Chama Branca – A Chama do Poder, Sabedoria e Verdade – 09.04.2015

Chama Branca – A Chama do Poder, Sabedoria e Verdade – 09.04.2015

Estamos agora entrando em uma nova fase de profunda lembrança do que a humanidade perdeu com a queda da Atlântida, Lemúria, o Reino do Leão (Lyra) e Elysium, a primeira de todas as civilizações da Terra.

Em que isso tem a ver com as energias das pirâmides que perdemos com a maioria das pirâmides originais sendo tão profundamente enterradas e propositadamente escondidas da humanidade, com o Conselho Intergaláctico afirmando que a humanidade não seria capaz de acessar suas energias e as energias da rede diamante/branca dourada novamente, até aprender a usar as energias liberadas de forma responsável.

Uma das minhas primeiras recordações de vidas passadas foi uma recordação vívida de quando eu costumava ser uma alta sacerdotisa do templo da pirâmide da chama branca. Era a maior de todas as pirâmides e ficava em uma ilha ao largo do continente. Ela emitia uma ofuscante luz branca pura e incorporava todos os raios de cores em uma única chama.

Foi aqui que a superconsciência do campo de energia da matrix foi mantida, incorporando todos os dados recolhidos a partir do cosmos, especialmente deste planeta, do sistema solar, da galáxia Via Láctea, do Universo e das 12 galáxias que estavam envolvidas com a cocriação deste planeta. Ela estava ligada diretamente à grande loja branca de Sírius, e o núcleo galáctico da Pirâmide do 7º Templo do 7º Sol da 7ª galáxia. Todos trabalharam em conjunto como UM só, toda a vida neste planeta, todas as criações e todo o conhecimento foi programado para esta chama do templo, para manter tudo isto em um único ponto central para a humanidade.

Relacionado: O 7º Sol Central da 7ª galáxia Retorna.

Era conhecido como o principal templo e onde estavam os salões de registros (como no campo de energia da superconsciência, portanto não como pergaminhos ou escrita, mas energia pura), os salões de sabedoria e conhecimento, os salões de tecnologia e ciência, os salões das escolas de ensino e mistério superior, os salões de cura superior. Foi um enorme centro de estudos superiores e aprendizagem e tudo isso foi mantido em um campo único de energia, que foi então o campo de energia da superconsciência, diretamente ligado ao Divino, através de Sírius.

Eu vividamente recordei os últimos dias de Atlântida, quando este templo foi bombardeado por um enorme feixe de laser atômico dirigido a ele, por aqueles que desejavam destruir este templo e todos dentro dele. Foi então que uma operação de resgate maciço foi lançada. A chama branca e o campo de energia da superconsciência foram removidos e levados para Andrômeda por segurança e todos aqueles lugares na Terra que haviam ocupado o seu conhecimento coletivo, as pirâmides afiliadas e as redes de energia foram selados e desligados para que ninguém mais tivesse acesso a eles.

Eu, com Thoth e meu parceiro de vida o sumo sacerdote mais alguns que haviam permanecido fiéis à lei do UM, por segurança levamos os registros menores do planeta para a esfinge no Egito, pois naquela época o Egito tinha sido desenvolvido como uma colônia de Atlântida.

A esfinge e as pirâmides de Gizé são muito mais velhas do que os especialistas afirmam, elas são remanescentes do contingente Lyrian (o povo leão), que tinham uma grande civilização no Saara muito antes do antigo Egito, e que foi literalmente explodida por causa de um enorme guerra nuclear entre dois irmãos, que incorporaram todo o Saara e o Oriente Médio.

A esfinge então, é muito mais velha até mesmo do que as pirâmides, os atlantes reconstruíram as pirâmides ou melhor, as renovaram sobre a base das pirâmides muito mais velhas que já estavam lá.

A esfinge em si tem 72 andares de subsolo e salões de registros, os menores foram armazenados no subsolo profundo e selados com certos sistemas de energia que funcionam em frequências vibratórias específicas.

É Atlântida que agora está nos assombrando, pois milhares de almas que estavam vivendo na Atlântida naquela época estão todas encarnadas novamente, a fim de cumprir as obrigações cármicas e, finalmente, fazer certo o que deu errado.

Em si Atlântida funcionou em muitos níveis e foi construída sobre as ruínas do que uma vez foram as grandes civilizações anteriores a ela. Por isso, levantou-se a partir das cinzas do velho e muito do que ela herdou ou criou em tecnologia não era sua própria, mas sim emprestada daqueles que vieram antes. Pode-se também usar a palavra, “recuperada” ou “lembrada”. No entanto, não eram tão sofisticadas quanto eram antes, porque a própria Atlântida estava no estado de 5ª dimensão e não na 7ª dimensão, como estavam as civilizações anteriores.

Foi este fato, mais do que qualquer outra coisa que acabou por provocar a sua queda, pois apesar de terem o acesso a esta imensa tecnologia, eles não sabiam como usar corretamente o seu poder. Ou seja, em vez de usar o poder para o bem maior de todos, eles começaram a usá-lo para seus próprios fins, causando estragos e autodestruição no final por não serem capazes de dominar as lições do poder.

O que somou à queda da Atlântida, é que eles abriram suas portas intergalácticas, então seres de outros sistemas estelares entraram e se estabeleceram aqui. Foram esses seres que lenta, mas seguramente se infiltraram na mente dos cientistas e daqueles que estavam trabalhando com tudo que estivesse relacionado a esta tecnologia, também a metafísica acabou tendo mau uso do seu poder.

Como Atlântida está subindo e vindo para nos assombrar, todos nós teremos que dominar a lição do poder. Não é só aqueles que governam que têm poder. Todos nós inerentemente temos poder. A maioria de nós tende a entregar seu poder para os outros, não valorizando seu próprio poder, permitindo que outros o dominem. Ficando impotentes e, em seguida lamentando sobre o estado do mundo.

O fato é que o mundo está muito mais dentro de nós. Nós somos o mundo que criamos. Todos carregam o mundo dentro de si. O que nós criamos dentro de nós mesmos é o que nós manifestamos no mundo exterior.

A maior parte da população do mundo vive sua vida em desespero, porque eles não se capacitam, não buscam esta capacitação. Mas principalmente porque eles nunca entenderam o princípio básico de que podem ser ou fazer qualquer coisa, não importa quais sejam as circunstâncias. Se você realmente deseja se elevar acima de tudo isso, você pode e você vai. A maioria nem sequer tenta, prefere culpar todos os outros por suas calamidades e isentar-se da culpa. No entanto, alguns dos maiores líderes do mundo surgiram a partir das mais difíceis circunstâncias e as superaram. Eles tinham um sonho e uma visão maior que era a soma total de si mesmos e não deixaram ninguém ficar entre eles e esta visão.

Além disso, temos o poder para criar as nossas vidas de acordo com nossas próprias visões interiores. Às vezes, porém o que tentamos criar nem sempre está em alinhamento com o bem maior de todos os interessados. Alguns de nós sabemos de coisas em seus corações que prejudicou alguém querido, ou quando tentou forçar sua vontade sobre os outros, sabendo que estava tirando sua própria vontade e escolha.

Neste momento, muito destas coisas velhas virão para cima de nossas vidas na Atlântida, Egito, Avalon em particular. Elas estão todas ligadas. Nada é por acaso.

Estão vindo à tona estas energias obstruídas do hemisfério norte, que tem a ver com guerra e destruição, com trauma e dor. Tem a ver com o abuso de poder. Jogo de poder. Subjugação. O uso da força.

Isso não significa apenas guerra, muitas vezes os relacionamentos são os maiores campos de batalha e onde o maior abuso de poder é jogado. O uso do poder ou subjugação no sentido sexual, no casamento, nos jogos de poder, nos contratos, etc.

O mesmo se aplica aos negócios e à utilização da energia no mundo dos negócios. Aplica-se à educação, à ciência, à tecnologia. Em todos os lugares onde o poder é usado e abusado.

Ninguém está isento. Todos nós temos poder e todos nós em algum momento abusamos dele de alguma forma. Se não fizemos isto com as pessoas, nós fizemos isso com os animais, as plantas e a própria Terra.

Até que comecemos a nos tornar cientes de como e quando os jogos de poder entram em jogo, não vamos aprender as lições que já nos aconteceram.

Tudo isto será trazido de volta para a nossa verdade mais elevada e o pleno conhecimento de que estamos neste momento no limiar de imensa reabertura das grades de energia do planeta, em conjunto com a reativação das pirâmides, mas precisamos ter total responsabilidade agora de como usamos o nosso poder.

Se não dominarmos esta lição, então não será permitido o uso deste poder.

É tão simples assim.

O templo da Chama Branca está subindo novamente e a chama branca só será devolvida a este planeta, quando finalmente estivermos prontos para assumir o manto da responsabilidade de usar este imenso poder para o bem maior de todos, e não para o auto-serviço.

Os que carregam esta chama sempre tiveram de transportar a chama para toda a humanidade. Eles sabem quem são e eles mais do que ninguém sabem que o poder é uma espada de dois gumes que deve ser usado com sabedoria.

O epítome da sabedoria é conhecer o poder e usá-lo com sabedoria.

©Judith Kusel

Origem: judithkusel

Tradução e Divulgação: A Luz é Invencível

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s