Os Companheiros Constantes – “Uma breve atualização nas Energias do Equinócio” – 18.03.2015

Os Companheiros Constantes – “Uma breve atualização nas Energias do Equinócio” – 18.03.2015

Mais uma vez estão diante de uma ocasião onde irão se beneficiar grandemente de uma coincidência de dois eventos celestiais.

Numa época do ano em que o posicionamento do corpo celeste que habitam, em relação ao seu Sol parece colocar todos num estado de equilíbrio, serão visitados por outro evento que irá afetar o impacto das energias que estes dois eventos simultâneos causarão, não apenas num aspecto individual, mas de uma forma coletiva.

Como percebem, esta próxima instância da Lua cobrindo toda a largura do seu Sol terá um efeito profundo sobre todos. Isso aumentará bastante a quantidade de missivas energéticas benéficas, que serão capazes de penetrar em todos seus sistemas.

Mais uma vez, nossas palavras podem parecer excessivamente complicadas, embora o que estamos tentando transmitir é que: não é por acaso que este próximo eclipse solar irá coincidir com a data em que chamam de Equinócio.

Neste dia de equilíbrio, a ocultação do disco do Sol pelo da Lua, servirá para inflamar alguns conectores energéticos internos que estiveram desligados, aguardando apenas pela chegada desse momento.

Todavia, isto não será novidade nenhuma. Afinal, o que é esta jornada, senão uma sucessão aparentemente interminável de tais ignições e ativações? Mas, desta vez, será uma série de eventos que, por sua vez servirá para colocar tudo, realmente, numa perspectiva muito nova – que desejamos dizer em todos os sentidos da palavra.

Na medida em que os raios do Sol parecerem diminuir pela presença invasora da Lua, na pratica o que acontecerá, é que toda a energia que não constitui a parte visual da luz solar será bem maior. Isto pode parecer contra intuitivo, em muitos aspectos, embora isto seja o que realmente irá acontecer.

Porque, como talvez já saibam, tudo que chega através do Sol, necessariamente não é originário dele. Pelo contrário, passam através dele e, assim, neste caso, seria mais adequado pensar que o Sol seja algo como um portal com uma função de iluminação adicionada, ao invés de ser um espécime singular de matéria celestial, definida por seus limites e suas coordenadas no tecido do espaço.

O Sol é um receptor multidimensional para todos os tipos de transmissões energéticas e, como tal, durante essa fase, sua autogeração de energia não poderá ser acessada, causada  pela intervenção útil da Lua.

É quando todas essas e outras missivas de informações remotas e energicamente reforçadas e engendradas, serão capazes se tornarem muito mais eficientes, algo como o som claro de um sino, que se torna mais audível quando todo o ruído de fundo é reduzido a um mínimo.

Assim, também será durante esse período de silêncio gerado durante o momento do eclipse solar e, mesmo que o bloqueio da luz seja visível numa pequena parte do seu mundo, seu efeito será global.

Nem estará limitado ao período do próprio obscurecimento. Ao invés disso, o que pode ser visto como o período do início real, todos os efeitos benéficos que essa aceleração avançada terá sobre vocês, poderá não ser imediatamente perceptível por todos, embora nos aventuramos a adivinhar que em alguns aspectos, sentirão os efeitos destes dois eventos intimamente entrelaçados em seus sistemas físicos.

Entretanto, qualquer desconforto que sentirem, será apenas temporário, como até agora seus veículos físicos estão bem a par em todos os critérios. Mas, como sempre, a percepção que terão poderá ser diferente, já que as camadas externas de seu Ser podem ainda ser mais sensíveis às perturbações do seu atual núcleo sólido e rochoso.

Então, saibam que está tudo bem, mesmo que as ondas incidentes sejam suficientes para derrubar alguns por períodos mais ou menos longos  de tempo. Por isso permitam, às vezes, serem levados a um ponto de quietude absoluta.

Lembrem-se de que, mesmo que seus veículos físico, de fato, sejam extremamente resilientes, ainda precisam de todo o apoio que possam dar durante estes tempos extremamente extenuantes. Por isso certifiquem-se de ouvirem bem a todas as sugestões que possam ter acerca do que poderão fazer para ajudá-los, mesmo que seja na forma de necessidades alimentares, esforço físico ou a falta dele.

Então, mais uma vez dizemos para ficarem centrados e manterem a calma, embora alertas para as necessidades de seus corpos, porque essa é a melhor maneira de surfar nesses swells que terão pela frente.

E mais uma vez, lembrem-se de que não importa o quanto alto as ondas possam se tornar, nunca perturbarão o equilíbrio total que sempre que  existe dentro de vocês na forma de ondulações que parecem infindáveis nas partes mais rasas, do que constitui apenas a crosta superior do que fato são: um cadinho ressonante, complacente e indestrutível que são em toda sua glória.

Portanto, não se preocupem, mesmo que às vezes sintam-se quase reduzidos a um sussurro, muito mais fracos do que realmente são, pois agora, em breve, terão de volta aquela voz poderosa que SÃO e que, logo, serão chamados para, com os mais poderosos e magníficos dos rugidos despertar a todos.

Canal: Aisha North 

Fonte: Aisha North – Channelingsand Words of Inspiration

Tradução: Sementes das Estrelas / Candido Pedro Jorge

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s