Suzanne Lie e Os Arcturianos – Interruptores de Código Nº 2 – 19.04.2015

Suzanne Lie e Os Arcturianos – Interruptores de Código Nº 2 – 19.04.2015

Suzanne Lie e Os Arcturianos – Em 07 de março de 2015

(Nota Gilberto – Leia Parte 1)

Olá novamente.

Voltei com Interruptores de Código nº 2.

Tenho recebido tanta informação agora que é demais para escrever, então estou falando em um gravador e meu querido amigo está transcrevendo para mim.

Portanto, vocês terão a vantagem de ouvir e também ler.

E, quanto mais sentidos nós usamos para assimilar a informação, mais nós podemos entender essa informação. (Obs: para ouvir, é preciso fazer o download do arquivo: http://suzanneliephd.blogspot.com.br/2015/03/code-breakers-2-and-free-download.html).

Agora, retomando de onde parei em Interruptores de Código nº 1, eu desejo dizer que ao mudarmos para a nossa total conscientização, é importante voltarmos aos estágios de nossas vidas porque há componentes em nosso eu que ficaram perdidos na pressa, na agitação, no trabalho e no medo de nossa vida tridimensional.

Agora, essas fases são Moça/Guerreiro, que começa aos nossos 20 anos de idade até nos tornarmos pais e/ou adultos mais responsáveis.

Então nos tornamos Mães e Pais.

Depois disso, nós entramos no terceiro estágio, que é o Mentor para mulheres e o Sábio para homens.

Essas três fases de nossas vidas, e há muitas fases pequenas em cada fase, mas confiem em mim, se vocês estiverem nos seus 20 anos e pensam que experimentaram a fase Mentor, não, é completamente diferente quando vocês chegam à idade de 60 para frente.

Vou falar um pouco sobre as três fases.

Na primeira fase, que é a fase Moça/Guerreiro, como eu escrevi pela primeira vez há bastante tempo, Moça sempre era mulher e Guerreiro sempre era homem.

Mas isso não é necessariamente válido agora porque há muitas guerreiras e homens que têm a capacidade de ter talentos femininos que já foram julgados como uma tarefa feminina.

Vocês podem ver como isso é importante porque as polaridades estão começando a fechar.

Quando eu cresci, na década de 1950, as meninas somente podiam usar saias e tínhamos o Dia da Bermuda (NT: início do verão) quase duas vezes ao ano, então nós podíamos vestir calças.

Nós tínhamos que usar cintas e meias de nylon não importava como jovens éramos.

Os meninos não podiam usar cores porque não era masculino.

Eles podiam usar cinza, marrom e azul.

O papel dos meninos e das meninas era muito definido e havia uma lacuna.

Portanto, o que está acontecendo agora é que essa lacuna está diminuindo.

Essa escolha “ou um/ou outro” está mudando para você pode ter os dois.

Agora, nós não sabíamos disso quando éramos mais jovens.

Portanto, certas crenças principais começaram a se desenvolver em nós.

Eram crenças que diziam: “Ah, eu não posso fazer isso”.

Então, quando vamos para essa fase Moça nós observaremos essas crenças principais que nós acumulamos, as liberaremos e diremos a esse componente do nosso eu que: “Sim, você pode. Você pode fazer o que quiser fazer. Agora você é uma pessoa multidimensional, e você tem a liberdade que não tinha naquele período de sua realidade”.

Nós podemos observar aqueles que agora estão nessa fase, no início dos 20 anos.

Eles são muito diferentes dos adultos, e eles são líderes do próprio jeito eles.

Portanto, aqueles de nós que já passaram dessa fase podemos voltar e encontrar esse líder que nós sempre fomos, e que provavelmente nós nos expressamos do nosso próprio jeito silenciosamente.

Realmente eu estava nela nos anos 1970 e era muito divertido.

Eu estava muito honrada por ser capaz de estar viva durante essa época de sermos Interruptores de Código.

Nós precisamos voltar e recuperar esse sentido maravilhoso de liberdade que tínhamos naquela época.

Mas, então o que aconteceu é que os anos 1980 chegaram e todos tiveram que arrumar empregos e sustentar seus filhos, começou a doutrinação.

A lavagem cerebral foi acelerada.

Então nesse período dos anos 1980 houve muita lavagem cerebral.

Portanto, nós precisamos voltar e interromper aqueles códigos antigos e descobrir o que nós aprendemos durante os anos 1980.

Agora, vocês observam a década de 1990 e o início da década de 2000 e o 11 de setembro, que foi uma época aterradora.

Essa foi uma época que era destinada a ter a Terceira Guerra Mundial.

Mas porque muitos de nós que vieram antes, chegaram e assumiram corpos, nós pegamos fragmentos de nosso maravilhoso ser multidimensional e fomos para esse período pós-guerra.

Nós interrompemos a doutrinação e criamos nossos filhos para interromper essa doutrinação.

Então nós conseguimos não ter essa Terceira Guerra Mundial que estava registrada para começar com o 11 de setembro.

Todos nós precisamos nos congratular porque nós saímos dessa realidade possível e dissemos: “Ah não, não vou participar da realidade de uma guerra mundial. Não farei isso!”.

Nós saímos dessa realidade e levamos conosco nossos filhos e nossos amigos.

Essa foi a primeira vez que começamos a nos conscientizar de que podíamos criar outra realidade.

Se esta realidade coletiva específica não é de minha escolha, agora eu percebo que este é um mundo multidimensional e há muitas realidades que eu posso escolher.

Eu escolho não participar de uma realidade onde há guerra.

É muito importante que mantenhamos isso em nossa consciência agora.

Nós podemos decretar:

“Eu me recuso participar de uma realidade à base de medo, guerra e negatividade.”

“Eu escolho agora viver numa realidade à base de Amor Incondicional.”

“Eu escolho aderir a este lindo processo de transmutação em nosso verdadeiro eu Corpo de Luz pentadimensional e planeta Corpo de Luz.”

Nós temos essa escolha, e se nós pudermos lembrar-nos disso, nós fazemos essa escolha.

Por escolher criar essa realidade, nós temos que SER nossa realidade, e então entramos no estágio Mãe e Pai.

Nós somos as Mães e os Pais não importa qual é nossa idade cronológica.

Nós somos as Mães e os Pais de Nova Era.

Mães e Pais assumem a responsabilidade por seus filhos, cuidam de seus filhos, educam seus filhos, ensinam seus filhos a serem adultos amorosos e responsáveis.

Da mesma maneira, é nossa responsabilidade mudar nossa sociedade e honrar que nós somos “As Mães e os Pais de uma nova frequência de realidade”.

Portanto, nós amorosamente cuidamos e assistimos aqueles que, ainda, não se lembraram de quem eles verdadeiramente são.

Para reconhecer totalmente a maneira como podemos assistir essas pessoas, nós precisamos entrar na próxima fase.

A próxima fase é Mentores e Sábios.

Nessa fase Mentor/Sábio nós voluntária e abertamente nos tornamos os líderes.

Assim que progredimos do estágio em que somos jovens e começamos a reconhecer nosso eu, nós entramos na segunda fase de Mães e Pais, pois, se realmente tivemos ou não filhos, todos nós estivemos fazendo nascer este novo planeta.

Então, nós entramos na fase Mentor, Sábio para assumir a responsabilidade por tudo que nós aprendemos.

Com esperança nós nos voluntariamos para sermos os representantes para Gaia.

Nós não estamos aqui para apenas reconhecer nosso próprio poder e orquestrar nossa própria Ascensão.

Nós estamos aqui para nos alinharmos com o poder maravilhoso de Gaia e com os poder maravilhoso de Seu núcleo onde os Lemurianos, os Arcturianos, o amado Sanat Kumara, o amado Kuthumi e todos os maravilhosos seres Ascendidos estão TODOS preparados, dispostos e nos orientando em todos os momentos do Agora.

Os Arcturianos está aí, os Pleiadianos estão aí, os Sirianos estão aí e o Andromedanos estão aí.

Então, nós não estamos sozinhos.

Nós somente temos que expandir nossa percepção para a quinta dimensão e nós acreditaremos, porque nós perceberemos.

Se nós podemos acreditar, nós podemos perceber e quando nós podemos perceber, nós podemos acreditar.

AGORA nós entramos nesse ciclo de acreditar e perceber.

Entretanto, o grande desafio de estar em nosso corpo tridimensional e nossa vida tridimensional às vezes pode nos derrubar.

Quando isso acontece, o que nós precisamos fazer é ir para os “Centros de Recalibragem de Frequência”.

Nós continuaremos com a parte 3 dos Centros de Recalibragem de Frequência.

Fonte: http://suzanneliephd.blogspot.com

Tradução: Blog Sintese

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s