (Vide: Aqui ou Aqui e Aqui).

SETOR S3T = Setor no astral inferior onde cientistas loucos/negativos desenvolvem (ou tentam desenvolver) nanotecnologia com fins negativos, para enviar à superfície,  aqueles que se afinam com ideias maquiavélicas. Este setor também se estende para além da tecnologia, havendo espaços onde existe tentativa de seres negativos de criarem micro-organismos que venham a infectar de maneira hiper-prejudicial os corpos biológicos dos Terranos, assim como os da Fauna.

SETORES 0B9 E 0B10 = São pontos no astral superior Terrano onde as forças da Luz trabalham. Lá tem áreas como se fossem bases, onde as naves das Forças da Luz pousam. Esses setores, especificamente, são como zonas de embarque e desembarque em massa.

SETORES B19 e 20/1 = Setores etéricos do astral inferior que fazem experiências genéticas negativas, tais como clonagens, violação do DNA Original, experiências de mesclagens e semelhantes.

SHENION, O ANALISTA = Integrante do corpo Siriano que atua na 6ª, 7ª e 8ª – que é composto de seres altamente desenvolvidos psicologicamente e de alta capacidade de concentração. Sendo analista técnico de micro-organismos biológicos e nanotecnologia, é um especialista nessa área. Criou, junto ao seu agrupamento, uma tecnologia que é usada em muitas naves-mãe e em sistemas de mundos: tecnologia de análise e limpeza micro-orgânica e nanotecnologia negativas. Esse sistema tecnológico é feito em uma espécie de tubo por onde passam aqueles seres que precisam descer a determinadas áreas mais “contaminadas”. Ali os seres são analisados pelo sistema criado pelo Analista e seu agrupamento e, na análise, Shenion verifica concentradamente cada minúscula parte do ser e consegue perceber um único ponto “fora do lugar” ou desarmônico.

Shenion tem passagem em vários sistemas locais, especialmente na Galáxia da conhecida como Via Láctea. Esteve também em Órion, quando desenvolveu junto ao seu agrupamento um sistema nanotecnólogo capaz de paralisar ações de entidades negativas, que atuavam ferozmente naquela região. Não com o objetivo de tirarem o seu livre-arbítrio, mas para impedir ações extremamente negativas. Esteve junto aos Pleiadianos, onde também tem passagem. Habita nesse aglomerado, uma alma muito amada que o aguarda com muito amor. Ele foi um dos responsáveis por criar a tecnologia chamada “Stardust”.

Em uma expressão humanoide é bem alto e tem cerca de 3 metros de altura, corpo magro, olhos grandes e verdes. Existe uma luz no meio da sua testa, na altura do terceiro olho. Esta luz, vista normalmente, parece uma pequena bola de luz ou um pequeno sol branco, um farol, que fica aproximadamente a um centímetro afastado da sua testa e, mesmo não estando ligado ao corpo, se move simultaneamente com ele, acompanhando seus movimentos. Para ficar bem compreendido, a luz não está colada ao corpo; simplesmente flutua na altura da testa, mas se move junto com ele. Uma imagem que poderia retratar bem, seria um capacete de mineiro, que tem uma luz bem na altura da testa. Ele a usa como uma lanterna ou como um holofote. Quando Shenion analisa algum dado, micro-organismos, nanotecnologia, ou simplesmente está concentrado em alguma coisa, esta luz fica maior, maior e maior, de acordo com sua concentração. Em umas das suas roupagens, ele também é um Insectoide da Luz, com uma intensa radiação de cor verde, que pode atuar na 5ª e 4ª dimensões.

Um ser adorável, extremamente empata, é um gênio na área de micro-organismos biológicos e nanotecnologia. Criou junto ao seu agrupamento um sistema de proteção para planetas, “forrando/cobrindo” o planeta inteiro com a tecnologia de proteção contra micro-organismos perigosos para determinados corpos e ecos sistemas, assim como contra nanotecnologia negativa. Estas que, na maioria das vezes, têm a intenção de controlar o cérebro das pessoas e/ou causar morte repentina. Quanto à empatia, foi revelado que Shenion consegue sentir cada micro-organismo, assim como cada nanotecnologia. Digamos que ele consegue também sentir o que “um computador sente”.

É um exímio analista de dados cósmicos, onde sua expressão mais elevada atua com o Plêiades 1, assim como Capitão Dhodi (O Patrulheiro do Porto). Ele aperfeiçoou-se nesta área junto aos Arcturianos. Em diversos momentos de aprendizado, conheceu vários integrantes que atualmente estão encarnados no plano Terrano, Capitão Dhodi, Atruz-zzz, Cinti – A Fada Contadora de Histórias, O Portador do Manto, Alfeus… Teve a oportunidade de conhecer Oi (Zero i) em um evento cósmico no Sistema Estelar das Plêiades, ocasião em que comemoraram um salto quântico naquele aglomerado.

Noutra ocasião, em trabalhos com IUD-IL, O Analista “testava” determinadas criações do senhor IUD-IL. Shenion e IUD-IL são amigos estelares muito próximos. Nessa ocasião, em conjunto com o Agrupamento Analista e os seres da Galáxia Azul, estava sendo criada nano-tecnologicamente uma microbactéria capaz de melhorar a visão física de um determinado setor da galáxia Via Láctica, onde quase todos os habitantes haviam sido infectados por uma bactéria que afetava os olhos. Esse fato aconteceu em uma determinada região de Sistemas de Mundo, localizado em Ursa Maior.

Esteve em outros trabalhos com IUD-IL analisando um meio de terminar uma infecção micro-orgânica e nanotecnológica que afetou um determinado sistema de mundos inteiros, com certa de 29 planetas, quase levando o sistema inteiramente à extinção biológica. Isso foi uma tentativa falha de exterminar aquele setor, que partiu de um grupo de seres ainda não conhecidos pelos Terranos.

Está sendo chamado pelo Plêiades 1 a incorporar sua energia analista para analisar as energias em volta do planeta e chamando o seu agrupamento para criarem sistemas de proteção micro-orgânica e nanotecnologia para a nova fase Terrana que se iniciou em 21.12.2012. Chamado a invocar as forças da Natureza, onde também tem grande afinidade, para que juntos, criem o melhor ambiente para vida física no plano Terrano, livre de micro-organismos prejudiciais e nanotecnologia prejudicial. Chamado também a somar forças com os seres da Galáxia Azul para formarem a grade protetora em volta do sistema Terrano. Chamado a ir nas zonas astrais inferiores Terrana para resgatar cerca de 29 mil seres de Origem Insectoide da Luz que há mais de 1 milhão de anos encarnaram no planeta, e não mais conseguiram sair da densidade Terrana.

Ele é assistido diretamente pelas legiões do Arcanjo Miguel e pelos Pretos Velhos de Luz, especialmente os Angolanos, que têm grande interesse em ajudar na sua missão, por um motivo ainda não revelado. Chamado a puxar essas forças e seguir sua missão com seu agrupamento no Plano Físico e Astral Terrano.

Foi até onde Jesus me permitiu ver.

SHONAR, O ASTRÔNOMO = Integrante da Equipe Sementes das Estrelas. Não tenho autorização para mencionar seu nome linear. É um ser magnífico, de uma energia indescritível. É um viajante intergaláctico. Viaja entre Sistemas de Mundos levando a sua energia leve e curadora. É um ser magnético por natureza e atrai todos para sua volta, quando está por perto. Encarnou na época do Cristo e esteve entre seus discípulos. Foi um dos que ouviu quando o Mestre Crístico disse “Curai enfermos, purificai leprosos, ressuscitai mortos, expulsai demônios. Alegrai-vos, pois eu estarei convosco!” – E assim o fez, e vem fazendo.

É um ser angélico que tem ligação direta com o amado Arcanjo Rafael e com a Mãe Divina, sendo uma belíssima ponte para essas energias na superfície Terrana e em qualquer sistema de mundos que for. Pode, a nível mental, ver qualquer Sistema Estelar que desejar, apenas fechando os olhos e intencionando. Tem uma conexão profunda com aqueles que, na superfície Terrana, foram conhecidos como “Os Maias”. Foi um daqueles inspiradores das Sete Profecias Maias. É um astrônomo sideral.

É também um Mestre Organizador de Aglomerados Estelares. Em sua mais alta expressão, junto ao seu agrupamento monádico, é aquele que ativa as Supernovas e é aquele que acompanha o “nascimento e morte” de uma estrela, ficando ali do seu lado. Ele e seu agrupamento supervisionam esses eventos celestes a fim de manter a harmonia e direcionar as forças geradas nas Supernovas. E, após os grandes picos energéticos das estrelas, ajudam na sua reorganização. Ele regula até onde o brilho de uma Supernova pode ir e, com seu agrupamento monádico, suaviza a explosão. Ajuda no processo de desfragmentação material gerado pelas Supernovas.

Na década de 90, as forças das trevas estavam tentando explodir o nosso Sol Local. Isso foi impedido pela ação do seu Eu Superior e agrupamento monádico, em conjunto com as forças galácticas da Luz que supervisionam o sistema Solar Local.

Há bilhões de anos atrás, em um evento não necessariamente natural, um grupo de consciências de baixa vibração (semelhantes aos Sith, de Star Wars), decidiu ir até um Sistema de Mundos e ali fazer experimentos. Naquele sistema, havia três grandes sois, exatamente do mesmo tamanho e esses seres desejaram explodir esses sois e absorver tecnologicamente a energia gerada pelas Supernovas. Iniciaram o processo injetando uma quantidade incalculável de energia plásmica no núcleo das estrelas e outros meios. (Estes, apesar de receber a informação em minha tela mental, não consigo descrever linearmente.) Automaticamente, o Aglomerado de Planetas em volta das estrelas começou a sentir os efeitos, e muitos dos habitantes destes mundos tiveram de deixar seus lares rapidamente antes das explosões que iriam, naturalmente, engolir todos os planetas daquele aglomerado. Os Shonar sentiram em seus seres a variação de energia no universo. Como eles sempre sabem, a nível interno, quando eventos celestes vão acontecer naturalmente, “estranharam”, pois não tinha nada previsto nas suas “agendas”, não havia nenhuma explosão solar natural prevista. Ou, coisa pior: aconteceriam três explosões que formariam uma híper-supernova desequilibrando todo um sistema, e além. Imediatamente se deslocaram até o local e, quando as estrelas estavam a ponto de entrarem em Supernovas, tecnologicamente reverteram o processo, deixando “Os Sith” bem aborrecidos. Eles não puderam revidar porque, além dos exércitos dos Shonar, chegou também uma imensa frota Arcturiana a dar suporte aos Shonar. Todo o processo foi desfeito e os habitantes dos Aglomerados de Mundos em volta das estrelas puderam voltar aos seus lares.

Está sendo chamado pelo Plêiades 1 para desfragmentar as mentes Terranas, trazendo-as de volta ao equilíbrio e harmonia. Sua presença, onde quer que vá, é fundamental para a harmonização do ambiente. Ele é como um centro de força, como um imenso Sol que atrai magneticamente todas as coisas para sua órbita amorosa. Está sendo chamado para curar o que para muitos parece incurável, graças à sua conexão com o Arcanjo Rafael. Está também sendo chamado para irradiar nos corações Terranos o Amor da Mãe Divina, pois, como ponte que é, pode fazer isso apenas olhando nos olhos dos seres, sem dizer uma palavra. Tem um forte magnetismo em todo corpo, podendo tocar e dar choque nas pessoas, choques magnéticos, descargas curadoras e é para isso, também, que está sendo chamado: para que através do toque amoroso, desfragmente o ser, colocando-o de volta no alinhamento Divino e em plena paz, brilhante como uma Supernova, e harmônico como um Sistema de Mundos Girando em Torno de Sois.

SIACLE = Ancião Mestre do Tempo. Ser da Galáxia de Andrômeda.

SILANIS VEUSTUS-AMORATIS, A CHAMA DA CONTEMPLAÇÃO = É um Ser que veio de um sistema ainda não conhecido pelos Terranos. De natureza Céltica, passou por vários outros sistemas, Plêiades, Sirius e, antes da sua chegada ao Plano Terrano, esteve entre os Kumaras, em Vênus. Chegou na Terra há milhares de anos. É um ser que trabalha diretamente com os Elohim.

Durante suas muitas vidas na Terra, usou seu poder de contemplação para recriar áreas devastadas pela guerra, peste e terror. Contemplava em Amor tudo o que via e, mentalmente, recriava aqueles espaços. Fazia descer ali uma magia que vinha direta dos Elohim e, rapidamente, essas áreas começavam a tomar ares de paz, saúde e Amor. Nunca via nada que não fosse o Amor de Deus em todas as coisas, e nesta contemplação, criava automaticamente apenas a perfeição e Amor, onde não houvessem. Detém o poder da criação benevolente e tem facilidade em obter a energia das Flores.

Em uma das ocasiões, no Plano Físico Terrano, esteve entre as Clarissas, quando foi muito próxima daquela conhecida como Clara de Assis. Clara, a Santa Católica, Alma Gêmea de Francisco de Assis, a tem como muito querida e está, a todo instante, projetando a energia do Amor sobre ela, irradiando o mais suave perfume do Amor da Chama Rosa. Encarnou também na época do Cristo, sendo muito próxima daquela conhecida como Madalena. Viu, de muito perto, a Crucificação e o desencarne daquele Ser Amável. Chorou e daquele momento em diante, prometeu a si mesma que levaria aonde fosse a mensagem dEle, como se fosse sua.

Os sistemas de mundos de onde veio são belíssimos, sendo todos eles cobertos de lindas flores miúdas e muitas delas, de várias espécies, foram trazidas ao plano físico Terrano por seu agrupamento, há bilhões de anos. Ouvia-se o agrupamento “Chama da Contemplação” dizer… “Levaremos o que temos, para aquele mundo onde nasceremos. Ensinaremos e amaremos, é o que temos e é o que podemos fazer”. Via-se, pelo universo afora, uma estrada de Flores por ondes as Chamas passavam, deixando um rastro de flores pelo caminho. Ouvia-se as Harpas dos Anjos tocarem e o Elohim Vista na frente, abrindo caminho. É uma das cenas mais lindas dos Akáshicos da Galáxia e, um dia, ela, a amada Silanis Veustus-Amoratis, poderá reviver. A propósito, seu nome quer dizer “A Flor que desce do Universo.”

Existem alguns membros do seu agrupamento encarnados na superfície Terrana, tanto de aspecto masculino como feminino, e alguns já a encontraram e se reconheceram. Um deles é aquela conhecida como Snatam Kaur. O outro ser pertencente a este agrupamento é aquela conhecida como Deva Premal, e outra, como Enya. Entre os aspectos masculinos que também representam essa força, um ficou conhecido como Michael Jackson. Outro aspecto masculino é aquele conhecido como Emmanuel Dagher. Zero i não é um representante direto dessa força, mas é um dos seus guardiões. Assumiu também a missão de proteger esse agrupamento na superfície Terrana.

É um ser manso e que está sendo chamado pelo Plêiades a olhar para as áreas onde há guerra, peste e terror e ali lançar sua magia. Tem conexão direta com o Elohim Vista e pode, facilmente, transmutar qualquer corrente negativa, em qualquer ambiente. O Elohim sempre aguarda ser chamado para o trabalho em conjunto.

Está sendo chamada também para olhar especialmente para Zona T, e irradiar ali todo Amor do coração. Naquela região existem seres do seu agrupamento que estão imersos e perdidos e necessitam urgentemente de ajuda. O Arcanjo Samuel também se coloca à disposição para as projeções amorosas, sempre que for chamado, assim como o Arcanjo Mikhael com sua espada de Luz Azul. Zero i, também nesta ocasião, é chamado a entrar com seu escudo de Luz Azul como protetor, para que as Chamas da Contemplação adentrem as zonas astrais da Zona T e desintegrem as correntes negativas ali presentes. Está sendo chamada também, junto ao seu agrupamento, para reativar o Vórtex da Deusa naquela região e erradicar, para sempre, as forças das trevas daquela zona.

Foi até onde Jesus me permitiu ver.

SILVESTRA, A SACERDOTISA LUNAR E GUERREIRA MULTIDIMENSIONAL = É uma alma muito iluminada e de uma força gigantesca. É uma viajante estelar e anda pelos sistemas com uma corte de sacerdotisas poderosas, cada uma delas carregando uma lança de Luz que mais parecem lanças feitas de diamantes. Esteve por muito tempo nas Plêiades, também em Sirius A e B. É uma das sustentadoras da energia da Deusa, neste momento, na superfície planetária, e sua conexão com as energias Lunares a mantém em profunda sintonia com a Deusa, especialmente nas fases de Lua Cheia e Lua Nova. Tem profunda ligação energética com Capália, a Formosa Lunar e deve se juntar a ela, em trabalhos de ancoramentos.

Esteve encarnada em vários pontos do planeta e sempre em grande conexão, também com a Deusa da Prosperidade. Certa vez, quando assumia uma posição influente na França, abdicou de muito da sua riqueza para matar a fome e cuidar de doentes necessitados em uma determinada época. Juntou-se a eles, cuidou pessoalmente dos doentes e deu comida na boca de quantos precisassem. Esteve também encarnada próxima daquele conhecido como Jesus, e foi uma das suas ouvintes assíduas. Na ocasião, era esposa de um influente senador romano, e não aceitava muito a força do poder de Roma sobre o povo. Foi tocada profundamente pela mensagem de Jesus, mas ainda estava presa a um contexto o qual, de certa forma, a prendia e a impedia de seguir plenamente o Mestre. Não foi de corpo, mas foi de espírito. Sempre que podia se fazia presente quando o Mestre fazia suas pregações. Ia disfarçada, para que outros que a conheciam não a vissem e dissessem… “Olhem! É ela, a esposa do Senador…”

Esteve também no Egito Antigo, próxima à Akhenaton, e foi uma das disseminadoras da mensagem do Deus Único. Foi também uma das âncoras da energia da Deusa naquela região. Tem sua participação magnética na esfinge Sesheps. Encarnou várias vezes no Brasil e América do Norte, sempre dotada de muito poder e influência. Também esteve presente na Grécia, ao lado de Pítia, no templo de Apolo, em Delfos. Quando em Delfos, Pítia (a Sacerdotisa Chefe), escolhia jovens cujos maridos estavam nas guerras, para auxiliá-la em sua missão. Eram as Yuricys – Flores do Campo, na linguagem indígena – que socorriam famílias desgarradas de suas tribos, e os combatentes nas planícies macedônicas e peloponenses. Silvestra, era uma dessas que auxiliavam Pítia diretamente, sendo uma das suas de maior confiança. Não por acaso, também esteve ao lado de Cleópatra, a Rainha do Egito, que é o mesmo espírito que animou a personalidade de Pítia.

Esteve também na era de Ouro da Antiga Atlântida e Lemúria, com grandes interações magnéticas com os Pleiadianos. Na ocasião de sua passagem pela Lemúria, viajava constantemente com os Pleiadianos, da Lemúria para as Plêiades, em missões especiais. Viu com grande tristeza o “fim” desses continentes e prometeu às forças celestes que estaria presente no plano Terrano até o retorno desses continentes. Ao que se sabe, eles emergirão completamente outra vez. Havaí e Ilha de Páscoa são seus pontos de Força no Planeta, seguidos pela Bahia, no Brasil, e Sedona, Arizona, nos Estados Unidos. Ela pode, por meio de meditação, trazer a energia dos seus pontos de força para onde seu corpo físico está atualmente, a cidade ou casa onde resida, e fazer ali também um ponto de força. Não se pode deixar de mencionar que, quando na Lemúria, fez parte de uma Irmandade chamada “A IRMANDADE DO CRISTAL ROSA”, que está, novamente na superfície terrana, interagindo e movimentando as forças deste agrupamento especial. É a responsável direta pela sustentação dessa energia na superfície terrana. Árcade, o Mestre Lemuriano que esteve presente junto a ela está ajudando-a nessa sustentação.

É uma alma guerreira e defensora da Verdade e da Honra. Não por acaso, também poder-se-ia chamá-la de Hipólita, a Rainha das Amazonas… É também chamada de Guerreira Multidimensional, por sua força entre as dimensões. Ela vai com sua corte de Sacerdotisas entrando nos vales negros como se fosse um trovão, arrastando as correntes negativas para a Luz, rapidamente. Quando ela entra nessas áreas, as entidades negativas correm desesperadas procurando “abrigo” porque sabem que ela movimentará uma força tão grande, como se fosse um Tornado de Luz, que as arrastará para dentro dele. Esse tornado tem a função de desintegrar correntes negativas. No caso dessas entidades, elas ficam lá dentro como se “sendo liquidificadas” e saem brilhantes como o Sol! É um trabalho belíssimo, e poucos seres conseguem descer às zonas mais densas como Silvestra.

Em sua expressão mais elevada, é um ser magnético vindo do universo magnético, chamado Quadril 5. Tem grande integração magnética com aqueles conhecidos como Lee Carroll, Zero i e IUD-IL e, obviamente, aquele ser chamado de Kryon. A sua força multidimensional ainda está por ser sentida completamente, à medida que ancora toda sua herança transcendental em sua personalidade atual, na superfície planetária.  A Deusa olha por ela e está a todo instante inspirando-a a ajudar tantos quanto possível, como nos velhos tempos. A maioria daqueles, atualmente à sua volta no plano físico terrano, faz parte da sua história, especialmente quando esteve em Delfos.

Está sendo chamada pelo Plêiades 1 a incorporar definitivamente a força da Sacerdotisa Lunar e Guerreira Multidimensional. Chamada a ancorar definitivamente na superfície terrana a força da IRMANDADE DO CRISTAL ROSA. Chamada a reunir todas as suas “amazonas” e Sacerdotisas de Luz para continuarem o trabalho na superfície terrana e astral do planeta. Chamada a invocar os Pleiadianos para que possa continuar os trabalhos e missões especiais pelo cosmos, agora completamente consciente na superfície terrana de quem é, e o que representa. Chamada a ir às zonas do astral inferior, movimentar seu tornado de Luz e lapidar as almas embrutecidas pelo ódio e rancor. Ela tem uma energia especial que dissipa o rancor e o ódio facilmente. Chamada a manter a simplicidade para que mais energias lhes sejam entregues, para que possa incorporar 100% o seu EU MULTIDIMENSIONAL. É constantemente assistida por aquela conhecida como Pítia e por aquele conhecido como Akhenaton. O Deus Apolo a honra e a saúda projetando suas energias para ela, em todas as suas encarnações. A Deusa da Fortuna está sempre a orientá-la em seus caminhos e pede que ela se mantenha amorosa e humilde, para que continue a prosperar e levar a prosperidade a todos aqueles que a cercam.

Silvestra, este é o seu lema: EU SOU A LIBERDADE, JUSTIÇA, PROSPERIDADE E FORÇA DAQUELES OS QUAIS EU REPRESENTO!

É até onde Jesus me permite ver.

SISTEMA AVENOT = É um sistema de transferência de dados MiD. Um tipo de sistema de segurança para comunicação entre eles por VoIP e Satélite. As Forças da Luz infiltradas nas agências secretas têm hackeado todos esses sistemas para garantir que sempre estejamos cientes dos planos MiD. Quanto mais esses sistemas são hackeados, mais informação acerca das tramas negativas MiD é lançada Internet, a princípio, na mídia alternativa.

SISTEMA LOCAL = Sistema solar onde está a Terra.

SOL LOCAL = Sol do nosso sistema solar.

SOL NASCENTE = Japão e toda região…

SONILA-VA, A GUIA DE MEMÓRIAS = É um ser muito amoroso vindo do aglomerado das Plêiades. Passou por vários sistemas, Sírius, Arcturos, Andrômeda e algumas galáxias ainda não conhecidas dos Terranos. Quando no aglomerado, pleiadiano, tem uma roupagem de cerca de dois metros e meio de altura, magra, membros delicados e olhos grandes, em um azul safira brilhante. Tem a pele, razoavelmente, em tom creme, entre branco e amarelado. Veste um macacão bem colado, também no mesmo tom. Tem um lindo cristal branco na testa, que a ajuda a se conectar com outros seres.

É uma Guia de Memórias… Ela, quando solicitada, muito amorosamente direciona as memórias dos seres para os devidos lugares. Tem o poder de desintegrar as memórias dolorosas e que não são mais necessárias no caminho de algum ser. Costuma desintegrar memórias implantadas por seres malévolos, os quais tem o intuito de realmente violar o livre arbítrio e atrapalhar o caminho do ser. Alguns desses seres malévolos criam falsas memórias e as implantam, (quando conseguem), em alguns seres. Por exemplo: implantam em alguém uma memória, uma lembrança de que eles foram abandonados pelo Criador, que o Criador em um determinado momento os desprezou. Eles, de acordo com o seu grau de consciência, ou não, aceitam essa memória e passam a sofrer com essa lembrança de rejeição.

Ela vai a muitos sistemas e em grandes assembleias. Ensina tudo o que pode sobre todas as nossas memórias armazenadas em nosso ser. Ela é como se fosse um super-mega-hiper computador e sempre que se conecta com um ser, armazena nela mesma as memórias do outro ser, e guarda como registro. Ela tem armazenada nela, memórias de trilhões de seres, senão, mais que isso. Ela usa essas memórias armazenadas para, de alguma forma, explicar determinadas coisas, quando em suas assembleias. Ela consegue materializar a memória nas suas mãos e mostrar a todos, mostrar detalhadamente o que cada memória energeticamente é, quais os tipos de energia têm na memória, o quão poderosa, importante, ou doentia ela pode ser, etc …  Vejo em suas mãos agora, em tela mental, ela, em uma assembleia, mostrando na sua mão uma memória de rejeição, e mais parece uma bola de pelos escura, dando uns pequenos espasmos e com pequenas explosões de energia negra. Na outra mão, ela mostra a memória de um Amor, que mais parece um sol rosa brilhante…

Muitos seres, especialmente aqueles que estão em experiências mais densas como a Terrana, por exemplo, guardam muitas memorias de sofrimento, tristezas, momentos infelizes, etc… E ela pode se aproximar e, com muito amor, ajudar o ser no processo de dissolução daquelas memórias, dando a elas um destino final, para que elas sejam dissolvidas na luz. Não é que o ser vá esquecer de alguma coisa, mas apenas ele não sofrerá mais a influência daquelas memórias, de maneira que venha a atrapalhar o seu caminho. Ela é uma espécie de Guia para as memórias, levando-as onde elas precisam ir e ficar. Ela, quando se conecta com o outro ser através do seu cristal de luz no meio da sua testa, consegue pegar as memórias “com as mãos” e dar direção a elas, de forma que elas não mais interfiram no processo evolutivo do ser, se assim tiver que ser. Sempre respeitando o livre arbítrio de cada ser.

Ela trabalha ajudando muitos seres que perderam suas memórias devido a determinados traumas. Ela consegue restaurar rapidamente. Está sempre nas salas de recuperação de seres que sofreram o trauma de uma explosão nuclear ou similar, e acabaram por perder suas memórias e fragmentos de alma. Ela consegue reunir/reorganizar tudo rapidamente com muito Amor. Está também muito presente nas prisões magnéticas, onde se concentram os seres ferozes que não tiram da cabeça a ideia de destruição. Ela desbloqueia tudo o que os impede de ver de onde vieram, (a Fonte). Mostra-lhes que são seres Divinos e Belos e podem deixar aquela vibração e subir para as mais elevadas, quando quiserem. Ela e seu agrupamento serão uma das forças que ajudarão na limpeza do corpo etérico da humanidade Terrana. Ela já fez esse tipo de restauração em outros sistemas, inclusive nas Plêiades, ajudando na restauração dos corpos etéricos pós-guerras galácticas.

Está sendo chamada pelo Plêiades 1, justamente para começar a ancorar completamente esse poder na superfície Terrana e nas zonas astrais. Cada ser GUIA DE MEMÓRIAS tem um agrupamento em volta de si de mais sete seres, que podem ser físicos (encarnados) ou espirituais. Eles só andam em sete. Então, está sendo chamada a sintonizar com os outros seis da sua corrente, e em seguida, com os outros sete de outra corrente, e assim por diante. Cada ser é como se fosse formado por sete. Um ser subdividido em sete. E quando conectados aos demais agrupamentos de sete, tornam-se tão poderosos, capazes de restaurar completamente não só sistemas locais, como o Sistema Solar, a Terra, mas como toda uma galáxia. Chamada a entoar a vibração “Iaa-aummmm – Iaa-aummmm – Iaa-aummm”, nisso, começa a ativar o cristal no meio da testa e a se conectar com os outros 6 fragmentos conscientes de si mesmo, e com os outros agrupamentos de sete.

Foi até onde Jesus me permitiu ver.

STARDUST 2 (ou STARDUST) = A Operação Stardust foi realizada pela Frota Pleiadiana a partir da órbita do planeta Terra. Stardust é o código para uma especial nanotecnologia avançada. Trata-se de um pó feito de nano-partículas que foram pulverizadas no interior dos corpos físicos dos membros da cabala e dos seus lacaios (pensem “chemtrails cósmicos”). Este nano pó não pode ser removido por qualquer tecnologia conhecida na Terra. A sua ativação tem duas fases. A primeira fase bloqueia imediatamente o sistema nervoso central e a pessoa não consegue mover-se. A segunda fase mata a pessoa. Serão ativados na altura do Evento para bloquear qualquer mal que a cabala tente fazer. Na grande maioria dos casos a ativação da Fase 1 será suficiente. O propósito da Operação Stardust é para anular os efeitos negativos do Doom33 que a cabala talvez queira usar, nessas alturas. Em combinação com a ação dos Militares Positivos será um xeque-mate no poder da cabala. (Para mais, vide Aqui).

STARGATE = Portal/Portão/Entrada/Saída.

T.SET OU TÚNEIS DE SET = Os Túneis de Set ou “T.Set” mencionados pelo Plêiades 1 são redes plasmáticas de implantes ligadas entre si e minadas com bombas strangelets e toplets. Essa rede de implantes foi lentamente construída ao longo de milhões de anos através deste quadrante da Galáxia por cientistas loucos do grupo chimera, que foram os mestres planejadores estratégicos do Complexo Militar orion/draco/reptiliano. (Vide Aqui ou Aqui)

Descobriu-se que a membrana da barreira exterior / Taquiônica é, até certo ponto, permeável à anomalia de plasma e, em certas condições, entidades negativas de plasma podem atravessar a membrana através dos Túneis de Set em ambas as direções, dentro e fora do Sistema Solar. O plasma fora do nosso Sistema Solar ainda não está completamente livre da anomalia primária, em particular, o filamento de plasma que se estende ao longo do braço de Orion. Em uma entrevista com Cobra foi perguntado sobre bases subterrâneas e também foi pedido explicações sobre os Túneis de Set, quando foram feitos, o que são, o quão profundos eles são e o que está acontece por lá. Cobra respondeu que os Túneis de Set não são Túneis físicos. Eles não são estruturas subterrâneas. Eles são estruturas sobre o plano de plasma, no nível quântico. Também foi perguntado se essas estruturas são parte da Rede do Campo Escalar Plasmático ou se são apenas parte da Rede arconte (nunca pronunciar este nome) em alta dimensão extraterrestre negativa, onde eles existem. Na resposta, COBRA explicou que isso faz parte da anomalia no plano de plasma e os T.Set são singularidades quânticas que contêm escuridão e isto está sendo limpo, agora. Está no processo de ser limpo, no momento.

TAU = Sigla de TRANSMISSOR DO AMOR UNIVERSAL, cognome dado a um ser que veio de um Universo Magnético chamado Quadril 5. É o mesmo universo de onde veio Kryon e IUD-IL. Na atual linha de tempo é conhecido como Zero i (SeeDreaack Zero i).

TRIANGULAÇÃO = Conforme explicação de Plêiades 1, refere-se ao posicionamento das 3 naves: Avalon, Nebadon e Jerusalém em volta do nosso Sol, para efetuar um disparo de Luz no Coração de Gaia (centro planetário), (para ampliar o Amor na superfície e nos planos etéricos). Com isso, alguns canais, na Terra, serão amplificados com esse disparo. Zero i é um deles, bem como todos aqueles que estão em volta dele.

VANULA – A FONTE DE POÇÕES = É um lindo Ser Estelar, viajante interestelar. Anda pelo Universo levando doçura e curando as almas nos mundos de baixa vibração com o toque das mãos e com a irradiação que é emitida no olhar. Está profundamente conectada ao Reino Dévico, sendo atendida a qualquer momento que solicitar uma “mão” da parte deles. Esteve também em experiências com os Sirianos, Pleiadianos e muito tempo em uma civilização ainda não conhecida dos Terranos. A sua história é tão grande, que não se pode contar tudo nas poucas linhas dessa cosmobiografia. Tem missão junto àquela conhecida como Maria, e é uma integrante do agrupamento Mariano.

Tem missão também de ir à espaços astrais e físicos densos e curar aqueles que ali estão, através do olhar. Tem a sabedoria milenar dos anciões curadores e detém, a nível interno, o conhecimento de todas as poções de cura do corpo, mente e espírito. Tem a habilidade inata de equilibrar todos os corpos e sintonizá-los na Luz. É a própria magia branca em movimento. Integra-se facilmente com todos os Seres da Natureza, graças à sua familiarização e, claro, esta adquirida quando esteve atuante neste Reino Dévico, em uma ocasião sendo uma fada curadora e noutra, sendo um Elfo que magnetizava ambientes com Luz através de movimentos corporais. Um desses movimentos é balançar o corpo para direita, para esquerda, para direita, para esquerda, assim aumentando a velocidade. Em seguida, vem para frente e para trás, para frente e para trás, e fazendo um movimento nas mãos que não se consegue descrever aqui. (Ao lerem estas informações, queridos do agrupamento Fonte de Poções, intuitivamente vocês captarão esses movimentos, ou mesmo a primeira do agrupamento, “Vanula”, poderá fazer um vídeo mostrando com as mãos quais são os movimentos).” Quando em sintonia com sua herança dévica, entra em profundo estado de contemplação e traz dali, toda energia que precisa.

Encarnou várias vezes no plano físico terrano. Esteve próxima daquele conhecido como Rei Artur. Noutra ocasião, foi muito amada por aquela conhecida como Joana d’Arc. Na época, Vanula, A Fonte de Poções, era conhecida como “A Louca de Paris”. Eis um trecho do Livro “Francisco de Assis – Miramez”, onde a querida Louca de Paris é mencionada:

“Para elucidar o nosso interesse nas coisas espirituais, vejamos o que de mais interessante sucedeu com Joana, bem como o fenômeno mais admirável que com ela ocorreu.

Pelas ruas de Paris perambulava uma mulher de certa presença, que viera de antigos mandatários, a quem o destino fez cair na mais dramática situação, como resgate cármico, para que pudesse destilar pelos canais da dor, o fel da consciência, acomodado por atos que invertem o ser humano, levando-o ao reino da bestialidade, confundindo-o com os próprios animais. Essa criatura tomou-se conhecida como a Louca de Paris, e era comum os estudantes rodearem-na em certos momentos, quando parecia que cessava a loucura, e a lucidez causava admiração nos que a ouviam. Roupas imundas, cabelos encrespados, olhos esgazeados, pés no chão; saíam de seus lábios, quando atacada, palavrões que o próprio ar se negava a conduzir aos ouvidos humanos. Na sua lucidez, asserenavam-se as suas feições, brilhavam os olhos e a filosofia fluía, articulada por palavras que os próprios filhos de Sócrates teriam dificuldade de assimilar. E quando algum caridoso tentava ampará-la, a fúria voltava de maneira a não dar mais lugar ao altruísmo do ouvinte.

Foi piorando muito, e já era incômoda sua presença nas ruas da Cidade Luz. Certa vez, por maltratar alguns inquisidores na sua fúria, expediu-se uma ordem para encarcerá-la na masmorra, onde se juntavam muitos condenados à forca e às fogueiras. Joana D’Arc, nesta época, estava presa em frente à cela da louca. Certa feita, a Virgem de Domremy é retirada para mais alguns dos intermináveis interrogatórios. A mulher, em um dos momentos de consciência, ao ver aquele quadro de desumanidade, enfureceu-se avançando nas grades, e explodindo em nomes de baixo calão, querendo defender a guerreira francesa. Os soldados, por ordem dos Inquisidores, abriram as grades da louca e empurraram Joana para dentro, dizendo:

‘Pede a ela que te cure, pois não cansa de dizer que fala com os Anjos!’ A mulher enfurecida acalmou-se, ajoelhou-se nos pés da heroína e pediu alívio, como mãe relegada aos entulhos da própria natureza, chorando como criança. Joana passou os olhos como raios em tomo da mulher e viu vultos negros que avançavam como vampiros, sugando tudo que fosse divino, nos divinos centros de força daquela criatura. Ordenou-lhes, então, em nome do Cristo e dos Santos que sua memória alcançou na hora, falando com energia. Acariciou a louca como se esta fosse uma criança em braços de mãe extremosa.

Beijou a fronte da companheira de angústias e dela se despediu, caminhando para o dever frente aos carrascos do poder temporal. A mulher caiu em profundo êxtase, como se Morfeu a levasse para o paraíso. Os soldados caíram em gargalhadas, tirando Joana, aos empurrões, da cela que acolhia a mulher marcada pelo destino.

Malgrado a zombaria deles, a louca nunca mais sofreu tais acessos, curada pela presença da Pastora de Domremy, e daí a alguns dias foi colocada em liberdade. Voltou a andar nas ruas mas, calada e triste, procurando sua protetora. Quando falava, era somente o necessário e, nessa altura, sua linguagem causava admiração nos que a ouviam, que logo perguntavam: – “Essa não é a louca? Ela foi curada? Por quem?” E alguém respondia do meio da turba: – “Foi Joana D’Arc quem expulsou os demônios que estavam com ela”.

A melancolia invadira seu ser. Andava sem parar, mansa e lúcida. Queria encontrar sua protetora e, como gratidão, oferecer-lhe a vida, pois não tinha outro meio de pagar-lhe o que fizera por ela. Descuidada, é colhida de supetão por uma carruagem que dobrava a esquina e jogada de encontro a outra que vinha em direção oposta. A mulher morreu sem alcançar seu desejo de, pelo menos, servir de escrava fiel à sua benfeitora. No entanto, como ninguém morre – apenas passa de uma dimensão para outra – ela continuou no mundo dos Espíritos procurando Joana D’Arc. Em uma manhã, viu um ajuntamento de gente em Rouen, uma fogueira lastreando suas línguas de fogo e uma mulher suspensa, olhos fitos nos céus e algumas lágrimas escorrendo em suas faces. A turba inconsciente, em gritos estentóricos, reclamava: ‘Queimem a feiticeira!… Queimem a bruxa!’ A ex-louca, ao deparar com aquele quadro quis avançar, fazendo grande esforço para salvar aquele Anjo; no entanto, algo a prendia, como chumbo atado aos seus pés. Em prantos, suplicou a Deus amparo ou forças para que pudesse mostrar sua gratidão a quem lhe devolvera a consciência e a própria vida. Uma luz fulgurante desceu dos céus em sua direção, libertando-a e esplendendo sobre Joana como jato luminoso.

Uma voz ressoou em sua mente inquieta: ‘Vá, seja grata àquele coração que pulsa para o Bem da Humanidade’.

Quando a mulher tomou a olhar a mártir já sumida nas largas labaredas, viu seu coração como um sol e, abraçando-o, beijou com todo amor o centro de vida de Joana D’Arc, e se entregou ao fogo inquisitorial como se doasse a vida para salvar o coração daquela mulher, que se propôs a salvar a França, que plantou a esperança em todos os que sofriam nas masmorras, preparando muitos com o seu exemplo de dignidade para o sacrifício em todos os atos de fé, da podridão inquisitorial.

Quando os carrascos foram recolher as cinzas da maior das hereges da França, encontraram o seu coração intacto; parecia que fora extraído do peito da Princesa de Domremy, a dizer: ‘O corpo é da Terra e nela fica; entretanto, o coração pertence ao céu, por ser ele a forma do Amor que herdamos de Deus, pela intervenção de Jesus Cristo’.

Os carrascos inconscientes, assustados com o achado, correram espavoridos para comunicar o acontecimento aos inquisidores, que festejavam mais uma vitória na teórica limpeza do sarro da Pátria, e principalmente, do seio da Igreja. O coração de Joana, que não se queimou, contrariando as leis da Física, foi ponto alto nas reuniões dos chefes inquisitoriais.

Joana, quando atada ao lenho, poderia ter saído do corpo, mas assim não quis; preferiu, enquanto a queimavam, entrar em prece, pedindo a Deus por seus opositores. Terminada a rogativa, desprendeu-se do fardo físico e viu sua protegida enroscada nas labaredas, protegendo seu coração. Estendeu os braços e recolheu-a no regaço de Amor e, com um beijo, colocou-a refratária ao sofrimento que a torturava causado pelas chamas e, ao lado de um cortejo de estrelas volantes, demandou ao infinito.”

Noutra ocasião foi um abolicionista muito conhecido. Encarnou também entre as conhecidas “Bruxas de Salém” e foi perseguida por praticar a magia branca, na época, condenável. É um ser de uma magia encantadora e facilmente envolve os ambientes nos quais entra com muito amor. Numa ocasião, em um Reino Dévico conheceu Zero i, quando este descera da sua nave mãe e deparou-se com um lindo ser de cabelos esvoaçantes, de um brilho violeta claro e um olhar que mais pareciam a própria serenidade ali manifestada. Eles se olharam e Zero i, na sua elegância amorosa, disse… “Permite-me a honra da sua presença junto a energia do meu agrupamento?” – Ao que ela disse… “Aguardava a ti como a noite aguarda o Sol.”. Ele se curvou diante de tanta energia transformadora e pacífica, agradecendo a oportunidade. Ela embarcou imediatamente na nave quântica do Zero i, nave com um brilho azul prateado reluzente. Vanula é integrante do Agrupamento de Zero i há bilhões de anos e esteve presente em todas as missões deste ser magnético.

Está sendo chamada pelo Plêiades 1 a trazer as poções do Amor, Paz, Serenidade, Liberdade, Doçura e Cura tanto para o físico como para o espírito. Chamada também a ir em espaços astrais e físicos densos e curar aqueles que ali estão através do olhar. Seu olhar tem um magnetismo violeta suave transbordante e revigorante. Constantemente é chamada nas zonas astrais, onde almas que acabaram de deixar o plano físico violentamente chegam com traumas. Ela e seu agrupamento vão para ajudarem no alívio e reequilíbrio daqueles seres. Chamada a invocar as forças da Natureza, em harmonia com todos aqueles do agrupamento do Zero i e qualquer outro agrupamento, para unificarem as forças em prol de um planeta pacífico e harmônico. Tem poder de conexão com os ventos podendo, através de invocações, chamar *Tanoaê, Tanoai, Tanoay e Tanuy.

É até onde Jesus me permite transmitir.

***

(*):

TANOAÊ = Vento destruidor, o furacão, a força reparadora que varre Terra levando e limpando as energias negativas, e deixando nosso planeta em seus planos Crísticos. Tanoaê é um poder originário do calor do Sol e da força fria da Lua que, abrindo o Nêutron, (não confundir com o *Nêutron da Física. Na linguagem iniciática, Nêutron é o nome da força que divide os Planos Vibracionais), emite sua força no vento para levar sua mensagem e fazer suas reparações, fazendo a limpeza das impregnações coletivas. Age nas grandes tempestades junto aos grandes temporais, numa explosão de forças telúricas, realizando profundas desimpregnações que proporcionam melhoria das condições do ser humano e dos três reinos da Natureza, por aliviar cargas muito pesadas e alterar padrões vibratórios que poderiam provocar sérios desastres. Tanoaê tem poderes de manipular forças, abrindo o Nêutron para levar sua mensagem e fazer sua reparação.

TANOAI = É o vento que traz o consolo para aqueles que se deixam cair no desespero e já não têm mais esperanças de sobreviver.

TANOAY = É o vento construtor que modifica para melhor toda a sintonia da Natureza e do Homem, conduzindo-o para o progresso material e espiritual.

TANUY = É um vento suave, uma brisa, que leva os mantras para os planos etéricos, penetra nas cavernas (lugares sombrios no astral) levando a paz, a ternura confortando aqueles que sofrem angustiados os tormentos dos lugares onde chegaram por seus próprios baixos padrões vibratórios.

VÍCIOS = Velhos padrões, “status quo”.

VÍRUS 1/7 MAGNUM = Vírus 1 de 7 dentro do fraudulento sistema bancário – Função: Causar avarias no sistema e impedir as transações via SWIFT (“Society for Interbank Financial Telecommunication Codes/Códigos da Sociedade para Telecomunicações Financeiras e Interbancárias” –https://pt.wikipedia.org/wiki/SWIFT) e outros meios fraudulentos da cabala escura. Um vírus de computador inserido pelas forças da Luz para, aos poucos, derrubar o velho sistema e impedir ações da cabala escura de continuar usando dinheiro do mundo para seus planos.

VÍRUS “NEFELIM1” = É um código de Luz inserido na matrix negativa para derrubar setores específicos do sistema. Um pouco mais especificamente, para desmantelar setores de entrada de amebas negativas, que têm como função induzir, confundir e levar Guerreiros e Trabalhadores da Luz à dúvida e cansaço extremo, colocando a ideia de que “O Trabalho para a Luz não vale a pena”. Eu vi esses “Vírus”, como pequenas bolas de luz quântica, em forma de Geometrias Sagradas. A visão que tive foi de um rasgo na matrix e por esse pequeno rasgo, (Setor Gate B12), ou melhor, entrada específica, entravam ali essas amebas para manter a “Bola/Planeta” cheio. É como se a Terra fosse uma bola de assopro, e pelo bico entrasse o ar. Só que não é o ar que entra! Vi o “Vírus” fechando essa entrada de “ar”, tal como quando sofremos um corte, e os anticorpos “correm” para cicatrizar a entrada. Então, cabe aqui: “Vírus Nefelim1″ = AnticorposDALUZ”.

VÍRUS SÍNUS = É um código de Luz inserido na matrix negativa. Neste caso, para desmanchar, especificamente, as camadas de plasma negativo que impedem ou tentam impedir a entrada mais pura da luz solar e/ou da Luz das forças da Luz. Ou mesmo impedir a entrada de pensamentos telepáticos de mentores da Luz das esferas Superiores. Usa-se a palavra “Vírus” porque, no caso, ele causa uma “infecção” (positiva) dentro da matrix negativa e começa a provocar colapso. Esse código (Geometrias Sagradas microscópicas) de Luz foi projetado de Sírius A.

VISÃO SUPERIOR, O MAGO BRANCO = Integrante da Equipe Sementes das Estrelas. Não tenho autorização para mencionar seu nome linear. É um lindo ser de energia venusiana, que tem ligação direta com a Frota Mariana. Esteve em vários sistemas da Galáxia Local e outras galáxias. O Senhor Sanat Kumara o assiste constantemente. É um lindo professor de magia branca nos planos iluminados.

Tem uma habilidade poderosa de observar todas as situações de uma visão superior, encontrando qualquer solução que precise para resolver o problema que for. Coloca-se, muitas vezes, em uma posição de dor e inferioridade por misericórdia àqueles a sua volta, para sentir cada uma daquelas emoções e adquirir mais Sabedoria e Amor. Quando absorve essa sabedoria, coloca-se novamente em uma posição de observador e passa a ajudar por meio de orientação, apontando o caminho a ser trilhado.

Consegue saber os potenciais de cada caminho, graças à sua habilidade de observar as linhas de tempo de uma forma superior e entender todos os potenciais referentes à cada linha. Em muitas de suas vidas trabalhou com Magia, tendo também sido humilhado e perseguido pelas forças das trevas devido a imensa facilidade em saber o futuro e fazer poções de Luz que desintegravam completamente os planos negativos.

Foi perseguida na caça às bruxas e, em praticamente todas as suas encarnações, entre os séculos XV, XVI e XVIII, quando liderava um grupo de almas poderosas e detentoras de magia na superfície. Era uma líder do seu agrupamento, e quando esteve nessas épocas, era procurada por centenas de pessoas para ouvirem seus conselhos e orientações. É um ser extremamente amoroso e sério. Não faz algo sem ter a certeza do que esteja fazendo. Não diz a ninguém algo se realmente não souber o que está dizendo. Faz porque sabe e pode.

Quando nas suas mais elevadas expressões, tem um olho de Luz no meio da sua testa que, quando se conecta com o outro ser, funde-se. Ali são feitos os cálculos quânticos e ela é capaz de saber os potenciais para cada linha de tempo, para cada caminho que o outro ser possa escolher trilhar. Pode-se dizer que é um lindo Bruxo Branco, e pode, se quiser, assumir a roupagem que desejar.

Muitas vezes é chamado pelas forças da Luz para realizar lindas missões de “espionagem”, quando se veste de ser das trevas e entra nas grandes reuniões onde os tenebrosos arquitetam contra os planos da Luz. Infiltra-se e descobre facilmente os planos, e muitas vezes, assume a palavra em meio aos magos negros. Ali, como se fosse um deles, discursa como se concordasse com eles, mas em meio às palavras, com muita sabedoria, despeja Luz sobre todos. Muitas vezes, sai de lá andando no meio de todos, enquanto eles estão desmaiados em profundo sono, devido a radiação deixada pelo Bruxo Branco. Quando acordam desse sono, não conseguem mais se lembrar dos planos que arquitetavam.

Ela é extremamente respeitada em todos os sistemas onde vai, e é muito amada pelas crianças de todas as esferas. Elas a admiram e a tem como um Pai/Mãe. É também conhecida como Visão Superior.

Está sendo chamada pelo Plêiades 1 justamente para esse fim: para adentrar os planos mais densos das cavernas das trevas, nos planos astrais Terrano e se infiltrar e, quando com a palavra, discursar sobre a Luz, usando parábolas que serão despejadas nas consciências dos irmãos tenebrosos. Na superfície, está sendo chamada a manter a serenidade e a observar todas as situações de um nível superior, para que, através desse exemplo, inspire a todos aqueles à sua volta.

(Podem observar que no texto existe um misto de energias, masculina e feminina. É assim mesmo, ela/ele tem as duas expressões muito intensas e isso é claramente mostrado no texto.)

VISÕES = Espiões.

VP RUSSO = Vladmir Putin.

VITHOR, O ANJO DE MIKHAEL = Integrante da Equipe Sementes das Estrelas. Não tenho autorização para mencionar seu nome linear. Um lindo ser das legiões do Mikhael. De vibração disciplinadora, foi chamado pelo Príncipe dos Anjos a vir a Galáxia conhecida pelos Terranos por Via Láctea e junto às legiões de Luz já presentes no ambiente, ancorar a energia da 13ª Dimensão e além. Ele pertence a essa dimensão, tendo liberdade de acesso a várias outras. Tem um selo de “autorizado” a acessar até a 17ª dimensão, onde, quando vai, o faz para colher informações com os Anciões Sagrados Universais, e trazê-las para as dimensões mais baixas.

Viu todo o processo que levou a Atlântida a sucumbir, assim como esteve ao lado de um grande faraó conhecido como Tutankamon, como um dos seus guardiões. Viu quando o querido faraó estava morrendo e não conseguiu chegar a tempo. Esteve presente em muitas guerras na superfície Terrana. Devido ao seu ímpeto por justiça, foi capturado e torturado muitas vezes, por querer revelar segredos que descobria daqueles que desejavam o mal da humanidade. Esteve nas conhecidas Cruzadas e em Roma, na época do Cristo.

É o portador do Selo da Lei de Mikhael. Ele e sua falange são de bilhões de Anjos que sempre estão presentes nas formações de Sistemas Solares inteiros, a fim de garantir a ordem, e que nenhuma força negativa venha a intervir no processo. Esteve presente na criação de várias Galáxias, incluindo a Galáxia via Láctea, onde decidiu experimentar a materialidade e as dimensões mais baixas.

Em muitas das suas tarefas, também se assemelha ao Visão Superior, o Mago Branco, vestindo-se como anjo negro e adentrando a espaços onde seres malévolos tramam contra o Bem. Ele entra no meio deles e começa a conversar descontraidamente, levando-os ao riso, onde nem eles mesmos, os das trevas, conseguem entender porque riem. Mas riem deliciosamente. Vithor tem uma habilidade especial no olhar e, por mais sério que seja, existe no seu olhar uma energia extremamente alegre e nenhum ser, do mais sutil ao mais denso, consegue resistir ao seu olhar sério e, ao mesmo tempo, amoroso e brincalhão. Quando deseja, ele ativa a energia da alegria e leva os seres nesses espaços de reuniões maquiavélicas ao riso, transmutando com o Fogo Azul todas as ideias ali expostas.

Certa vez, em uma dessas reuniões onde Vithor foi chamado por Mikhael a fazer parte, Vithor não sabia como entrar ali. Os magos presentes eram extremamente inteligentes e espertos, sabedores de várias magias e já conheciam Vithor e suas habilidades. Isto aconteceu no Sistema Estelar de Orion, há bilhões de anos atrás. Vithor decidiu ir, e em meio à reunião, vestiu-se como uma criança de 1 ano, com lindos olhos azuis. Os magos negros, altos, com seus capuzes negros e olhos avermelhados, tendo a metade das suas faces como caveiras, e a outra metade como uma fumaça escura, viram aquela criança que apareceu no meio do salão. Eles pararam e olharam e um deles disse, “Não caiam nisso! Sabemos quem é!”. A criancinha sorria amorosamente e, com seus grandes olhos azuis, encantava o mais bruto coração ali presente.

Os magos negros haviam chegado da Galáxia de Andrômeda e recrutavam ali, naquele sistema, seres que viessem com eles para um “serviço”. Na verdade, eles queriam capturar alguns seres daquele aglomerado para serem seus escravos em uma invasão que desejavam fazer em um determinado sistema… (Sistema Solar Local…). Todos eles naquele salão se encantaram com Vithor, a linda criança de olhos azuis brilhantes, mas um deles não caiu fácil. Esse ser, é um dos “ar” mencionado no Glossário do Plêiades 1. Um dos “ar” mais poderosos. Na superfície Terrana ficou conhecido como Hitler. (Este ser já está em processo de recuperação, e as forças da Luz já trabalham para sua elevação e reintegração na comunidade de luz. Enviem toda luz que puderem a esse ser, para que ele ilumine a sua consciência). Vithor, continuou sorrindo e o chefe daquele grupo de magos se aproximou dele com olhar desconfiado, enquanto os demais sorriam encantados com Vithor. Este começou a olhar em seus olhos e enquanto isso, o hipnotizava de tanto Amor, ao que quando o chefe dos magos negros percebeu o que estava acontecendo, jogou seu cajado para o lado e bradou “Ninguém pode me seduzir, ninguém!!!” E, neste momento, um exército de Anjos de Luz Azul adentrou no espaço magnético onde eles estavam e capturou todos os outros magos negros ali presentes, menos um. O chefe deles conseguiu escapar por um vórtex negro criado por si próprio quando jogou seu cajado ao chão, voltando para Galáxia de Andrômeda novamente, onde prometeu voltar com mais força para o que desejava fazer.

Vithor, ficou um pouco “entristecido” por não ter conseguido capturar o chefe deles, mas novamente voltou a sorrir e a ter sua seriedade habitual. A maioria desses magos negros capturados na ocasião, estiveram encarnados no plano físico terrano e, alguns deles, já em processo de retorno à Luz, desejaram encarnar como Judeus perseguidos por Hitler. Um dos Anjos de Luz Azul do exército de Vithor, esteve encarnado na Alemanha e tentou tirar Hitler de cena. Esse anjo ficou conhecido na superfície como Coronel Stauffenberg. Ele prometeu a Vithor que o ajudaria a capturar o chefe daquele grupo de magos negros, ao que Vithor disse: “Há muitos meios de capturarmos esses emissários das trevas, Lionar (nome do Anjo Stauffenberg nas altas vibrações). E o mais eficiente é o tempo. Todos desejam experimentar o tempo, porque eles anseiam ter controle de tudo, e o tempo nas baixas vibrações é necessário. Lá nos encontraremos porque eu não irei sossegar até ver o último emissário das trevas novamente envolto em Luz, nem que eu mesmo tenha que me tornar trevas”. Eles sorriram, se abraçaram e foram à prisão magnética onde o Portador da Chave assegurava a guarda dos demais emissários das trevas. Um desses outros emissários, também decidiu encarnar na superfície terrana e restaurar sua vibração à Luz. Acabou por ser envolvido novamente pelo magnetismo de Sinorrh (chefe dos magos negros = Hitler). Este ser ficou conhecido como Eva Braun. A sua intenção primária era impedir o Sinorrh fazer o que pretendia fazer, mas infelizmente não conseguiu, sucumbindo ao magnetismo desse mestre das forças escuras.

Vithor, esse amado ser da Legião de Mikhael é um ser imponente e amoroso. Quando nas suas altas vibrações, é tão amado que nenhum ser o resiste, desejando ficar ao seu lado. Na superfície terrana, encarnou diversas vezes, sempre com seu magnetismo poderoso e, de alguma forma, sendo fonte de inspiração para os seres a sua volta. Tem sua chama encarnada no sistema das Plêiades, onde também tem uma linda passagem naquele aglomerado, quando foi um dos líderes de um exército que ajudou a proteger as Plêiades quando as guerras galácticas estavam no auge. Ali, também conheceu 0i (Zero i) que, novamente em sua roupagem galáctica, criava uma grade magnética para impedir o avanço das forças das trevas naquele setor. Nesta ocasião, 0i (Zero i) conheceu Cranu-Idini e viu também o grande exército da Galáxia azul chegar naquele aglomerado, entre eles, alguém muito familiar, (IUD-IL).

Vithor tem profunda conexão com Mikhael podendo se conectar com ele a qualquer momento. Tem a sua disposição uma legião de amigos anjos, que se colocaram com muito Amor ao seu dispor, sempre que desejar e se sentir cansado das baixas vibrações terranas. Vithor ainda é muito respeitado pelas forças escuras porque, por mais que eles sejam arrogantes, sabem e honram a força e o Amor de Vithor e sua legião de Luz. É uma expressão da Lei do Criador na superfície terrana, e onde quer que vá.

Está sendo chamado pelo Plêiades 1 para colar o Selo da Lei no coração de todos os habitantes da superfície e planos astrais terranos. Sendo chamado a ir nas zonas do astral inferior e se fazer conhecer, levando a sua seriedade e disciplina a todos que ali estão. Sendo chamado a resgatar no astral inferior Terrano alguns dos Anjos de sua legião que, quando juntos a ele, decidiram experimentar as baixas vibrações, acabaram por sucumbir, não conseguindo retornar ao seu estado original. Vithor é, também, por natureza um socorrista, e o Plêiades 1 o chama para socorrer todas as almas que desejam um retorno à Luz. Sendo chamado a irradiar o seu magnetismo de Amor em todos os lugares que for, já que, naturalmente consegue atrair para perto de si todos, quando coloca sua atenção ou mesmo quando não coloca sua atenção. Seu magnetismo é tão intenso que ele consegue atrair o mais denso coração e ali, tem uma chance de mostrar a Luz que existe, vinda direto do coração do Criador.

“X” (Exército “X” ou “X” Internos) = Planeta X, base da Resistência. Vide mais Aqui ou Aqui e Aqui ou Aqui.

X-28 = Setores no astral negativo que controlam o tempo, a fim de usá-lo para seus fins negativos. Exemplo: Tempestades criadas, tremores, calor e frios extensos, mudança de curso nos rios, etc…

X440-Z9 = Galáxia Azul de onde veio IUD-IL e CADI-IL. Mais informações sobre IUD-IL na letra “I” do Glossário Específico e sobre CADI-IL na letra “C”.

YALDEBAOTH = O Polvo plasmático negativo conectado à Terra. (Semelhante a: https://drive.google.com/file/d/0BzIT5bTTHI8xN0x6VXJfb2toSHc/view?usp=sharing) – É um ser de energia plasmática. Um dos anjos caídos mencionado nas escrituras. É uma espécie de líder para os arcontes. Ele está controlando-os, porque manipula uma grande percentagem de plasma, nesse Sistema Solar. Essa entidade veio de uma determinada seção do setor da galáxia de Andrômeda, passou por Órion e, finalmente, terminou neste Sistema Solar. Essa entidade plasmática, eu diria, o corpo plasmático dessa entidade está lentamente se desintegrando ou transformando-se em pura Luz, na medida em que as Forças da Luz estão progredindo.  (Um pouco mais sobre o assunto, vide: Aqui, Aqui ou Aqui e Aqui ou Aqui).

ZERO i ou SEEDREAACK 0I (ZERO I) – (GABRIEL RL) = É um Ser Magnético, de Amor Transbordante e Universal. Veio de um Universo Magnético ainda não conhecido pelos Terranos. Seu nome SeeDreaack 0i (Zero i) é um código celeste: 0 = Unidade dentro do Comando. i = Representa energia expansora. Representante da energia primária da Criação. Energia Ação – Força primária Azul da Legião de Mikhael. Especialmente “Zero i” – quando seu nome somente ao ser verbalizado nos planos astrais inferiores e na superfície, desintegra correntes negativas. O código também o identifica nos multiversos. “Zero i, este ser Magnético, recebeu recentemente uma atualização no seu campo de energia, sendo conhecida como TAU (TRANSMISSOR DO AMOR UNIVERSAL). Passou 170 (cento e setenta) dias terranos recebendo descargas energéticas diretas do seu Universo Magnético, o que o permitiu atualizar-se na superfície terrana e passar a ser um dos transmissores diretos dessa energia Magnética do seu Universo Magnético.

Teve passagem no universo local pelas Plêiades, Cocheiro (Auriga), Sirius e outros sistemas ainda não conhecidos pelos Terranos. Teve grande influência na criação da Terra. Ajudou no que pode no projeto Terra. Encarnou em vários pontos do Planeta Terrano. No Egito, por exemplo, quando recebeu de Deus a oportunidade de liderar um povo de uma determinada Dinastia. Ao que tudo indica – Amenófis III.

Esteve em grandes batalhas terranas: foi um guerreiro Medjai; esteve em Esparta (Grécia); também foi líder de um exército que tentou salvar Jerusalém da destruição; em seguida, nos planos astrais terranos, ajudou na proteção do Santo Graal; também esteve ao lado de Alan Kardec. E, mais recentemente, como um general que tentou barrar Hitler.

No Universo Local atual, habitualmente reside numa grande Nave Mãe. Nesse momento, trabalha simultaneamente em três pontos: Plano Terrano, Plano Astral e na Nave Mãe. Atua agora como sendo uma janela no plano físico terrano para essa energia que vem diretamente do Universo Magnético, de onde sua essência pertence. Nisso, abriu-se para um maior contato com os reinos da natureza terrana, água, fogo, terra e ar, em razão dessa atualização.

É um ser muito amoroso e humilde. Não aceita elogios com facilidade e, quando aceita, serena na alma porque sabe que é apenas mais um a servir a Luz. O seu magnetismo amoroso é como um poderoso atrator: consegue atrair muitos à sua volta, devido à intensa atração positiva que seu coração exerce.

É um ser detentor de grandes segredos universais e, em muitas de suas vidas, sofreu nas mãos das trevas por tentarem arrancar dele códigos poderosos, os quais ele deu a vida muitas vezes, para honrar as altas esferas. É também um guardião interestelar protegendo os portais e buracos de minhocas de entrada de entidades negativas em determinados universos. Recentemente barrou um imenso exército draconiano de entrar num determinado universo… Em uma das suas personalidades universais, trabalha no Comando Ashtar e, em outra, é um Ancião Conselheiro, onde inspira as pessoas a terem Fé.

Pertencente também à Mônada daquele que na Terra foi conhecido como São Francisco de Assis e, com muito Amor, se colocou à disposição desse amoroso ser para servir e ajudar no que for possível à iluminação dos Terranos, mostrando-lhes o poder da Fé e incitando a inspiração divina no coração de cada Terrano.

Desta vez, foi chamado pelo príncipe Mikhael a reunir milhares de Sementes Estelares na superfície Terrana. É um dos muitos mostradores do caminho que vieram a Terra a serviço da Luz e a ao chamado de Mikhael. Quando nas zonas espirituais, em uma grande reunião de milhares de agrupamentos universais que estavam prontos para vir à zona Terrana, foi de forma unânime, escolhido dentro do seu agrupamento como sendo aquele que, quando encarnado, iria ajudá-los a lembrar de quem eles eram. Muito emocionado, ajoelhou-se na frente de todos (neste momento, estava em sua roupagem de ancião…), e chorou. Aqueles que estavam no salão viram gotas de Luz cair dos seus olhos celestes e essas Gotas de Luz foram vistas cair na Terra. Foi aplaudido pelo seu agrupamento e, em seguida, ele levantou-se e foi a cada um dos que ali estavam, um por um, e beijou-os na testa dizendo “Que assim seja!”

É um ser extremamente sensível às energias. Próximo a ele, é necessário que se mantenha a mais alta vibração possível porque ele consegue captar qualquer fração negativa e isso, de alguma maneira, quando no plano Terrano, acaba por deixá-lo triste. Ele não se considera melhor que nenhum outro ser, mas deseja mostrar com todo coração o que cada ser representa na criação. Quando muito feliz, estremece as trevas e as dissipa rapidamente. Quando triste, parece-se como um dia de sol lindo que, de repente, é encoberto por densas nuvens escuras, e todos à sua volta sentem a intensa mudança de energia.

Nenhum ser que esteja fora de um alinhamento amoroso consegue permanecer muito tempo perto dele, a menos que entre na mesma sintonia. A radiação emitida é tão   tremenda que, ou o ser entra na mesma sintonia ou se afasta, por não suportar a vibração. E, da mesma forma, pode ser tão simples que confunde-se com as flores do campo, especialmente Zantedeschia aethiopica.”

Está rodeado de um exército de Luz que se colocou disposto a ajudá-lo no trabalho de reunir as sementes. Tem ligação direta com Mikhael, sendo um dos seus raios no plano físico terrano. Também é um dos raios daquele que no plano terrano foi chamado de Akhenaton. Atualmente também trabalha na energia da Mestra Ascensionada Rowena e Mestra Nada. Tem a proteção constante também e orientação do Arcanjo Gabriel, que o inspira na seleção dos materiais que irão ao ar no seu site Sementes das Estrelas. Atualmente é um dos canais do porta voz da Federação Galáctica, SaLuSa de Sirius. Tem sua chama encarnada atualmente no plano físico.

Devido a sua natureza, não gostaria de expor essas informações, mas cedeu ao pedido da sua equipe em Terra e do P1. Como já mencionado, é um dos muitos Mostradores do Caminho na superfície terrana. O seu agrupamento total tem cerca de 100 (cem) milhões de almas, nisso, cerca de 55% dessas almas estão na superfície terrana e as demais estão nas zonas astrais, tanto inferiores como superiores, e nas naves em volta do Planeta. As almas mais próximas a ele, as que entenderam rapidamente seu chamado de despertar, são aquelas que o ajudam a despertar as demais do mesmo agrupamento. É um ser muito simples no olhar, mas estremece qualquer um quando empoderado na Luz que traz do seu Universo Magnético.

Está sempre em constante atualização, podendo estar conversando com algum Terrano e, por alguns segundos, levar seu olhar ao horizonte… Nestes momentos, está trabalhando em um dos outros dois planos: Astral ou Nave Mãe.

Foi chamado também pelo Plêiades 1, graças à seriedade com que conduz seu trabalho no plano físico, e graças à simplicidade em seu coração que mantém a energia ancorada, possibilitando a entrada de mais Luz – no caso, o P1.

ZONA T = Espaço Astral de Israel.

Demais termos usados nas mensagens do Plêiades 1, são intuitivamente compreendidos pela mente linear, dispensando, assim, maiores explicações aqui.

***

Espero que, de alguma maneira, eu tenha conseguido trazer  elucidações sobre as mensagens da série “UMA RÁPIDA NOTA SOBRE A SITUAÇÃO” – dos nossos amigos de energia esférica Plêiades 1.

Para acompanhar as mensagens “UMA RÁPIDA NOTA SOBRE A SITUAÇÃO”, DO PLÊIADES 1, CLIQUE AQUI (ou na Página Principal, “Categorias”, “Plêiades 1”).

***

IMPORTANTE: Antes de finalizar essa exposição, é oportuno explicar que já obtive anteriormente a informação sobre a existência das “esferas de consciência”. Durante o curso que canalizei, “Iniciação/Curso: A Caminho da Multidimensionalidade – tomando consciência das realidades paralelas”, El Morya, o Mestre inspirador desse curso, coloca o aluno em meditação e o conduz ao encontro com essas esferas de consciência, comprovando, dessa forma, a veracidade da informação. Isso está gravado no CD do curso, no ponto 00:30:00 a 00:31:20 do contador. Eis abaixo a transcrição do excerto:

“… o Amor pulsa em seu coração. Rapidamente você é levado a um espaço, um espaço único que não tem limites, que não tem paredes, que não tem teto, que emite apenas, uma radiação branca intensa. E, nesse espaço, você consegue observar outras luzes iguais a você, outras consciências. E, para facilitar o seu entendimento, são esferas como sóis, iguais a você. Não físicas. Apenas energia. São milhares delas!… Milhares de consciências. Bilhões de consciências. Trilhões de consciências!… Ao infinito. E você, completamente em paz, sentindo todo Amor que faz parte do teu ser. Você se unifica a todas elas. Vocês agora, são apenas UMA CONSCIÊNCIA!…”

(Sobre o curso, vide mais informações aqui: Aqui).

AGRADECIMENTOS

A Candido Pedro Jorge e a Pablo Felini, integrantes da minha amada equipe Sementes das Estrelas, pela elaboração prévia dos TERMOS E EXPRESSÕES UTILIZADAS pelo Plêiades 1.

A Tânia Zanelatto de Campos e Solange Yabushita pela revisão textual.

A Davi Aguiar, pela colaboração nas pesquisas.

A Luís Fernando Rostworowski pela produção do vídeo exemplo.

Em amor, bênçãos e Luz,

Gabriel RL (Um pouco mais sobre mim, CLIQUE AQUI)

Fonte – Sementes das Estrelas

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s