Liderança Necessária Agora e no Futuro – Parte 2

Liderança Necessária Agora e no Futuro – Parte 2

14 Julho, 2016 por

(Nota Gilberto – Leia a 1ª Parte)

Liderança-Post-09.08.2016Sim, este artigo foi escrito e compilado para si, quer se considere um líder ou não. A base deste artigo é uma discussão que Steve Beckow da Idade de Ouro de Gaia teve recentemente com o Arcanjo Miguel. Para aqueles que não estiverem familiarizados com a ideia de se poder conversar com um Arcanjo, vou acrescentar que o canal do Arcanjo Miguel é Linda Dillon, que foi escolhida para canalizar o Conselho do Amor há aproximadamente 3-4 (5) anos. Posso garantir a qualidade deste material canalizado. Porquê? Bem, simplesmente por causa das várias ocasiões em que me senti maravilhada com a sensação de Amor e chorei ao ouvir estas conversas ao longo dos últimos três anos. Nós “sabemos”, simplesmente sabemos quais são as canalizações de alta qualidade pelo nível de verdade profunda emocionalmente transmitido. Qualquer pessoa que tenha tido oportunidade de ver a qualidade do trabalho da Linda Dillon ao longo dos últimos anos irá certamente concordar e reconhecer a pureza, sinceridade, amor, dedicação, integridade, beleza e alegria inerentes ao seu trabalho.

Então avancemos para esta discussão de grande importância sobre a liderança agora e nos próximos meses aqui em Gaia. Devo dizer que nas orientações do AM que se seguem há “ouro puro” e não só no que diz respeito a liderança, mas Ele aborda também, por exemplo, a forma como nos sentimos agora nesta Terceira Onda do Tsunami da Mãe, etc.

O Arcanjo Miguel abordou a preocupação existente entre a população desperta e os Trabalhadores de Luz em geral de que também nós possamos cometer – “duplicar” – o tipo de erros em posições de liderança que foram cometidos pelos líderes da sociedade patriarcal 3D, ou seja, deixarem-se influenciar por tentações de controle, ganância, luxúria, autoridade e abuso de poder. Ele refutou imediata e vigorosamente essas preocupações da seguinte forma:

Liderança-Post-09.08.2016-1“Meus amigos, não há qualquer hipótese de vocês caírem nessa duplicação. Isso foi aquilo que vocês lutaram para eliminar. O que vos pedimos é que avancem na verdade dos vossos dons, das vossas capacidades …alguns de forma mais ou menos relevante, mas cada um de acordo com a sua verdadeira missão e propósito em Gaia – não em outros planetas… conjuntamente e em cooperação com os vossos irmãos e irmãs Estelares, mas não fora do planeta… para trazer estas maravilhosas novidades.”

Um pouco mais adiante nesta conversa, Ele diz:

“E a vossa humildade, que é encantadora e constitui uma virtude sagrada, é linda. Mas nesse sentimento, não caiam numa falsa humildade ao negar a verdade sobre quem são realmente.

Está na hora, meus queridos, de fazer uma análise mais profunda. Sim, já ouviram falar da vossa missão de alma, o vosso raio, as vossas cores – tudo isso. Mas precisam também, como ponto de partida para esta discussão sobre a mestria, de olhar de forma inequívoca e sem qualquer receio para quem vocês são realmente e não negar – já vos foram atribuídos muitos nomes, muitas designações, alguns são guardiões da Terra, tu meu querido irmão (Falando diretamente para Steve Beckow) és um comunicador… és um guerreiro.

Há muitos indivíduos na minha legião azul que são guerreiros pacíficos, cada um agindo de forma diferente; alguns são comunicadores, alguns viajam comigo na escuridão da noite para os lugares mais terrivelmente sombrios, alguns de vocês trabalham literalmente e teoricamente na frente interna e outros transformam as ideias de guerras entre reinos.

Cada um de vocês detém uma peça única deste puzzle, desta revelação das intenções da Mãe. E sim, vocês detêm o vasto leque de talentos, mas também os talentos muito particulares que vocês dominam. Parem de os esconder.

Nós precisamos, sim, precisamos, dos nossos parceiros alinhados e unidos. Tantas vezes vocês nos perguntaram, “Onde está a Companhia dos Céus? Como é que nos estão a ajudar?” Estamos aqui convosco nesta revelação, em cada passo do percurso, sempre com amor – nada mais. Sim, os efeitos secundários, os elementos de amor, paz, alegria, paixão e compaixão, paciência e resistência – todos eles são parte integrante, fibras subatómicas do amor da essência da Mãe.”

Então como é que nós, Trabalhadores da Luz, entramos na plenitude das nossas missões agora? Vou continuar aqui com uma pergunta do Steve:

SB: Sim, se for esta a minha oportunidade para intervir, Senhor. Antes de mais, deixe-me dizer em nome de todos os Trabalhadores de Luz que avançamos alegremente para servir de qualquer forma necessária. Gostaríamos de saber que papeis precisa que desempenhemos. E o que virá; não me refiro ao agora e já. Mas pode dizer-nos o que é a mestria?

AM: Ficarás surpreendido com a simplicidade da minha resposta. Mestria é a aceitação, a rendição e a incorporação na vossa própria forma – como são, como amor.

SB: Isso é feito por um processo de emergência, de revelação? Como é que isso acontece?

AM: É através do processo de rendição. É um processo de eliminação. É um processo de iluminação para emergência. E é aqui que vocês estão, a maioria de vocês, neste momento. Por isso dizemos que se não estiverem aí, façam a eliminação e entrem no estado de emergência. Estamos aqui para ajudar…

Quando emergem e ficam nessa frequência, nessa energia, então o que acontece é que tudo se abre: todo o reino de compreensão daquilo que consideram como iluminação ou visão ou sabedoria se abre para que não tenham que procurar em mais nenhum lado.

SB: Posso falar-lhe na dificuldade que tenho neste aspecto, ao pensar sobre todo este tópico, Senhor?

AM: Sim.

SB: Bem, imaginemos que temos milhares e milhares de mestres e líderes. Quem é que está lá a remar o barco?

AM: O remador mestre está a remar o barco.

SB: (riso) Ok. Então temos mestres nos remos e mestres no leme.

Liderança-Post-09.08.2016-2

AM: “Cozinheiros mestre, cuidadores mestre, protetores mestre. Vocês têm uma expressão, “Muitos generais e poucos soldados.” Não é isso que estamos a dizer. Há muitas pessoas assim, aliás a maioria escolheu realizar um serviço… e refiro-me a esse sentido, um serviço prático. E depois há aqueles que escolheram desempenhar papéis de liderança, aquilo que vocês consideram um papel de liderança.

Mas parte da mestria é saberem quem vocês são e em que é que são excepcionais e o que preenche os vossos corações e os faz cantar de alegria. E para alguns é desempenhar esses papéis de remador, de apoio, porque é isso que querem fazer. É esse o papel que escolhem para servir a Mãe…

Mas usemos o teu exemplo do remador. Se o líder não mantiver o ritmo dos remos, então não é da responsabilidade única do líder manter o ritmo do remador. Se fores um remador e estiveres na tua mestria, o ritmo estiver desencontrado e portanto o fluxo não estiver a ocorrer, então como remador mestre não levantarás a tua mão e chamarás a atenção do líder para esse fato? Claro que sim. E é essa a importância de toda a gente estar onde quer estar… na função da sua escolha.”

O “tão importante” conceito de MARÉ BAIXA e MARÉ ALTA no Novo Paradigma de Liderança.

“Não é uma questão de tentar encaixar toda a gente numa posição e dizer “Fica aqui,” porque no paradigma de liderança de que falamos, no paradigma da mestria, as pessoas seguem o fluxo e o refluxo, tal como as marés. Não se trata de uma estrutura fixa, estratificada, porque a mestria de um pode ser necessária esta semana e a mestria de outro pode ser necessária no próximo ano. E é preciso que haja no coletivo, no campo unificado, a disposição para todos se ajustarem a esse fluxo e refluxo. Será assim a nova comunidade.”

O Arcanjo Miguel fornece agora uma breve descrição de como é a liderança na perspectiva Deles:

Liderança-Post-09.08.2016-3“Sei que muitas vezes se dirigem a mim, mas pensem nisso da nossa perspectiva; eu não faço tudo, claro que não! Cada um tem o seu papel principal, mas há muitas outras coisas que cada um de nós faz em nome da Mãe e ao serviço da Mãe e nunca hesitamos em obter a ajuda de outros quando necessário porque conhecemos as nossas forças e fraquezas. Só Gabrielle não admitiria uma fraqueza.”

Este último comentário do AM sobre a sua Amada Irmã Gabrielle (representação à esquerda), que parece ser a principal administradora no “Céu” do Conselho do Amor, faz rir todo o meu ser! Steve regressa aqui com outra pergunta para o AM:

SB: Se estivéssemos na quinta dimensão, tudo isto seria conhecido e totalmente natural. Funcionaríamos assim de forma contínua. Mas creio que agora estamos provavelmente na quarta dimensão se não estou em erro e ainda há vestígios do ego. Ainda há criações a fazer, vasanas a remover. Há algum ensinamento de transição que nos possa ajudar a chegar lá… a desenvolver e a permitir a emergência dessa mestria?

AM: Sim. Deixem de pensar como se fosse inferiores. Sei que isso agora parece um ensinamento muito simples, e sim, tem a ver com questões centrais.

Ora recuemos um pouco. Gaia está ancorada na sétima dimensão. Vocês têm uma expressão (em Inglês), “Fake it ‘til you make it” (Finge ser até que o sejas mesmo). Ponham os pés na sétima dimensão da consciência e amor Crísticos. Vocês estão certamente na quarta, nas margens da quinta. Por isso é que tantos de vocês estão a experienciar tantas situações de mudanças rápidas e muitas vezes tumultuosas, incluindo: situações relativas a memórias, confusão mental, algumas situações de rápida “mudança corporal”.

Parem de fingir. Parem de fingir porque nem sequer é real. É um sistema de crenças antiquado, obsoleto que diz que vocês estão de alguma forma presos em algum lado ou são “inferiores”.

A cura de transição que está a ocorrer faz parte do plano da Mãe para vos limpar. Sim, mais forte do que nunca… e elevar-vos à dimensão mais alta. Por isso, o vosso trabalho de transição sempre que algo surgir é deixar ir, entregar, renunciar e aceitar essa verdade de quem vocês são.

A escolha é, “Quero ser miserável? Quero ficar aquém? Quero ficar limitado mentalmente, emocionalmente, financeiramente, ambientalmente? Quero ver a minha liberdade incubada?” E todos vocês estão a chorar, a gritar e a declarar “Não, nós exigimos a nossa liberdade.”

E parte dessa declaração… a vossa declaração, e não apenas a da Mãe… é de que estão prontos para saírem das sombras, não de uma forma egocêntrica, não com uma postura do tipo “Eu sei a verdade. Eu sou a luz. Eu sou o salvador.” Já tiveram salvadores que cheguem no vosso planeta para os próximos milhares de milhões de anos.

A mestria, a liderança não tem a ver com egocentrismo. Tem a ver com tornarem-se pastores. Tem a ver com tornarem-se líderes gentis que servem o seu povo e mostram o caminho. E se for o caminho para uma mesa, para um barco, para o seu coração, então este é o seu caminho, esta é a escolha da sua divindade e da sua mestria.

Então a lição, a verdadeira técnica, é amarem-se a si próprios. Quando vocês se ancoram no vosso coração, quando se ancoram na sede da vossa alma preenchida com a energia Materna, conseguem dizer e sentir no vosso ser, na vossa consciência, nas vossas ações diárias “Eu amo-me a mim mesmo. Eu honro-me a mim mesmo. Eu estou bem. E se eu cometer um erro, se eu errar durante um dia ou uma semana, vou perdoar-me? Será que entendo que estou a aprender algo que irá ajudar o coletivo, que irá fortalecer a minha compaixão, que irá mostrar-me a mim, para depois mostrar aos outros, o que não fazer? Sou suficientemente corajoso para partilhar os meus erros? Preocupo-me o suficiente com os outros para partilhar as minhas perspectivas… não como instruções ou direções, mas como forma de compaixão, humildade e incrível paciência?”

Porque muitos de vocês que estão no planeta são mestres, e parte disso é serem persistentemente teimosos, por isso é que se mantêm nesse caminho. É uma qualidade excepcional, mas por vezes vocês ficam relutantes em dar ouvidos à sabedoria dos outros, por isso abram os vossos corações e amem-se a si mesmos.

Amem cada aspecto de quem são e de quem fora e depois mergulhem mais profundamente e vejam realmente a verdade de quem são. E se houver alguns vestígios de vasana, de questões essenciais… entreguem-nos. Deixem ir, porque não são de amor. Foi um mecanismo de defesa muito poderoso de que já não precisam. Está na altura de co-criarem juntos. Estão prontos?”

O Arcanjo Miguel, juntamente com o nosso Amado Sananda Yeshua e a Mãe Divina, tem muito mais a dizer sobre este assunto da liderança. Voltarei brevemente a este tema num outro artigo.

Aqui fica o link para o artigo anterior que escrevi sobre este assunto aqui no Prepare for Change intitulado Liderança Necessária Agora e no Futuro.

Este segundo artigo foi originalmente publicado aqui no PFC a 29 de Maio de 2015. Therese Zumi – Website: www.veritasgalacticsweden.net, 22 de Junho de 2016 às 10:39 CET

Read in: English

Fonte – Prepare for Change

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s